O Espetacular Homem-Aranha 3: Como seria o filme cancelado pela Sony?

Capa da Publicação

O Espetacular Homem-Aranha 3: Como seria o filme cancelado pela Sony?

Por Gus Fiaux

O retorno de Andrew Garfield em Homem-Aranha: Sem Volta para Casa deixou muitos fãs extasiados com a possibilidade de ver novamente o herói apresentado em O Espetacular Homem-Aranha. Desde então, muitos têm feito até campanhas para que a Sony possa produzir e lançar um terceiro filme do personagem, apenas para que sua trilogia seja concluída e traga um desfecho para a história dessa “variante” do Amigão da Vizinhança.

E embora seja pouco provável que isso aconteça, é interessante analisar o passado e ver exatamente o que a Sony e o diretor Marc Webb pretendiam fazer com o terceiro capítulo da franquia, já que partia de um plano audacioso para dar a partida em um vasto universo cinematográfico inteiramente focado no Homem-Aranha e seu grupo de vilões – e aqui, reunimos tudo o que você precisa saber sobre como seria O Espetacular Homem-Aranha 3!

Terceiro filme mostraria o Homem-Aranha se unindo ao simbionte Venom!

O Homem-Aranha

O Espetacular Homem-Aranha 3 seria originalmente lançado em 2018, cerca de 4 anos após o lançamento do segundo filme do herói. Aqui, acompanharíamos os desdobramentos da trama de Espetacular 2, e a morte de Gwen Stacy seria um ponto focal da trama. Peter Parker ainda não havia superado essa perda trágica quando uma nova ameaça se ergue no horizonte.

De acordo com os planos originais de Marc Webb, veríamos um Homem-Aranha muito mais sombrio e triste, que não havia conseguido superar a perda de sua namorada e descontaria ainda mais nos vilões. A ideia era explorar um Homem-Aranha que nunca foi visto nos cinemas, em seu momento de maior fragilidade, que precisaria reaprender a ser um herói como nos filmes anteriores.

E as coisas não seriam facilitadas graças à chegada de Venom. Embora não se saiba se o personagem estaria como o vilão do filme, veríamos Peter Parker se unindo ao simbionte e se tornando ainda mais violento – e até isso abre uma série de questionamentos, já que a “gosma preta” aparece brevemente em uma cena de O Espetacular Homem-Aranha 2, mas parece ser uma criação da Oscorp (como no Universo Ultimate, e não um simbionte alienígena).

Filme marcaria o retorno do Duende Verde de Dane DeHaan.

Os vilões

As ideias para vilões parecem ter sido bem alteradas nas mãos da Sony. Claramente, o estúdio pretendia fazer uma coisa, mas Marc Webb Andrew Garfield não estavam muito satisfeitos com a ideia – e é por isso que o terceiro longa nunca viu a luz do dia. Originalmente, Webb queria que Kraven, o Caçador fosse o principal vilão do filme, e há rumores de que uma seleção de elenco chegou a ser iniciada para o personagem.

Contudo, a Sony estava muito investida na ideia de um filme do Sexteto Sinistro, composto apenas por vilões do Amigão da Vizinhança. Logo, começou uma tentativa de fazer com que Espetacular 3 fosse a “Parte Um” do filme dos vilões, contando uma história que logo se alongaria para o crossover. E entre os principais personagens que já estariam confirmados na equipe, teríamos o Duende Verde de Dane DeHaan, um dos vilões de Espetacular 2.

Além disso, o resto do Sexteto ainda contaria com o Doutor Octopus, o Abutre, o Rino e o Rei Duende – que seria o próprio Norman Osborn vivido por Chris Cooper, que retornaria à vida de alguma forma. Além deles, havia uma sexta figura que nunca foi revelada. De acordo com vários rumores da época, Paul Giamatti retornaria para o papel de Rino, enquanto Matthew McConaughey Christoph Waltz estavam em negociações para viver Abutre e Octopus, respectivamente.

Shailene Woodley já estava confirmada no papel de Mary Jane Watson!

Novos aliados

Após a morte de Gwen Stacy, Peter Parker se fecharia em uma bolha e precisaria aos poucos reconquistar o sonho e a esperança de ser um super-herói. Para isso, ele contaria com novos amigos, aliados e até um possível interesse amoroso para o futuro. É aí que entra Mary Jane Watson, que inclusive apareceria em O Espetacular Homem-Aranha 2 mas teve seu papel cortado.

A personagem seria interpretada por Shailene Woodley (que chegou a gravar algumas cenas para o segundo filme, com várias imagens circulando na internet até hoje). Ela seria uma vizinha de Peter que aos poucos se tornaria sua amiga. Além dela, teríamos também a presença de Eddie Brock – aparentemente, como aliado e não como inimigo. Finn Wittrock (de American Horror Story) estava na disputa pelo papel.

Além disso, também teríamos o retorno de Felicity Jones no papel de Felicia Hardy. No segundo filme, ela é uma empregada da Oscorp que desenvolve certa afinidade com Harry Osborn (DeHaan), mas nesse terceiro, ela teria um papel maior e aparentemente ia adotar sua persona dos quadrinhos, a Gata Negra – mas ainda não sabemos se ela seria uma anti-heroína ou uma vilã completa.

Gwen poderia retornar em um terceiro filme!

Outras ideias descartadas

Várias outras ideias passaram pelo crivo da Sony mas acabaram sendo descartadas, uma vez que o filme nem sequer entrou em estágios mais avançados de produção – em grande parte, por conta do acordo entre Sony e Disney, para que o Homem-Aranha se tornasse uma parte integral do Universo Cinematográfico da Marvel. Mesmo assim, há algumas ideias que parecem ter sido incorporadas a outros projetos.

Em certo ponto da produção, foi considerada uma participação especial de Cletus Kasady, o Carnificina – vivido inclusive por Alan Tudyk (de Patrulha do Destino). Depois, houve também rumores (confirmados pela própria Emma Stone) de que Gwen Stacy poderia retornar no papel de Carnificina. Embora ousada, a ideia também vem diretamente dos quadrinhos do Universo Ultimate. Ao que tudo indica, a franquia solo do Venom era originalmente planejada como parte do universo da saga Espetacular. O pai de Gwen também voltaria à vida com superpoderes.

Mais do que isso, haveria alguma nova ideia relacionada ao “segredo” dos pais de Peter Parker – e há inclusive uma cena deletada onde o pai de Peter retorna para falar com ele. Há quem acredite que este seria o Camaleão, um vilão do Aranha capaz de assumir vários disfarces. Além disso, parece que houve conversas a respeito da inclusão de outro vilão famoso, o Chacal, um geneticista famoso por criar clones…

Embora todas essas ideias circulassem, podemos perceber nitidamente que o filme estava no epicentro do confronto entre Marc Webb, Andrew Garfield e a Sony. Enquanto o diretor e o ator queriam fazer algo mais contido para lidar com a personalidade desse Homem-Aranha, o estúdio queria algo grandiloquente para dar início a uma franquia que pudesse rivalizar com o Universo Cinematográfico da Marvel. E o resultado final já sabemos!

O Espetacular Homem-Aranha está disponível no HBO Max, enquanto a sequência está no Starz.

Abaixo, confira também:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux