Capa da Publicação

Produtor de Luke Cage diz o que mudaria completamente na série

Por Leo Gravena

A primeira temporada de Luke Cage foi bastante elogiada por sua primeira metade, contudo, a segunda parte da história não agradou muito os fãs, não apenas pela falta de Cornell Stokes, o vilão Boca de Algodão, interpretado por Mahershala Ali, como também pelo novo vilão introduzido na metade final: Willis Stryker,

O produtor executivo e showrunner de Luke Cage, Cheo Hodari Coker, respondeu recentemente um fã no Twitter que o perguntou o que ele teria feito de diferente na série. E o produtor deixou claro que o que mudaria teria sido toda a história de Stryker, o vilão Cascavel e irmão de Luke Cage.

Veja também:

Luke Cage: Produtor explica porque o Boca de Algodão morreu tão cedo na série

Quentin Tarantino explica porque desistiu de fazer filme de Luke Cage

Luke Cage: Mike Colter diz que não ficou surpreso com o cancelamento da série

Em seu twitter, Cheo Hodari Coker admitiu que mudaria a história do vilão, e também comentou que a história dele foi “atrapalhada” por Jessica Jones, dizendo:

“[Eu] mudaria o Cascavel. O arco dele foi atrapalhado por Jessica Jones saindo do cânone e fazendo com que o Kilgrave matasse Reva na primeira  temporada de Jessica Jones. Eu queria que as pessoas ficassem impactadas pela morte do Boca de Algodão como eu fiquei quando o Guardião morreu em Tropa Alfa 12, ou em A Última Caçada de Kraven”. 

Nos quadrinhos, o Cascavel é o responsável pela morte de Reva, a primeira esposa de Luke Cage, após plantar drogas que pertenciam a uma gangue poderosa na casa do personagem.

Aproveite e veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor-Chefe | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."