Capa da Publicação

Quem é Titânia, a vilã de She-Hulk?

Por Cristiano Rantin

Está confirmado! Titânia será a grande vilã da série She-Hulk o seriado da grande heroína (e advogada) da Marvel, que tem estreia prevista para 2022 no Disney+. Mas ainda que a Mulher-Hulk seja muito conhecida — especialmente por seu bom humor — em diversas equipes e mídias, pouca gente conhece a sua principal arqui-inimiga. 

Por esse motivo, preparamos esse artigo para responder as principais dúvidas sobre Titânia e explicar quem é a vilã que deve dar trabalho para Jennifer Walters no MCU! 

 

 Quando Titânia foi criada? 

Mary MacPherran, a Titânia, apareceu pela primeira vez na terceira edição do primeiro volume de Guerras Secretas, HQ escrita por Jim Shooter, contando com a arte de Mike Zeck, que foi publicada pela primeira vez de julho de 1984. A personagem foi inspirada pela assistente de Shooter de mesmo nome, como o autor confirma em seu blog pessoal

“Basear personagens nas pessoas do escritório ou do nosso ramo era uma tradição honrada nos quadrinhos,” explica Shooter, listando alguns dos grandes nomes das editoras que foram transformados em vilões das HQs. “Muitos criadores, eu incluso, usamos pedaços e detalhes de pessoas reais na inspiração dos personagens. Ninguém se importava se não era algo feito com más-intenções ou maldades. A maravilhosa, gentil e doce Mary Mac foi de fato uma pequena parte da base de Titânia, que era uma jovem mulher que se tornou super robusta e com a força do Hulk. Se Mary Mac tinha algum problema com a garota durona que eu criei inspirada nela, ela nunca mencionou isso. [..;] Isso era algo que nós fazíamos no passado. Agora eu acho que os criadores seriam processados.” 

Mary Mac, a mulher que inspirou Titânia

A vilã foi uma das antagonistas que fizeram sua estreia nas páginas da Marvel durante o megaevento conhecido como as Guerras Secretas, lutando ao lado de Homem-Absorvente, Ultron, Homem-Molecular, Kang, Ultron, Volcana, Doutor Destino, Encantor e outros vilões da editora, enfrentando os grandes heróis dos quadrinhos na epopeia criada pelo Beyonder

Como foi a primeira aparição de Titânia na Marvel? 

Titânia estreou nas Guerras Secretas

Mary MacPherran era uma garota que vivia no subúrbio de Denver, no Colorado. Nascida prematuramente, ela sofria bullying por conta do seu tamanho, encontrando uma fuga nos livros de fantasia que ela gostava de ler. 

Magra e muito pequena quando comparada com outras pessoas da sua idade, ele era chamada de mosquito pelas garotas populares da sua escola. Constantemente humilhada, perseguida e atacada por Vanessa Ashwood, uma menina rica e extremamente popular do colégio, Mary se tornou uma pessoa ressentida que sonhava em escapar dessa vida. Sua única amiga era Marsha Rosenberg, outra vítima de bullying, no seu caso por não ser magra. 

Em pouco tempo o sonho de Mary se tornou ganhar superpoderes e ser extremamente famosa, sendo adorada por todos, uma espécie de vingança contra todos aqueles que a humilharam antes. 

Quando Julia Carpenter, a segunda Mulher-Aranha, apareceu em Denver, Mary mentiu que era a heroína. Com isso, ela rapidamente conquistou uma popularidade crescente e chegou a ser convidada para uma festa de Vanessa, da qual ela participou junto de Marsha. 

No meio da festa, Denver foi arrancada da terra pelo Beyonder e utilizada como parte do Planeta da Batalha. A Mulher-Aranha surgiu para resgatar as garotas que estavam em perigo, mas ao ver a heroína Vanessa e as outras convidadas da festa atacaram Mary e Marsha, descobrindo que as duas haviam mentido. 

Como Titânia ganhou seus poderes?

Enfrentando a Mulher-Hulk nas Guerras Secretas

Fugindo para uma floresta do Planeta de Batalha, as meninas foram encontradas por Doutor Destino, que as recrutou para o seu exército de super vilões, oferecendo poderes para elas. O vilão utilizou uma avançada tecnologia alienígena, que era alimentada por uma tempestade cósmica, para recriar as duas garotas.

Assim, ele induziu habilidades sobre-humanas em Mary e Marsha. Enquanto Mary foi transformada em Titânia, uma mulher musculosa e com super força, Marsha assumiu a alcunha de Volcana, vilã capaz de transformar seu corpo em plasma, pedra e cinzas vulcânicas, conquistando habilidades diferentes em cada forma. 

Quais são os poderes e habilidades da Titânia? 

Titânia, a arqui-inimiga da She-Hulk!

Ao passar pela alteração genética do Doutor Destino, Titania conquistou principalmente super força e atributos ligados a isso. Conseguindo bater de frente com a Mulher-Hulk no combate, ela é capaz de levantar várias toneladas sem o menor problema.

