Capa da Publicação

Jogo poderá ser usado para tratar déficit de atenção nos EUA

Por Evandro Lira

Pela primeira vez na história, a FDA, agência federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, aprovou que um jogo de videogame faça parte do tratamento de TDAH, o Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade.

Veja também:

Petição para Tony Hawk’s Pro Skater 1+2 pede Chorão como personagem no jogo

[Quiz] Qual jogo de luta faz mais o seu estilo?

Chris Evans vai sortear noite de jogos com o elenco original de Os Vingadores

Desenvolvido pela Akili Interactive, o jogo para celular chama EndeavorRx e visa melhorar a atenção de crianças de 8 a 12 anos de idade diagnosticadas com TDAH. O game estará disponível apenas mediante prescrição médica.

O jogo recebeu aprovação da FDA após cinco estudos clínicos que incluíram mais de 600 crianças. Em um anúncio, Jeffrey Shuren, diretor do Centro de Dispositivos e Saúde Radiológica da FDA, comentou a decisão.

“O dispositivo EndeavorRx oferece uma opção não medicamentosa para melhorar os sintomas associados ao TDAH em crianças e é um exemplo importante do crescente campo da terapia digital e da terapêutica digital”, disse Shuren.

O EndeavorRx consiste em um jogo de obstáculos e coleta. Os jogadores devem navegar por vários cenários temáticos enquanto evitam ataques de fogo, objetos pontiagudos e etc. Ainda será possível desbloquear skins a cada nível de jogo.

Este é, sem dúvida, um passo importante para a indústria dos games, que frequentemente é acusada de causar danos à saúde das crianças. Será que o EdeavorRX vai abrir portas para que outros tratamentos não convencionais sejam aceitos por estudiosos e pais? Comente!

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Editor, bacharel em Cinema e Audiovisual, bruxo nascido trouxa, filho dos filhos do átomo, mestre dos quatro elementos, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira