Capa da Publicação

iCarly: Entenda os motivos para Jennette McCurdy, a Sam, parar de atuar

Por Gabriel Mattos

Depois de muita espera, iCarly irá retornar no Paramount+. A série marcou o início da era dos youtuber com as trapalhadas de Carly e sua melhor amiga Sam. Mas infelizmente, não veremos a reunião da dupla na telinha, pois Jennette McCurdy abandonou sua carreira de atriz (via E!).

Adolescência conturbada

Quando as câmeras ligavam, Jennette era a alegre, espontânea e irreverente Sam — sempre fazendo alguma coisa nojenta ou implicando com alguém. Mas nos bastidores, a atriz não sentia nada além de desconforto e vergonha. Em uma entrevista sobre o assunto, revelando se arrepender do seu passado:

“Eu tenho tanta vergonha dos papéis que eu aceitei no passado. Eu tenho ressentimentos pela minha carreira por diversos motivos. Eu me sentia tão pouco realizada por aqueles papéis e sentia que a maioria era clichê, vergonhosa. Eu entrei nas séries com 13 anos e tive que continuar no mesmo papel até os meus 21. Com 15 eu já morria de vergonha.”

Sam tinha uma dinâmica meio bruta com Freddie que não agradava Jennette

Parte desses sentimentos negativos foram reflexo de sua vida escolar, uma vez que seus amigos lhe julgavam velha demais para papéis tão bobos.

Outro grande problema que ela precisou enfrentar foi relacionado a autoestima. Ela cresceu sendo obrigada a ouvir que não servia para personagens bonitas e era relegada a papéis mais cômicos, sem qualquer escolha nessa questão:

“Minha agente, eu literalmente ouvia ela dizer no telefone ‘Eles querem uma beleza etérea. Jennette não é uma beleza etérea. Ela é mais rústica. Ela tem cara de rústica.’ E eu pensava, ‘Ok, acho que eu tenho cara de rústica.'”

Enquanto Miranda Cosgrove era vista como bela, Jennette ouvia de todos que era mais rústica

Problemas com a mãe

Mas o ponto crucial para ela ter decidido por um basta em sua carreira de atriz é que Jennette nunca quis atuar. Na verdade, ela só começou a trabalhar nessa área por causa de sua mãe, que a obrigou a continuar por causa do dinheiro:

“No começo, eu não queria atuar. Minha mãe me colocou [no palco] quando eu tinha 6 anos e lá pros 10, 11 anos, eu era a provedora financeira da minha família. Nós não tínhamos muito dinheiro e essa foi a única saída, o que eu acho que me motivou a conseguir algum sucesso.”

Com o tempo, atuar começou a ser menos detestável, mas ainda não era algo que ela gostaria de fazer. Após a morte da sua mãe, Jennette decidiu dar um novo rumo a sua vida. Para fechar esse ciclo negativo em sua vida, ela foi aos palcos uma última vez, em 2013, interpretar um monólogo que ela mesma escreveu chamado I’m Glad My Mom Died (“Estou Feliz Que Minha Mãe Morreu“).

Jennette expressou os sentimentos confusos pela mãe em uma peça

“Eu escrevi essa peça para mim, e eu atuei, e nem ali eu queria de verdade por causa do meu estado mental. Por causa do sentimento de que eu não queria mais atuar, car****. Então eu fiz minha última apresentação.”

A atriz decidiu desabafar recentemente em seu podcast Empty Inside (“Vazia por dentro“) devido a pressão dos fãs por um retorno a série iCarly no Paramount+. Infelizmente, ela não irá voltar a atuar devido a seu histórico doloroso e lamenta que seja assim.

“Eu imagino que exista uma experiência bem diferente com a atuação se você cresce orgulhosa do que fez. Se cresce realizada por seus papéis.”

Jennette ainda participou da série Sam & Cat

Resta torcer para que Jannette McCurdy encontre sucesso no caminho que lhe fizer feliz.

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Gabriel Mattos

Redator que joga mais Switch do que deveria e já leu todo o novo cânone de Star Wars, até os livros ruins. • @gabeverse