Emma Frost: Tudo sobre a Rainha Branca dos X-Men

Capa da Publicação

Emma Frost: Tudo sobre a Rainha Branca dos X-Men

Por Leo Gravena

Com uma grande jornada de redenção nos quadrinhos, a Rainha Branca Emma Frost começou como uma vilã dos X-Men, mas logo se tornou parte indispensável da equipe mutante. Seja como heroína, professora, ou líder de um grande conglomerado mutantes, ela sempre faz bem seu trabalho.

Com poderes telepáticos inigualáveis e uma pele de diamante que a torna quase indestrutível, a heroína possui uma longa história nas HQs – mesmo que não tenha sido muito bem aproveitada fora delas. Aqui vão dez coisas que você precisa saber sobre Emma Frost!

Imagem de capa do item

As origens de Emma Frost

Emma Grace Frost nasceu em Boston, filha de uma rica família. Ela possuía um irmão mais velho, além de duas outras irmãs - curiosamente, também telepatas -, com as quais nunca se deu muito bem. Inicialmente, ela era a menos estudiosa da família, o que fez com que seu pai a desaprovasse imensamente.

Contudo, após desenvolver suas habilidades mutantes e usá-las para subir na vida, ela logo se tornou a favorita para assumir os negócios da família - principalmente depois que seu irmão, Christian Frost, teve sua homossexualidade descoberta, gerando repulsa de seu pai.

Quando o patriarca Frost enviou Christian para um instituto psiquiátrico para "curar" sua sexualidade, Emma se recusou a assumir os negócios da família e começou sua própria jornada, mas depois uma desilusão amorosa com um professor da faculdade motivada por preconceito mutante, ela passou a ver seres humanos como criaturas inferiores.

Emma então "criou" sua própria empresa, a Frost International, o que a ajudou a conseguir o cargo de diretora da Academia Massachussetts, uma escola para crianças talentosas.

Imagem de capa do item

O Clube do Inferno

Os talentos e a beleza de Emma Frost a levaram a ser convidada para frequentar o Clube do Inferno, uma sociedade secreta que dominava os negócios dos EUA. Inicialmente uma dançarina, ela se tornou amiga e amante de Sebastian Shaw, um membro do Círculo Interno da organização, que pretendia reunir um grupo de mutantes para provar a superioridade em relação aos homo sapiens. Após provar seu valor de uma forma bem violenta, Emma recebeu o cargo de Rainha Branca do Clube do Inferno.

Nessa época, Emma uniu seu papel na organização com a diretoria da Academia Massachussetts. Assim como Charles Xavier, porém com propósitos nefastos, a vilã passou a recrutar e treinar alunos que se tornariam os Satânicos, jovens mutantes destinados a pregar os ideais de dominação da espécie mutante.

Imagem de capa do item

Vilã dos X-Men

Foi por causa de sua Academia que ela entrou em choque com os X-Men pela primeira vez, ao tentar recrutar a jovem Kitty Pryde para sua escola, o que fez com que os heróis mutantes a perseguissem e a confrontassem, no começo da Saga da Fênix Negra. Posteriormente, a vilã continuaria a ter vários conflitos com a equipe mutante e seus grupos derivados, principalmente envolvendo Kitty Pryde, que Frost tomou como inimiga pessoal. Assim sendo, mais de uma vez ela batalhou contra os X-Men e os Novos Mutantes.

Com o tempo, ela foi mudando seu pensamento e acabou se aliando com as equipes algumas vezes. Mas sua "redenção" veio apenas depois do ataque de um viajante temporal, Emma entrou em um longo coma e foi internada na Mansão X. Nessa época, sua consciência chegou a "possuir" o corpo do Homem de Gelo, usando seus poderes de formas inacreditáveis. Quando ela foi curada, a Rainha Branca retornou para a Academia Massachussetts, dessa vez liderando a Geração X junto do Banshee e ensinando mutantes a dominarem suas habilidades, agora sem ideais extremistas.

Imagem de capa do item

Membro dos X-Men

Algum tempo depois da HQ da Geração X ser finalizada, Emma Frost se tornou professora em Genosha, uma ilha mutante governada por Magneto. Porém, o ataque arquitetado por Cassandra Nova dizimou todos os seus alunos e despertou sua mutação secundária: a habilidade de transformar sua pele em diamante.

Ela então foi convidada a se juntar definitivamente aos X-Men e aceitou, tutelando as gêmeas Stepford, ou Cuckoos, e desenvolvendo sentimentos românticos por Ciclope, que só foram aumentando conforme o herói ia se separando emocionalmente de Jean Grey.

Nessa época, os dois assumiram um relacionamento e Emma quase morreu ao tomar um tiro que despedaçou sua forma de diamante. A culpada foi Esmee, uma das Cuckoos que havia se tornado maligna. Restaurada à vida por Jean, Emma continuou ao lado da equipe por um longo tempo, inclusive assumindo um papel muito importante dentro dos Mutantes.

Imagem de capa do item

As Cuckoos

Enquanto Emma estava em coma, como explicado anteriormente, o maligno Dr. John Sublime coletou óvulos dela e começou a fazer um processo de clonagem, para desenvolver armas capazes de dizimar a espécie mutante através da telepatia.

Com isso, como parte do programa Arma XIV, "nasceram" Mindee, Phoebe, Celeste, Esmee e Sophie, as gêmeas Stepford, que foram enviadas ao Instituto Xavier e, posteriormente treinadas pela própria Emma, sem ter conhecimento de sua relação com as meninas.

