Capa da Publicação

Canal SyFy brinca com a possibilidade de um reboot de Xena: A Princesa Guerreira

Por Raphael Martins

Xena: A Princesa Guerreira foi uma das séries mais populares dos anos 90, mudando a maneira como a TV criava suas heroínas e inspirando uma legião inteira de fãs, que cresceram assistindo as aventuras de Xena e sua parceira Gabrielle.

Veja também:

Xena: A Princesa Guerreira – Nova HQ baseada na série será lançada!

Xena: A Princesa Guerreira – Reboot da série é adiado por tempo indeterminado!

Lucy Lawless fala sobre Xena e Mulher Maravilha!

A personagem apareceu inicialmente como uma vilã em Hércules, mas se tornou tão popular que o canal SyFy acabou encomendando uma série derivada estrelada por ela, sendo uma heroína que chegou a ser mais popular que Hércules. A série fez bastante sucesso, durando seis temporadas, e boatos sobre um reboot de vez em quando aparecem na internet para empolgar os fãs.

Isso tornou a acontecer durante esta semana, quando o perfil oficial do SyFy publicou um vídeo onde Lucy Lawless, que viveu Xena, conversava com produtoras do canal sobre um possível retorno da atração. Na postagem, estava escrito: “Vocês querem um reboot de Xena?”

No vídeo, Lucy Lawless fala sobre tentativas anteriores de retornarem com a série, e diz que já é hora de Xena voltar à ação:

“Eles já tentaram fazer um reboot de Xena. É uma grande personagem, é hora de fazer de novo. Xena estava meio morta da última vez que nós a vimos, mas isso nunca nos impediu antes!” 

Nas respostas ao tweet, muitos fãs responderam que sim, um reboot seria bem-vindo, fazendo com que o perfil oficial respondesse positivamente. E aí, será que a princesa guerreira está preparando seu retorno triunfal?

Fique com nossa lista de derivados de séries que foram bem sucedidos aqui embaixo:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael