Capa da Publicação

Xbox Series X: Tudo sobre o novo console da Microsoft

·
Por Raphael Martins

Nesta matéria, iremos fundo em todas as informações mais relevantes divulgadas até o momento sobre o Xbox Series X, o quarto e mais poderoso aparelho da família Xbox, para te deixar por dentro da nova geração que está chegando e quem sabe até te ajudar a escolher quando a hora chegar.

A nona geração de consoles já é uma realidade, e ela está mais próxima a cada dia que passa. O mês de dezembro, época mais lucrativa do ano para o comércio, deve marcar o início de mais uma guerra dos consoles, quando os novos “monstros” da Sony e da Microsoft serão lançados para competir pelo amor – e o dinheiro – de gamers do mundo todo. E aí, será que vale a pena ir de Xbox Series X nesta geração? Siga na leitura para descobrir!

 

Veja também:

Xbox Series X é o novo console da Microsoft para a nova geração, saiba mais

Preço do PlayStation 5 vai depender do Xbox Series X

Divulgada nova melhoria do Xbox Series X

Series X?

Primeiramente, devemos prestar muita atenção no nome do novo console: Xbox Series X. Isso por si só já é uma informação interessante.

Series X nada mais é que uma das versões que o novo console da Microsoft receberá, a primeira delas, para ser exato. Na verdade, o produto se chama apenas… Xbox. Sim, simples e direto, repetindo a alcunha da máquina original e indicando o renascimento da linha para uma nova era.

Durante a The Game Awards do ano passado, onde a empresa apresentou seu novo produto ao mundo, um representante dela disse aos jornalistas:

“O nome que levaremos à frente para a próxima geração é simplesmente Xbox. Na The Game Awards, vocês viram o nome ganhar vida através do Xbox Series X, e similar ao que os fãs viram nas gerações anteriores, o nome ‘Xbox Series X‘ abre o precedente para consoles adicionais no futuro.”

Dito isso, esperem por mais modelos do aparelho no futuro, e para evitar confusões com o primeiro vídeo game lançado pela Microsoft em 2001, vamos nos referir ao console nesta matéria como Xbox Series X mesmo.

Este é o Xbox Series X, o primeiro modelo de vários que provavelmente virão

Especificações técnicas

O Xbox Series X será um console robusto. Seu processador será um AMD Zen 2 customizado, ou seja, modificado especialmente para atender as necessidades da máquina, que terá uma GPU baseada na Radeon RDNA 2 da AMD. Essa GPU terá nada menos que 12 Teraflops de performance, duas vezes mais que o Xbox One X e oito vezes mais que a edição padrão do Xbox One. Suporte à tecnologia de Ray Tracing, capaz de reproduzir efeitos de luz e sombra de forma mais realista, também é algo garantido, sendo acelerado pelo DirectX 12 da Microsoft.

Uma outra tecnologia patenteada pela Microsoft, chamada VRS (Sigla para “Sombreamento de taxa variável”, em português), irá possibilitar efeitos mais realistas para os objetos e personagens na tela, mantendo a alta resolução e taxas de quadros por segundo mais estáveis durante o jogo. Falando nisso, a promessa da empresa é a de que o Series X rodará seus games entre 60 e 120 frames por segundo, em resolução 8k.

Dentro do console também estará uma memória SSD cujo tamanho ainda não foi especificado, o que pode diminuir e talvez até acabar com o tempo de espera para carregar os jogos.

Imagem oficial do novo console divulgada pela Microsoft, ao lado de algumas especificações técnicas da máquina

Características especiais

O hardware do novo console vai possibilitar a implementação de uma série de novas tecnologias desenvolvidas pela Microsoft especialmente para o aparelho. Sua conexão HDMI 2.1, por exemplo, tornará possível que a máquina use o Modo de Baixa Latência Automática (ALLM), que faz com que o console configure a TV em que está sendo usado para uma latência mais baixa automaticamente. Outra novidade exclusiva do console é a Entrada de Latência Dinâmica (DLI), que sincronizará de forma automática o controle do console ao que está sendo mostrado na tela, prometendo uma jogabilidade ainda mais precisa e responsiva.

Pensa que acabou? Que nada: com o recurso Quick Resume, você pode parar um game e ir jogar outras coisas sem precisar fechar o primeiro, e ainda voltar para ele sem nenhum tipo de carregamento, continuando exatamente de onde parou. Há também o serviço Smart Delivery, onde você compra um jogo apenas uma vez, mas pode usá-lo em outra plataforma Xbox. Um game comprado no Xbox One, por exemplo, poderá ser jogado no Xbox Series X sem que você precise comprar a versão feita especificamente para o outro console.

