Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa – Supervisor de efeitos visuais revela desafios do grande encontro na batalha final

Capa da Publicação

Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa – Supervisor de efeitos visuais revela desafios do grande encontro na batalha final

Por Gabriel Mattos

Batalhas contra vilões sempre exigem muito trabalho da equipe de efeitos visuais em filmes da Marvel. Em Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa, o esforço precisou ser triplicado — afinal, além de Tom Holland, Tobey Maguire e Andrew Garfield também se juntaram para o confronto final contra Electro, Homem-Areia e Lagarto. Conversando com o site Befores & Afters, o supervisor de efeitos visuais do longa, Kelly Port, explicou como funcionou este processo.

Um grande desafio, de acordo com Kelly, foi garantir que sempre estivesse claro qual versão do Homem-Aranha estava participando da ação em cada cena. Afinal, compartilhando praticamente a mesma silhueta e esquema de cor, poderia ser difícil para alguns distinguir os uniformes em alta velocidade.

A equipe optou por construir as cenas seguindo certos truques para sinalizar claramente para o público, com ações físicas, quando houvesse uma troca entre os heróis.

“Na batalha final, tem muita passagem e coisas assim. Editorialmente, nós fizemos tudo que podíamos para garantir que estava o mais claro possível, seja por entregas, de modo que você via mais de um Miranha em um quadro entregando algo e arremessando algo para alguém, para que você soubesse quem é quem na maior parte, além da diferença visual dos trajes,” analisa.

Todas as gerações do Homem-Aranha no cinema se voltam na batalha final

A personalidade dos heróis também foi meticulosamente pensada para invocar a memória dos filmes originais, para que quem estivesse familiarizado com Homem-Aranha de Sam Raimi e O Espetacular Homem-Aranha sentisse que estavam vendo os mesmos personagens na tela.

“Estilisticamente, cada um tem seu próprio tipo de pose icônica. Esse é o caso especialmente quando, depois da tempestade de areia que eles se reúnem, você ouve aquela espetacular música tema, em que até as melodias estão alinhadas,” continua, “Quando todos os três pulam no topo da cabeça da estátua, iluminados pela lua, você vê aquelas poses icônicas novamente no ar. Foi sofrido para conseguir trazer até o mesmo jeito de correr, o porte, as poses icônicas e o estilo de balançar nas teias deles.”

No final, o resultado da reunião do trio lendário ficou incrível, resultando em uma bilheteria impressionante em todo o mundo.

Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa está em exibição nos cinemas.

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Gabriel Mattos

Editor, repórter correspondente de Wakanda, caçando Pokémon por onde eu vou! Sempre nas lives da Legião! • @gabeverse