Capa da Publicação

X-Men ganham novos inimigos nas HQs

Por Raphael Martins

Todo o universo mutante mudou após os eventos de Dawn of X, minissérie em quadrinhos dos X-Men que já pode ser considerada um clássico moderno. Agora, os mutantes vivem em sua própria nação, Krakoa, e tentam fazer sua soberania ser reconhecida pela comunidade internacional.

Após negociações, o professor Xavier convenceu as outras nações a ajudá-lo a encerrar projetos como o Arma X, que transformava mutantes em armas vivas. Mas ainda há remanescentes desses velhos inimigos prontos para se mostrarem uma ameaça de novo. Usando pela extraída da mutante Dominó, um grupo de agentes invade Krakoa e mata Xavier, abalando o sentimento de segurança de seus cidadãos.

Os mutantes são capazes de trazer Xavier de volta à vida, que então determina a criação de uma nova formação da X-Force para lutarem contra seus novos e mortais inimigos, que já mostraram que não podem ser subestimados.

Ao final de X-Force #3, descobrimos de onde vieram os agentes assassinos e quem são os novos inimigos dos mutantes: eles se chamam Xeno, uma organização cercada de mistérios, contra a qual a X-Force tem a missão de lutar e eliminar o mais rápido possível.

Uma nova era significa o surgimento de novos vilões, e a Xeno parece pronta para ocupar esse cargo e deixar sua marca na história dos X-Men. Ao que tudo indica, o conflito dos mutantes com a organização deve durar ainda várias edições.

Veja também:

Confira imagens de X-Force #3 na nossa galeria:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael