Capa da Publicação

Diretor de Esquadrão Suicida fala sobre sexualização de Arlequina

·
Por Lucas Rafael

Não é de hoje que desentendimentos criativos entre estúdio e diretor acabam resultando em filmes duvidosos. Esquadrão Suicida (2016) é fruto de uma dinâmica dessas, com o diretor David Ayer justificando o pobre desempenho crítico do longa com os cortes excessivos feitos pelo estúdio na hora da edição. Agora, Ayer reascendeu a chama da discussão ao responder um tweet sobre a sexualização de Arlequina (Margot Robbie).

Saiba mais sobre a Arlequina:

Novo episódio da série da Arlequina revela o que aconteceu com o Batman

Arlequina mata famoso vilão da DC em sua série animada

James Gunn conta como será a Arlequina em O Esquadrão Suicida

No twitter, um usuário afirmou que “Arlequina foi sexualizada em todo o filme de Esquadrão Suicida, e em Aves de Rapina ela foi uma personagem de verdade, não um atrativo pros olhos.

Segundo Ayer, a narrativa de Arlequina em Esquadrão Suicida foi “eviscerada” por poderes acima dele:

“Infelizmente, o arco de Arlequina foi eviscerado. Era um filme dela em muitas maneiras. Olhe só, eu tentei. Eu fiz uma Arlequina fiel aos quadrinhos. Tudo é político hoje em dia. Tudo. Só quero entreter. Irei melhorar.”

Confira abaixo:

 

E aí, como seria esse arco de Arlequina no primeiro Esquadrão Suicida? Comente!

Aproveite e veja mais sobre a Arlequina em nossas listas:

Imagem de perfil
sobre o autor Lucas Rafael

Entusiasta de coisas demais