Por conta dos seus músculos, ela também possui super durabilidade, o que significa que tiros não conseguem machucá-la, assim como quedas de grandes alturas. Golpes poderosos de outros personagens da Marvel também não causam muito impacto nela. Além disso, Titânia consegue aguentar mudanças bruscas de temperaturas, sobrevivendo até o calor intenso como o frio extremo.

Contando com um vigor sobre humano, ela não se cansa facilmente e pode usar o máximo do seu poder por um dia inteiro antes de necessitar um descanso.  

Sua habilidade nas lutas também merece destaque. A vilã é uma lutadora incrível no que diz respeito ao combate corpo-a-corpo. Com seu estilo de luta de rua, ela consegue criar aberturas para utilizar toda sua força bruta. 

Quais são as fraquezas de Titânia? 

Titânia confessando que tinha medo do Homem-Aranha

Além do seu orgulho, algo que permite que ela seja facilmente manipulada, Titânia já demonstrou que sua personalidade mais confiante e poderosa é algo que costuma vacilar quando ela está perdendo um combate — momento no qual, às vezes, ela volta a assumir as inseguranças da jovem Mary. 

Outro ponto que merece ser citado é sua Aracnofobia. Em inúmeras histórias a personagem precisa fazer um esforço descomunal para conseguir bater de frente com o Homem-Aranha, por vezes sendo manipulada para conseguir encarar o herói. Seu medo foi superado de vez durante a história Atos de Vingança

Como a rivalidade entre Titânia e Mulher-Hulk começou? 

Utilizando a Joia do Poder para derrotar a Mulher-Hulk

Logo nas Guerras Secretas tivemos o início da rivalidade entre Titânia e Mulher-Hulk. Trabalhando junto com os outros antagonistas sob o comando do Doutor Destino, Mary encontrou Jennifer e surrou a heroína com brutalidade — e covardia, visto que ela não estava sozinha. 

Depois disso a Marvel estabeleceu um grande antagonismo entre elas, algo que basicamente gira em torno da semelhança entre as duas, sendo mulheres com muita força física. Em diversas histórias vemos Mary entrando em um confronto para tentar provar que é a mais forte, no entanto, mesmo quando utiliza grandes esquemas ou uma parafernália (como a Joia do Poder) para tentar sair como a vencedora dessa disputa, Jennifer sempre acaba vitoriosa — especialmente por conta do seu pensamento rápido e estratégias que usa.

As principais histórias de Titânia

Em Guerras Secretas, Titânia não possui nenhuma participação muito significativa. A vilã age principalmente como capanga do Doutor Destino, enfrentando heróis como a Mulher-Hulk e Homem-Aranha, mas perdendo por sua falta de experiência em combate. 

Logo que o evento termina, Mary busca vingança contra Vanessa e destrói a casa da sua inimiga, iniciando uma vida de vilania após isso e trabalhando principalmente com Carl Creel, o Homem-Absorvente — com que ela engatou um romance e posteriormente se casou.

Titânia foi parte dos Mestres do Mal, grupo formado pelo Barão Zemo, mas não demorou para ela ser presa pelo Homem-Formiga e a Vespa quando ela tentou assassinar Hércules em uma missão da organização. Após sua fuga, Titânia se mudou para Washington e passou a enfrentar (e perder) para a Mulher-Hulk inúmeras vezes. 

Por causa disso, Titânia passa diversas histórias sendo presa no Cofre — uma das prisões de super seres da Marvel –, apenas para fugir ou ser resgatada em outras tramas, sem ter muito destaque nos quadrinhos até Atos de Vingança

Titânia em seu casamento com o Homem-Absorvente

Depois do seu casamento com Creel, os dois vilões passaram a seguir uma vida mais calma, apenas agindo como vilões em situações eventuais. Contudo, quando Titânia descobre que está com câncer e não possui um plano de saúde, ela recebe auxílio de médicos enviados por Thor e consegue ser curada. 

Uma vez recuperada, Titânia voltou com seus planos de derrotar a Mulher-Hulk, chegando até mesmo a utilizar a Joia do Poder para isso. Entretanto, quando Jennifer fingiu que havia morrido no ataque, Mary viu sua alegria murchar rapidamente, uma vez que ela não sabia o que faria com sua vida sem ter a Mulher-Hulk para atormentar. Aproveitando a deixa, a heroína arranca a joia da vilã e a derrota com um único soco. 

Após o evento vemos Titânia rapidamente em Guerra Civil — quando a versão encolhida da antagonista é devorada por um tubarão por causa da Skrull Jazinda, que deve estar na série live-action da She Hulk

Skirn, a Destruidora de Homens

Titânia como Skirn

Após sobreviver (sem maiores explicações) ao tubarão, voltamos a ver Titânia durante a história A Essência do Medo. Nesta HQ, quando o vilão Cul Borson é libertado, ele decide preparar uma vingança contra seu irmão, Odin.

Por isso ele envia sete martelos para a Terra, em busca daqueles dignos para tal missão. É assim que Titânia conquista o artefato, se tornando Skirn, a Destruidora de Homens. Com o martelo, ela assume uma nova aparência e ganha ainda mais força.  

Infelizmente essa mudança dura pouco e, após a derrota de Borson, ela é presa e perde seu martelo, tendo a transformação revertida.

