Henry Cavill deixou mesmo o papel do Superman? Entenda o status do personagem no DCEU

Capa da Publicação

Henry Cavill deixou mesmo o papel do Superman? Entenda o status do personagem no DCEU

Por Gus Fiaux

Henry Cavill foi o último ator a interpretar o Superman nos cinemas, dando o pontapé na criação do Universo Estendido da DC Comics em Homem de Aço. O astro manteve-se fiel ao papel por três filmes, mas parece que seu tempo como o Último Filho de Krypton pode ter chegado ao fim – isso porque, pelo visto, a Warner não parece ter nenhum interesse em revitalizar a franquia do herói nos cinemas.

Por isso, hoje analisamos se o astro realmente deixou para trás o papel do herói, tendo em vista que a última vez que o vimos no personagem foi em Liga da Justiça de Zack Snyder – filme que sequer é considerado canônico para a franquia da DC Comics. Aqui, falaremos um pouco de tudo o que aconteceu com o ator e quais são seus planos para o futuro!

A trajetória de Henry Cavill como Superman

Henry Cavill é um ator britânico, com uma vasta carreira na televisão e nos cinemas. Seu papel de maior destaque havia sido como Charles Brandon em The Tudors, série britânica da Showtime que reconta a história da Dinastia Tudor, especialmente o reinado de Henrique VIII. Além disso, o astro havia participado de filmes como Imortais, Stardust: O Mistério da Estrela Hellraiser: Mundo do Inferno.

O astro foi confirmado no papel do Superman em janeiro de 2011, quando Zack Snyder começou a trabalhar em um filme solo para o super-herói – que, originalmente, não faria parte de nenhum universo compartilhado. Em 2013, Homem de Aço chegou aos cinemas, oferecendo aos fãs um Superman mais “pé-no-chão” e bem inspirado pela sua contraparte dos Novos 52.

O ator foi elogiado pela sua interpretação, por mais que o filme não tenha sido nenhum sucesso estrondoso de crítica ou bilheteria. A partir daí, a Warner Bros. decidiu dar continuidade à franquia com um universo compartilhado que seria supervisionado por Snyder – e em 2016, ele retornou ao papel em Batman vs. Superman: A Origem da Justiça, filme que recebeu ainda mais críticas negativas.

Com isso, o astro então só retornou para mais um filme, Liga da Justiça – projeto que teve inúmeros problemas internos e resultou na saída de Snyder do DCEU, com Joss Whedon assumindo a direção do corte que foi para os cinemas. O filme foi um fracasso crítico e comercial, enterrando de vez o “Snyderverso”. Mas, neste ano, tivemos o lançamento de Liga da Justiça de Zack Snyder, o corte do diretor, que traz Cavill novamente ao papel.

O status atual do Superman

Devido à baixa performance dos filmes de Snyder, a Warner decidiu cortar todos os projetos futuros do diretor – que incluíam uma continuação de Liga da Justiça, dessa vez explorando mais de Darkseid e até transformando o Superman em uma espécie de vilão a serviço do Regente de Apokolips. Desde então, o Universo Estendido da DC foi completamente reformulado, dando espaço a uma nova visão da franquia.

Em vez de filmes consolidados que constroem uma história única, como o Universo Cinematográfico da Marvel, a Warner está optando por franquias cada vez mais isoladas que se ligam apenas quando necessário, formando um universo muito mais “mutável” para que vários criadores possam trabalhar. E isso tem rendido bons resultados na crítica e na bilheteria, a exemplo de AquamanO Esquadrão Suicida e até mesmo Shazam!.

Assim, os planos para uma continuação de Homem de Aço parecem ter ido para a geladeira também, uma vez que a Warner quer se desassociar de todas as criações de Snyder, ao mesmo tempo em que preza pela liberdade autoral de seus roteiristas e diretores. Desde então, há rumores circulando de que Henry Cavill teria sido “despedido” pelo estúdio, pondo fim ao seu contrato como Superman.

No entanto, esses boatos nunca se confirmaram. Embora o ator provavelmente não esteja mais sob nenhum contrato da Warner, ele já disse em várias ocasiões que ainda quer retornar ao papel. Por outro lado, a Warner está com mais planos inéditos para o personagem – que envolvem o desenvolvimento de um filme solo focado em um Superman negro. O próprio Cavill deu sua bênção ao projeto, mas não há indícios de que retornará para projetos futuros.

O que Henry Cavill anda fazendo?

Por ora, Cavill continua fora dos projetos do Universo Estendido da DC, mas isso não significa que tenha encerrado sua carreira como ator. O astro britânico atualmente faz muito sucesso com The Witcher, série de fantasia feita pela Netflix que adapta a série de livros homônima de Andrzej Sapkowski. Na série, ele interpreta Geralt de Rivia, um famoso caçador de monstros que protagoniza os livros e a série de games baseada neles.

Além disso, o ator também conseguiu firmar outras parcerias para o futuro. Ele está em Enola Holmes, o filme que retrata as histórias da irmã mais nova do detetive mais famoso do mundo – e aqui, ele interpreta o próprio Sherlock Holmes. Além de ter feito um bom sucesso no primeiro filme, ele já está confirmado na sequência, que está sendo produzida atualmente e pode estrear entre 2022 e 2023.

O ator também não desistiu dos filmes de super-heróis. Em uma entrevista recente, ele disse que quer ser chamado pela Marvel Studios para interpretar algum papel no Universo Cinematográfico da Marvel. Embora não tenha uma preferência específica, ele já tem até ideia de qual papel cairia como uma luva: “Eu tenho internet e vi vários rumores sobre o Capitão Britânia, e isso seria bem divertido”.

Por ora, o retorno do ator no papel do Superman continua uma incógnita e não temos certeza de quando – ou onde – ele pode vestir novamente o traje azul (ou preto) no Universo Estendido da DC Comics. É uma decepção para os fãs do personagem, mas pelo menos ainda temos a chance de ver Cavill em seus próprios projetos pessoais – e o ator parece estar bem feliz com isso.

Abaixo, veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux