Capa da Publicação

Dragon Ball Super: Revelada conexão secreta de Bardock, pai de Goku, com as Esferas do Dragão

Por Junno Sena

O novo arco de Dragon Ball Super, Granolah The Survivor Arc, tem tido algumas das maiores reviravoltas nos últimos tempos. E, o Capítulo 83, Bardock vs Gas Parte 2, trouxe uma revelação sobre o passado do pai de Goku e as Esferas do Dragão.

Neste capítulo, temos o desenrolar do flashback da luta entre Bardock, pai de Goku, e Gas, o vilão da família Heeters. Esse embate faz um paralelo com o que Goku está enfrentando no presente. Porém, em determinado momento da história, descobrimos que Bardock teve a chance de pedir auxílio às Esferas do Dragão.

Durante a luta, o último sobrevivente Namekian do planeta Cereal, Monaito, decide contar com um plano desesperado para salvar o saiyajin: utilizar as duas Esferar do Dragão em sua posse para fazer um desejo ao dragão Toronbo.

Monaito então pede que Bardock seja enviado de volta para seu planeta natal. Porém, Toronbo diz que concederá seu pedido apenas com o consentimento do saiyajin. Tendo seu pedido negado por Bardock, Monaito pergunta se há algum pedido que o homem queira fazer. É então que, em confusão, ele diz:

“Quero que os meus filhos cresçam bem. Isso é tudo o que eu desejo”.

Cena do Capítulo 83, Bardock vs Gas Parte 2

Logo após a cena, vemos o brilho do desejo sendo feito. A parte boa é que, mesmo escolhendo proteger o filho ao invés de si mesmo nesse momento, Bardock conseguiu vencer a luta contra Gas e proteger Monaito e Granolah.

Mesmo que seja um pedido pequeno em comparação aos diversos usos da esferas no decorrer de Dragon Ball, o desejo de Bardock muda boa parte da mitologia ao redor de Goku. Enquanto antes, toda a sua relação com as esferas e com a Terra parecia o puro acaso, agora os fãs do anime e mangá tem uma nova interpretação para a trajetória do herói.

Aproveite e continue lendo:

Imagem de perfil
sobre o autor Junno Sena

Pós graduando em Antropologia com o raio problematizador ligado no 120. Assiste filme trash para relaxar e dorme cantarolando a trilha sonora de A Hora do Pesadelo. Blaxploitation na veia e cinema coreano no coração. Atualmente mora em Petrópolis, RJ.