Capa da Publicação

Produção da série baseada em Rogue One já havia começado antes da pandemia

Por Raphael Martins

Além da segunda temporada de The Mandalorian, a plataforma Disney+ também trabalha em pelo menos mais duas séries ambientadas no universo de Star Wars: uma sobre a vida do Jedi Obi-Wan Kenobi em Tatooine e outra estrelada por Cassian Andor, herói de Rogue One: Uma História Star Wars.

Veja também:

Ator de Rogue One fala sobre voltar como Cassian Andor na série da Disney+

Ator de Rogue One conta por que resolveu fazer série baseada no filme

Star Wars – Revelados novos detalhes sobre produção da série baseada em “Rogue One”!

Há alguns meses, chegou a ser noticiado que a série de Rogue One quase havia sido cancelada pela Disney, mas uma nova declaração de um profissional envolvido na produção confirmou que não só a produção continua firme e forte, como os trabalhos já haviam começado antes de tudo parar por causa do novo coronavírus.

De acordo com o supervisor de efeitos especiais Neal Scanlan, em uma entrevista ao site CBM, a pré-produção da série já estava em estágio avançado antes das paralisações:

“Originalmente, estávamos esperando trabalhar em algumas séries de TV. The Mandalorian já tinha começado e dado incrivelmente certo, é um trabalho brilhante. Nós estávamos no Reino Unido prestes a trabalharmos em mais duas séries, mas infelizmente todas elas foram paralisadas. Nós tínhamos começado a trabalhar na história de Cassian Andor há umas seis semanas atrás, até que infelizmente o vírus nos atingiu e agora estamos todos em quarentena. Então estamos tentando fazer o melhor que podemos de casa.”

Até o momento, não há nenhuma previsão de quando os trabalhos poderão ser retomados.

Aqui embaixo, você confere nossa lista com os melhores momentos de Rogue One: Uma História Star Wars:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael