O Chakra em Naruto: Entenda o elemento que dá poder aos ninjas do anime

Capa da Publicação

O Chakra em Naruto: Entenda o elemento que dá poder aos ninjas do anime

Por Nick Narukame

O chakra é a base principal de todas as técnicas apresentadas no universo de Naruto. Desde a fase clássica, até a fase atual onde acompanhamos as aventuras do filho do protagonista, essa força vem sendo exaltada e, quanto maior a quantidade dela presente em determinado indivíduo, maiores as chances dele se tornar um alvo de vilões interessados em manipular o poder em sua totalidade.

Mas, o que exatamente seria o chakra? Como ele funciona e como seu conceito teve origem? O artigo abaixo visa responder esses questionamentos e alguns outros que talvez possam estar pairando pelas cabeças dos fãs da série.

A posição de mãos auxilia no controle de chakra para que um jutsu seja melhor executado

O que é o chakra?

Como é bem explicado por Sakura durante a fase clássica do anime no arco da prova chuunin, o chakra é a união da energia mental e a energia física de um ser humano. Quanto melhor as duas energias foram equilibradas entre si, mais controle do chakra o usuário terá e, assim, mais poderoso ele poderá vir a se tornar.

A energia mental pode ser estimulada e treinada através dos estudos, meditações e coisas afins, enquanto a energia física advém das células corpóreas do ninja, podendo ser melhor trabalhada através de sua alimentação, treinamento e exercícios contínuos.

Apenas ninjas com excelente controle de chakra conseguem realizar jutsus medicinais

Como o chakra está intrinsecamente ligado às células da pessoa, cada uma delas possui um estilo próprio de energia, sendo elas chamadas de “assinatura de chakra”. Essas assinaturas podem variar também de clã para clã e de nação para nação, uma vez que o DNA dos indivíduos destes grupos podem estar mais relacionados entre si.

A rede interna que transporta o chakra pelo corpo

O funcionamento do chakra

Controlar o chakra não é tarefa das mais fáceis. Quando um ninja acaba fazendo uso demais ou de menos de uma das duas forças ao invés de encontrar o equilíbrio entre elas, os resultados podem ser desastrosos. Técnicas incorretas, jutsus mal executados ou até exaustão extrema estão entre as consequências do mal uso do chakra.

Para conseguir controlá-lo é necessário entender seu funcionamento. O chakra corre pelo corpo através de uma “rede invisível” parecida com o sistema circulatório no corpo humano. Esta rede pode ser danificada ou destruída, por isso deve-se usar as energias com muito cuidado.

O chakra vermelho é exclusivo de jinchuurikis.

Tipos de chakra

O chakra também pode se mostrar de diversas formas, tendo uma nomenclatura adequada para cada uma delas. O chakra vermelho, por exemplo, é exclusivo dos jinchuurikis, ninjas que possuem bestas seladas em seu interior que lhe fornecem uma grande quantidade extra de chakra. Há também os chakras específicos que são passados de geração em geração e dão aos seus usuários maior facilidade para executar determinados jutsus.

O chakra do senjutsu exige ainda o controle de um terceiro elemento para a realização de jutsus. Por senjutsu ser uma técnica que manipula a natureza de modo mais direto, além da energia mental e física, seu usuário terá de encontrar o equilíbrio também de sua energia natural para que as técnicas que tente realizar sejam eficazes.

Vale ressaltar que qualquer pessoa possui chakra em seu interior, mas apenas um ninja habilidoso irá conseguir controlá-lo ao ponto de conseguir utilizá-lo de modo equilibrado, razão pela qual nem todos os humanos do universo do anime se tornam ninjas ou desenvolvem habilidades específicas.

Kaguya Otsutsuki, a primeira usuária de chakra do mundo de Naruto.

A história do chakra

No último arco de Naruto Shippuden, Madara revela seus planos de extrair o poder das bijuus dos jinchuurikis para reviver o poder original do chakra, contando assim como toda essa história começou.

Shinju, a árvore divina que cresceu a partir da energia vital dos falecidos em diversas guerras que ocorriam antigamente, produziu um fruto repleto da energia que absorveu e esse fruto foi devorado pela princesa Kaguya Otsutsuki muitos anos atrás, dando a ela a capacidade do controle de chakra, tornando-a a primeira pessoa capaz de manipular esse poder no planeta.

Ela pôs fim a guerras e deu à luz dois filhos, Hamura e Hagoromo, sendo este último o responsável por “espalhar” o conceito do controle de chakra entre as outras pessoas e torná-lo algo não exclusivo dos Otsutsuki. Seu objetivo era que essa técnica deixasse o mundo mais próximo de um caminho de luz e paz.

Mas algumas pessoas não tinham os mesmos ideais que Hagoromo e começaram a usar a técnica ensinada por ele para lutas, indo totalmente contra ao que era a intenção inicial do sábio.

Meditação e treinamento são essenciais para o controle do chakra

O chakra na vida real

É importante ressaltar também que o conceito de “chakra” não é algo exclusivo do anime Naruto. A palavra “chakra” tem origem do sânscrito e significa “roda”. O termo é comumente visto em religiões orientais para se referir a energia mental, espiritual, física e emocional.

Segundo tais crenças, o chakra tem ligação direta com nosso físico e quando algum deles se encontra “desalinhado” problemas físicos podem se desencadear, bem como problemas emocionais. Assim, o conceito é muito bem adaptado na franquia, que exporta muito da cultura xintoísta e budista para o resto do mundo através da visão fantasiosa de seus contos.

As referências presentes em Naruto às crenças dos povos orientais antigos são muitas e temos certeza que você deve conhecer muitas outras além dessa. Que tal dividir seu conhecimento com a gente nos comentários?

Aproveite e confira também:

Imagem de perfil
sobre o autor Nick Narukame

Graduada em Letras pela UFF, moradora do fim do mundo, escritora amadora e cosplayer sem talento. Dotada com o superpoder de fazer as piadas mais sem graça da face da terra. Se quiser alimentar, dê chocolate. || @narukamenick