Titânia com os Illuminati 

Cansada dessa vida de ser derrotada e presa constantemente, Mary decide abandonar de vez a sua vida de criminosa. Junto do Homem-Absorvente, ela tenta ter uma vida civil normal, mas não consegue encontrar emprego e viver tranquilamente. Quando Mulher-Hulk a ajuda a conseguir um emprego em uma loja de penhor, não demora para o estabelecimento ser assaltado e Titânia ser culpada pelo dono — ainda que ela tenha tentado impedir o crime. 

É assim que Capuz surge e a convence a entrar para o seu grupo Illuminati, o que faz com que ela ganhe um grande aumento de poderes. No entanto, a vilã não concorda com a maneira que Capuz age e o confronta quando ele sugere que o grupo deveria atacar os familiares dos heróis. Lutando contra ele para proteger seus valores, Titânia consegue derrotá-lo, mas se dá conta de que jamais conseguirá ter uma vida normal fora dos crimes. 

Titânia como anti-heroína na Marvel 

Homem-Absorvente e Titânia na Tropa Gama

Ainda que de forma relutante, Titânia tem se transformado em uma espécie de anti-heroína nas páginas da Marvel. Durante um arco dramático com os Inumanos, quando o Homem-Absorvente se sacrifica heroicamente para proteger o Raio Negro, Titânia passa a lutar pelo lado do bem, tentando salvar Raio Negro dos seus inimigos. 

Mais recentemente, após Creel retornar dos mortos, os dois foram vistos sendo parte da Tropa Gama nas páginas de Imortal Hulk. Titânia e seu amado lutam ao lado de heróis como Harpia e do próprio Golias Esmeralda em diversas missões, além de aparecer tentando conter o Hulk quando ele está fora de controle e tentando matar inocentes. 

Em outra história, quando Hulk precisa de ajuda, Titânia e Homem-Absorvente unem forças para confrontar os Vingadores — e a vilã está especialmente ansiosa para bater de frente com a Mulher-Hulk, apenas para ser contrariada quando a heroína decide ajudar seu primo e lutar contra os outros heróis. 

Quem vai interpretar Titânia no Universo Cinematográfico Marvel? 

Jameela Jamil será Titânia no MCU

Após muitas especulações e teorias dos fãs, foi confirmado que Jameela Jamil, conhecida por seu aclamado papel em The Good Place, será a intérprete da vilã no Universo Cinematográfico Marvel. Titânia terá sua estreia na série da Mulher-Hulk, sendo a principal antagonista de Jennifer Walters na produção. 

Além de The Good Place, Jamil é conhecida por conta dos programas T4 e pelo programa matinal Freshly Squeezed. Atualmente ela participa do programa Legendary que avalia competições de voguing

Jamil também é conhecida por usar ativamente suas redes sociais para criticar algumas problemáticas da mídia e de influencers, falando especialmente sobre a pressão da estética e gordofobia. Temas como feminismo e igualdade também são abordados em suas redes. 

Como será Titânia na série da Mulher-Hulk? 

Titânia e Mulher-Hulk

muitos meses, quando Mulher-Hulk começava sua produção no Disney+, uma chamada de elenco para os testes da série foram divulgados. Entre os detalhes revelados — como a presença dos pais de Jennifer e sua melhor amiga — descobrimos que a vilã da série é descrita como “uma glamorosa influenciadora de redes sociais ao melhor estilo Kardashian, que possui um lado sombrio”. Tudo indica que Titânia é essa vilã, usando do seu carisma e luxo para bater de frente com a Mulher-Hulk, muito além do que apenas na força física. 

Ainda que seja incerto como adaptarão sua transformação nas telas sem utilizar as Guerras Secretas ou o Doutor Destino, ainda é possível que a série explore a insegurança e  histórico de bullying da antagonista, assim como sua contraparte confiante e poderosa que ela passa a assumir após se tornar Titânia. 

Em que outras mídias Titânia aparece? 

Hulk e os Agentes de S.M.A.S.H. apresentou uma versão animada da Titânia

Ainda que pouco conhecida, Titânia já apareceu em outras produções da Marvel. A vilã pode ser vista em Hulk e os Agentes de S.M.A.S.H. animação que teve 52 episódios e foi ao ar no Disney XD de 2013 até 2015. Ela também é vista em Avengers Assemble, o desenho focado na equipe dos Vingadores que teve 126 episódios e 5 temporadas, indo ao ar de 2013 até 2019. 

Já nos videogames, ela é conhecida principalmente por ter sido um chefão no jogo de 1996 Iron Man / X-O Manowar in Heavy Metal, lançado para PlayStation e Game Boy. Mais recentemente ela apareceu como uma personagem jogável no game mobile Marvel Future Fight

Veja também 10 coisas que você precisa saber sobre a Mulher-Hulk:

Imagem de perfil
sobre o autor Cristiano Rantin

Jornalista • Editor • Mestrando em Comunicação pela UEL • Twitter e Instagram: @Chris_Rantin • "Eu sou o fogo e a vida encarnados. Agora e para sempre eu sou a Fênix!"