Capa da Publicação

Soldier Boy: História, poderes e mais sobre o personagem de The Boys

Por Leo Gravena

Desde que foi anunciado que Jensen Ackles interpretaria o Soldier Boy na terceira temporada de The Boys na Amazon Prime Video, os fãs estão bastante animados com o que veremos do ator que, por mais de uma década, deu vida à Dean Winchester em Supernatural. Ainda assim, muitos também ficaram com medo do que veríamos do Super, que nos quadrinhos é conhecido por ser um grande covarde e medroso. Porém, na série, veremos uma versão bem diferente do Soldier Boy.

Veja aqui os poderes, história e mais sobre o personagem tanto na série quanto nas HQs.

Jensen Ackes interpretará o Soldier Boy. Visual do personagem já foi revelado.

Na série

Mesmo com os espectadores de The Boys estando bastante animados sobre a participação do Soldier Boy na série, ainda sabemos muito pouco sobre o personagem. Até o momento, foi citado que em 1944, enquanto Oppenheimer criava a bomba atômica, o Dr. Vought já tinha conseguido aplicar o Composto V em pessoas lhe dando poderes, criando além de Tempesta (Aya Cash), o Soldier Boy, que “matava alemães aos montes”.

De acordo com o criador da série, Erik Kripke, ele está na Vought faz anos e conhecia a Tempesta quando ela usava o nome “Liberty”.  Segundo Kripke, através do personagem, veremos a Vought através das décadas e tudo o que aconteceu com a empresa, como ela evoluiu e se tornou o que vemos atualmente na trama.

Em entrevista com o TV Guide, em outubro de 2020, o criador da série explicou:

“Tem uma história da Vought que estamos começando a mapear porque o Soldier Boy participou da Vough por décadas. Ele era como o John Wayne por lá e como resultado, estamos escrevendo a história da Vought e como todos esses personagens se uniram. E sim, a Liberty definitivamente foi parte disso”.

Tempesta na segunda temporada de The Boys. Antes de assumir o novo manto, a personagem usou o título de “Liberty”.

Segunda temporada

No primeiro episódio da segunda temporada de The Boys, Stan Edgar (Giancarlo Esposito), ao conversar com o Capitão Pátria (Antony Starr), fala sobre o Soldier Boy, ao tentar colocar o líder dos Sete em seu lugar. Além disso, no sétimo episódio da temporada podemos ver uma estátua do personagem em uma praça, provavelmente com o visual dele durante a Segunda Guerra Mundial.

Estátua do Soldier Boy no episódio 2×07 de The Boys.

Terceira temporada

Para a terceira temporada de The Boys, veremos o Soldier Boy como uma ameaça para o Capitão Pátria, com ele sendo uma versão muito mais segura de si, ameaçadora e sombria que nos quadrinhos. Kripke o descreve como “O Capitão Pátria antes do Capitão Pátria”, o que também explica o fato de que os dois Supers terão uma rivalidade.

Outra coisa que já sabemos é que o personagem irá aparecer na premiere de Dawn of the Seven (O Despertar dos Sete, em tradução livre), um filme dentro do universo da série que serve como uma paródia à Batman vs. Superman: O Despertar da Justiça.

Soldier Boy (Jensen Ackles) desfilando no tapete vermelho: personagem também esconde seus segredos

Na foto do set de filmagens, contudo, podemos ver ele com um traje bem diferente do divulgado nas imagens oficiais. Fazendo com que muitos fãs teorizem que na cena da premiere do filme ele estará usando seu traje atual nesse universo, mas que o novo visual será utilizado quando ele se juntar aos Sete, substituindo a Tempesta.

Kripke já deixou claro o que podemos esperar do personagem:

“O Soldier Boy, interpretado por Jensen Ackles […] vai xingar muito e fazer muitas coisas imundas.”

Poderes

Ainda não sabemos muito sobre quais serão os poderes do Soldier Boy na segunda temporada de The Boys, porém segundo entrevistas e tuites de Eric Kripke, os fãs já podem esperar que ele seja muito mais forte que sua versão dos quadrinhos. Além disso, ele será bem mais inteligente, manipulador, firme e direto.

“O Capitão Pátria se sentirá ameaçado por ele. O Soldier Boy é bem próximo do Capitão Pátria em poder e era basicamente o Capitão Pátria antes do Capitão Pátria e por um período muito maior de tempo”. disse Kripke anteriormente.

