Capa da Publicação

Amy Schumer é acusada de plagiar piada sobre Leonardo DiCaprio no Oscar

Por Gus Fiaux

A 94ª edição do Academy Awards foi uma das mais polêmicas dos últimos anos. Além do tapa de Will Smith em Chris Rock – que continua tendo repercussões até hoje -, tivemos também o corte de oito categorias da cerimônia e uma série de polêmicas envolvendo os comediantes que apresentaram a premiação. Agora, quem se envolve na mais recente é Amy Schumer, acusada de plagiar uma de suas piadas no Oscar.

Amy apresentou boa parte da cerimônia ao lado de Regina Hall Wanda Sykes, e aproveitou para zoar diversas celebridades. Um exemplo disso foi Leonardo DiCaprio, que apesar de não ter comparecido à premiação, teve um filme indicado em grandes categorias – Não Olhe Para Cima, da Netflix. Em dado momento, Schumer fez a piada a seguir, se referindo ao fato das namoradas do ator sempre serem muito mais jovens que ele:

“Ele fez tanto para lutar contra mudanças climáticas e deixar para trás um mundo mais limpo e verde para as suas namoradas.”

Porém, usuários do Twitter logo começaram a achar a piada um tanto quanto familiar. Ela se assemelhava muito a um tweet que viralizou em dezembro do ano passado, e que continha a mesma crítica ácida ao fato de DiCaprio só namorar mulheres de vinte e cinco anos para baixo. O tweet foi feito por Nicole Conlan, e você pode conferi-lo aqui abaixo:

O tweet original que Amy Schumer supostamente teria plagiado: “Leonardo DiCaprio é tão apaixonado na luta contra mudanças climáticas porque ele quer deixar um mundo melhor para suas namoradas”.

Logo, muitas acusações de plágio contra Amy Schumer começaram a pipocar nas redes sociais. Muitos criticaram o posicionamento da atriz em não creditar a piada original, mas em uma recente aparição no Watch What Happens Live With Andy Cohen (via ScreenRant), ela deixou claro que não copiou piadas de ninguém – e ainda aproveitou para fazer graça do momento, dizendo que “é engraçada o bastante e não precisa plagiar suas piadas“:

“OK. Bem, eu gostaria de dizer que, eu não entro pessoalmente no Twitter. Eu faço minha assistente fazer isso, então posso continuar viva e não me matar. Além disso, essa piada foi escrita por Suli McCullough. Mas eu agradeço vocês, sempre, por se assegurarem de que eu não esteja roubando nada. Eu acabei de sair de um teste de polígrafo na Vanity Fair e eles me perguntaram, graças a Deus, ‘você já roubou uma piada?’ e eu disse que não, e era verdade. Então todo mundo, se acalmem. É uma loucura. Eu já sou engraçada o bastante, não preciso roubar merda nenhuma.”

Essa não foi a única controvérsia envolvendo Amy Schumer nessa cerimônia do Oscar. A comediante, durante o evento, fez uma série de piadas com Kirsten Dunst e seu marido, Jesse Plemons, que foram mal recebidas. Além disso, ela também disse que iria fazer uma piada com Alec Baldwin e o tiro acidental que matou uma diretora de fotografia no filme Rust, mas esse momento foi censurado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas.

Abaixo, veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux