Capa da Publicação

Jujutsu Kaisen: Qual é a importância de Megumi Fushiguro para o Clã Zenin?

Por Flávia Pedro

Atenção: Alerta de Spoilers!

O Clã Zenin é um dos 3 principais dentro do universo de Jujutsu Kaisen, mas o que muitos fãs não se atentaram foi o fato de que Megumi Fushiguro é um de seus membros. Seu pai, Toji Zenin – que provavelmente conheceremos na segunda temporada do anime – fazia parte do clã, mas o abandonou assim como Maki Zenin. Mas afinal, qual a importância de Megumi para o Clã ainda o considerar um membro, mesmo após seu pai renegar suas origens?

Megumi Fushiguro é um dos alunos do trio principal de Jujutsu Kaisen e também faz parte do Clã Zenin, mesmo que de forma afastada e sem se importar com decisões internas de seu Clã. Sabemos que os Zenin são uma família tradicional que respeita muito as tradições, mas o que mantém o interesse deles em Megumi, mesmo o garoto não estando presente?

Vale lembrar que para os Zenin, o poder e a Técnica Amaldiçoada de seus membros sempre valeu mais que parentesco ou laços de sangue. Nesta família, você é respeitado por ser um Feiticeiro poderoso, hierarquia sanguínea não significa muita coisa. Tendo isso estabelecido, vamos a Técnica Amaldiçoada de Megumi.

Megumi Fushiguro e sua Energia Amaldiçoada

O garoto herdou uma poderosa técnica, a Dez Sombras, que por si só já o colocaria como um dos principais feiticeiros do clã. Além disso, apesar de ainda ser um Feiticeiro de Grau 2, Megumi já desenvolveu o início de sua Expansão de Domínio (que vimos no anime e, posteriormente, no mangá).

Expansões são técnicas extremamente difíceis, não é todo feiticeiro que consegue ter Energia Amaldiçoada o suficiente para realizá-la, mesmo entre os de Grau 1 ou Especial. Mesmo com seu Domínio incompleto, ele já consegue invocar seu Shikigami mais poderoso: Espada Divergente de Oito Empunhaduras: Sila Mahoraga, o General Divino.

Momento no Mangá de Jujutsu Kaisen em que Megumi invoca Sila Mahoraga, o General Divino

Levando em conta os critérios de relação familiar dos Zenin, que se pauta em poder e força, Fushiguro já tem os requisitos necessários para ser “querido” entre os membros, mesmo sem ligar para o Clã. Mas outra coisa que se destaca no garoto é a boa relação que ele tem com outros Clãs, afinal o universo Jujutsu também se mantém a base da boa política e relações.

Por esses motivos, ele foi indicado por Naobito Zenin, o antigo líder do Clã, como o novo líder logo após sua morte. Essa decisão enfureceu boa parte do Clã, incluindo Naoya, o filho de Naobito (que esperava ser nomeado já que era filho do antigo líder), mas Maki “deu um jeito no Clã” se assim podemos dizer.

No fim, Megumi era relevante para os Zenin não por ser filho de Toji, membro da família ou por ser ativo nas decisões do Clã, mas sim porque possui um grande potencial que já é notável entre a elite dos Zenin.

Confira também:

Imagem de perfil
Flávia Pedro

Historiadora formada pela UFF e apaixonada por cultura japonesa, animes, mangás, filmes... Criadora de conteúdo no instagram Anime Dicria, viciada em café e leitora de fanfics ruins nas horas vagas. Instagram: fllavia_pedro