Com a rebelião de Quentin Quire na Mansão Xavier, Sophie foi morta se sacrificando para impedir o Kid Omega. Porém, ela estava sendo manipulada por Esmee, que estava viciada em uma droga experimental.

Pouco depois, Esmee também foi assassinada por Xorn, restando apenas três irmãs. Posteriormente, Emma descobriria sua conexão com as Stepford e passaria a criá-las quase como filhas, com as cinco versões das irmãs sendo restauradas à vida em Krakoa.

Imagem de capa do item

Diretora da Escola Xavier

Após o ataque de Xorn e morte de Jean Grey, o Professor X percebeu que precisava de um tempo e acabou abandonando a Escola Xavier Para Jovens Superdotados.

Não desistindo do sonho e percebendo seu valor enquanto educadora, Emma convenceu Scott a reabrir a escola e aceitar novos alunos. Foi assim que ela se tornou um grande ícone na formação dos X-Men e virou codiretora do Instituto Xavier, ao lado de Ciclope - enquanto ela lidava com as aulas e os alunos, ele comandava os X-Men em missões táticas.

Porém, por conta de seu passado como vilã, ela continuou a ser vista com desconfiança por boa parte dos X-Men, o que acabou servindo bem, por exemplo, para que ela se tornasse uma infiltrada na Cabala de Norman Osborn, durante a formação dos X-Men Sombrios.

Imagem de capa do item

Vingadores vs. X-Men e a Rebelião Mutante

Com a ameaça do retorno da Fênix para o Planeta Terra, começou o confronto entre Vingadores e X-Men. Emma, sem pensar duas vezes, ficou ao lado de sua espécie, servindo como principal conselheira tática de Ciclope durante a guerra.

Mas quando Tony Stark falhou em destruir a entidade cósmica no espaço, um dos cinco fragmentos da Força Fênix passou para Emma. Porém as coisas não deram certo para Emma, que no final da saga é traída por Ciclope, que rouba o seu poder, e presa pelos Vingadores..

Após a guerra entre as equipes, ela e Ciclope se separaram, mas ainda assim, Emma foi convidada para integrar os Fabulosos X-Men de Scott junto de Magia e Magneto. Como figura central da Revolução de Ciclope, Emma continuou treinando seus alunos, inclusive a versão deslocada no tempo de Jean Grey, que se tornou uma boa amiga da telepata.

No fim, após várias decisões editoriais que estavam tentando diminuir o papel dos X-Men nas HQs da Marvel, Emma Frost chegou a agir como uma vilã e anti-heroína em relação aos Inumanos, mas desde o inicio da Era Krakoa é uma das personagens mais relevantes do núcleo mutante na Marvel.

Imagem de capa do item

A Rainha Branca na Era Krakoa

Em Krakoa, Emma Frost é uma das mutantes mais poderosas, não apenas por causa de sua telepatia, mas também de suas relações e finanças. Membro do Conselho Silencioso de Krakoa, Emma está junto de vários outros mutantes importantes fazendo as maiores decisões da nação.

Como líder da Hellfire Trading Company e embaixadora de Krakoa, Emma Frost é a responsável por transportar os medicamentos criados na ilha mutante para o resto do mundo, de forma legal e ilegal.

Desde o inicio da nova era mutante nas HQs, a Rainha Branca esteve presente em quase todos os quadrinhos atuais da equipe. Ela também é uma das principais personagens de Carrascos, mesmo não fazendo parte da equipe principal, esteve com destaque em X-Men, na saga Inferno e agora é uma das protagonistas de Immortal X-Men.

A heroína também teve um papel importante na saga "Devil's Reign", sendo uma das peças principais para derrotar o Rei do Crime, que havia se tornado prefeito de Nova York e havia banido heróis da cidade.

Imagem de capa do item

Os poderes de Emma Frost

Uma das telepatas mais poderosas do mundo, Emma é capaz de ler mentes, criar escudos psiônicos, fazer viagens astrais, criar ilusões e camuflagens telepáticas, induzir dor, sofrimento e plantar memórias, além de criar elos psíquicos. Curiosamente - algo que muitos não sabem -, ela também tem potencial para ser telecinética, embora isso não tenha sido plenamente desenvolvido.

Por outro lado, sua mutação secundária é bastante utilizada: ela é capaz de transmutar seu corpo em um construto vivo de diamante, ganhando superforça, resistência e durabilidade, porém ela não consegue usar seus poderes mentais enquanto em sua forma secundária.

Confira também:

Imagem de capa do item

Emma Frost fora das HQs

Fora das HQs, Emma Frost é uma personagem bem expressiva. Embora tenha tido papeis secundários nas animações Pryde of the X-Men e X-Men: The Animated Series, a vilã foi uma das protagonistas de Wolverine e os X-Men e do segmento Marvel Anime destinado aos heróis mutantes. Nos cinemas, a personagem teve versões diferentes em Geração X, X-Men Origens: Wolverine e X-Men: Primeira Classe.

Já nos games, ela apareceu diversas vezes, seja como vilã em Uncanny X-Men (para NES), como personagem não-jogável em X-Men Destiny e como personagem jogável em Marvel Heroes, Avengers Alliance, LEGO Marvel Super Heroes e outros.

Até o momento, segundo os rumores, a personagem deve fazer parte da formação dos X-Men no reboot do Universo Cinematográfico da Marvel , além disso, ela também fará parte do núcleo de vilões de X-Men '97 , a nova animação do Disney+ que dá continuidade a X-Men: A Série Animada.

Imagem de perfil
Leo Gravena

Editor | Ele/Dele | @LeoGravena
Escrevo sobre cultura geek na internet desde 2012
"Don't look back -- the past is exactly where it belongs."