Além disso, ele terá seu escudo como nos quadrinhos e, caso ainda decidam utilizar ele como uma paródia do Capitão América, certamente veremos ele o usando de uma forma bastante ofensiva.

Nos quadrinhos

Soldier Boy luta contra Billy Bruto em The Boys #32. Nas HQs, o personagem possui o hábito de citar estados americanos durante a luta.

História

O manto de Soldier Boy é algo passado entre três diferentes heróis nos quadrinhos que dão origem à série, porém, apenas duas versões tem destaque. A primeira, a versão original do personagem, é uma paródia do Capitão América da Marvel tendo um tom muito mais violento e com sede de sangue. Essa primeira versão lutou durante a Segunda Guerra Mundial e fazia parte de um grupo chamado “Esquadrão Vingador”, porém, quando ele começou a também matar seus aliados e soldados americanos, ele foi morto por George Mallory.

A terceira versão do personagem continua a ser uma paródia do Capitão América, mas dessa vez como um herói covarde e ingênuo. Ele é o “líder” da equipe Payback. Ele é bem mais fraco que seus antecessores e quase sempre é intimidado pelo Tempesta, além de quase sempre acabar urinando nas próprias calças sempre que enfrenta inimigos mais poderosos que ele. Ainda assim, ele tem a esperança de se juntar aos Sete.

Nos quadrinhos, ele enfrenta Billy Bruto e os The Boys na tentativa de agradar o Capitão Pátria, porém Billy morde seu nariz durante a luta e, depois, o grupo o tortura até a morte.

Payback

Payback na capa de The Boys #52.

Sendo uma paródia dos Vingadores e dos Invasores da Marvel, o grupo Payback é oficialmente liderado pelo Soldier Boy, contudo, as decisões em sua maioria são feitas pelo Tempesta. Outros personagens que participam da equipe são o Tek Knight, Swatto, Mind Droid, Condessa Carmesim e o Arqueiro Águia.

Durante a segunda temporada da série, vários personagens da equipe aparecem e são citados, como Tempesta, que teve seu gênero alterado; Arqueiro Águia, que aparece como um mentor para O Profundo na Igreja do Coletivo; e Tek Knight, uma paródia do Homem de Ferro que tem um de seus filmes citados.

Poderes

Nos quadrinhos, o Soldier Boy possui o pacote básico de habilidades e poderes dos heróis desse universo, porém bem menor que os outros personagens. Ele possui superforça, porém menor que o Capitão Pátria, Tempesta e até Billy Bruto. Ele também possui um nível baixo de supervelocidade, que permite que ele desvie que balas e socos.

Além disso, ele possui bastante experiência em combate corpo-a-corpo, conseguindo se segurar em uma luta contra Billy e também sabe usar bem seu escudo de maneira ofensiva.

Diferenças entre a série e HQs

Jensen Ackles, de Supernatural, será o Soldier Boy na série.

Enquanto o Soldier Boy é um personagem bastante ingênuo e fraco nos quadrinhos, sua versão na série da Amazon Prime Video será bem diferente. O personagem interpretado por Jensen Ackles promete ser uma versão muito mais sombria e assertiva do Super, com seus poderes rivalizando o do Capitão Pátria, além de possuir uma boa parte dos EUA ao seu lado. Ainda não sabemos muito além disso, porém ele não será o Super fraco e covarde dos quadrinhos.

Uma das cenas mais comentadas quando Jensen Ackles foi confirmado na série, é o momento nos quadrinhos no qual o Capitão Pátria influencia o herói a fazer sexo com ele, dando a impressão ao ingênuo herói que dessa forma ele poderia se juntar aos Sete. Porém, Eric Kripke já deixou claro que a cena não vai acontecer. Em uma live o produtor e escritor deixou claro que não haveria uma cena entre os dois personagens tendo sexo, porém em outro momento ele disse que, em relação à história do Soldier Boy, “Pode ser que tenha, ou não, um pouco de sexo envolvido”. 

Até o momento, não há previsão para a estreia da terceira temporada de The Boys, contudo, os fãs esperam que ela chegue no Amazon Prime Video no inicio de 2022. Enquanto ela não chega, relembre os 10 melhores momentos da segunda temporada:

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."