O Xbox Series X também terá compatibilidade com o projeto xCloud, permitindo aos jogadores fazerem streaming de seus jogos diretamente pelo console. Jogabilidade na nuvem também não está descartada, uma vez que Sony e Microsoft  firmaram um acordo comercial para trabalharem juntas e dividirem seus recursos para o desenvolvimento de sua própria tecnologia de jogos via nuvem. O Game Pass é outro serviço que está mais que garantido no novo console.

“No dia mais claro, na noite mais densa, os gamers estarão ante a minha presença.”

Controles

O controle do Xbox Series X será bastante similar ao do Xbox One, e à vista de alguém mais leigo pode até mesmo parecer idêntico. Mas a verdade é que ele terá algumas novidades em relação ao seu predecessor.

Haverá um novo botão “share” no meio dele, que será usado para capturar imagens e gravar vídeos de sua jogatina. Ele também terá um novo direcional, sendo ele um híbrido entre o direcional do controle normal do Xbox One e o que está presente no modelo Xbox Elite Series 2. Seu tamanho será um pouco menor e terá bordas mais arredondadas, sendo projetado para caber melhor na mão de seu dono.

O Xbox Adaptive Controller, criado para pessoas com necessidades físicas especiais, também será compatível com o novo aparelho, o que é um grande ponto para a Microsoft como empresa e para o Series X como console.

Este é o controle que aparece na imagem de revelação do Xbox Series X

Primeiros títulos

Em matéria de games, a Microsoft foi bem mais reveladora que a Sony com o PlayStation 5. Durante a The Game Awards de 2019, foi apresentado o trailer de Senua’s Saga: Hellblade II, continuação do sucesso Hellblade: Senua’s Sacrifice, que será exclusivo do novo console. Halo Infinite, também mostrado durante o evento, também estará entre os primeiros lançamentos.

Outros games esperados para o console em seus primeiros dias são Outriders, Gods & Monsters, Watch Dogs: Legion e Cyberpunk 2077.

Retrocompatibilidade

A Microsoft já havia tornado possível jogar games de consoles passados no Xbox One e irá tornar a fazê-lo no Xbox Series X, onde será possível usufruir de títulos lançados para as três máquinas anteriores da família Xbox de forma digital.

Os títulos selecionados passarão por atualizações gráficas que os deixarão em alta resolução e com um visual bem melhor, além de tempos de carregamento mais rápidos, se é que eles existirão. Além disso, os controles do Xbox One serão compatíveis com o Series X e vice-versa, sendo que o do novo console também funcionará nos PCs com Windows como sistema operacional.

Jogar Gears 5 será perfeitamente possível no Xbox Series X

Qual o preço do Xbox Series X?

O preço de um console sempre é um assunto delicado e até preocupante, principalmente para nós aqui no Brasil, onde comprar vídeo game nunca foi fácil ou barato. Quando o aparelho vai custar ainda é um mistério, mas não deve ser barato mesmo para os padrões americanos.

Em uma entrevista dada no ano passado, Phil Spencer, chefe da divisão Xbox, disse com todas as letras que o aparelho “Não vai sacrificar performance por custo”, mostrando que confia no poder do Series X e preocupando quem não tem um saldo bancário lá muito gordo, como é o caso da maioria de nós.

Mas até nisso a Microsoft pensou. Para ajudar os jogadores – americanos – a adquirir o o produto, eles criaram o programa Microsoft All Acess, que permite o financiamento do Series X a partir de suaves prestações de $19.99 por mês.

Quando o Xbox Series X será lançado?

O dia exato da chegada do Xbox Series X ao mercado ainda é uma informação guardada a sete chaves pela Microsoft, mas ao menos o mês é de conhecimento comum: o console chegará em dezembro, provavelmente durante a época do natal e bem a tempo confrontar de igual para igual o PlayStation 5 da Sony.

Como podemos ver, esta será uma máquina tão complexa e ambiciosa que nem mesmo o adjetivo “poderoso” consegue lhe fazer justiça. A aposta da Microsoft para a nona geração de vídeo games – que muitos profetizam ser a última – está mexendo com o coração do público desde já, especialmente os que cresceram com gerações de Xbox em casa.

Esta será uma disputa de gigantes, e as cortinas de mais uma console war estão próximas de se abrirem. De que lado do campo de batalha você estará? Talvez isso não importe, o que interessa mesmo é que tenhamos opções incríveis de máquinas e games para alegrarem nossa vida e nos fazerem sentir fortes emoções pelos próximos seis ou sete anos.

Confira também:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Já fui um pouco de tudo: apresentador de TV, repórter, roteirista e hoje sou redator nesse noblário site. Gosto de longas caminhadas na praia, HQs, games, tokusatsu, cinema e filé com fritas. Você pode trocar uma ideia comigo e me ver reclamar da vida no Twitter @aqueleraphael