Capa da Publicação

Vingadores: Blade viverá entre os vampiros na nova fase do herói

Por Gabriel Mattos

Atenção: Alerta de Spoilers!

Os Vingadores acabaram de passar por dois eventos grandiosos que podem influenciar bastante a formação da equipe em um futuro próximo: Enter the Phoenix, que introduziu a nova Fênix; e King in Black, que trouxe uma mudança brusca para o caçador de vampiros Blade.

Dívida de Sangue

Nesta nova fase, Blade vai precisar se reinventar para encarar as consequências da guerra contra o simbionte Knull. Durante a batalha contra a invasão do vilão, os Vingadores precisaram contar com a ajuda dos maiores vampiros da Marvel. Mas esse apoio não foi de graça.

Acontece que os vampiros querem ter sua própria nação soberana, assim como os mutantes que fundaram a ilha-estado de Krakoa. Entretanto, legitimar um governo vampírico pode ter consequências graves para o bom estar de toda a sociedade humana, por isso os Vingadores e as Nações Unidas estão bastante apreensivos.

Os Vampiros fazem um apelo às Nações Unidas

Um novo xerife na cidade

Discutindo possíveis soluções para este impasse com o Pantera Negra, em Avengers #45, Blade ameaça deixar a equipe. Felizmente isso não será necessário, pois T’Challa chega a uma solução que irá agradar todo mundo.

Os vampiros poderão estabelecer sua nação em Chernobyl, a cidade abandonada após o desastre nuclear, mas com algumas condições: eles precisarão se alimentar apenas de sangue sintético e aceitar Blade como seu xerife.

Com isso, o personagem agora viverá na Vampire Town, entre os vampiros, tomando conta para que ninguém saia da linha e espionando para impedir um possível levante contra os humanos.

Com uma estrela no peito, Blade é o novo xerife da Nação Vampírica

Será que o Blade vai conseguir cumprir sua nova função sem problemas? Não deixe de comentar!

Lembrando que Blade chegará em breve no MCU:

Imagem de perfil
sobre o autor Gabriel Mattos

Redator que joga mais Switch do que deveria e já leu todo o novo cânone de Star Wars, até os livros ruins. • @gabeverse