Capa da Publicação

Brothers in Arms será adaptado como uma série de TV

·
Por Raphael Martins

Após fazer sucesso nos games com vários títulos espalhados por diferentes plataformas, Brothers in Arms, franquia de guerra da Gearbox Software, está à caminho das telinhas.

Veja também:

Sam Mendes, diretor de 1917, conta sua inspiração para o filme

Filme de Call of Duty é adiado indefinidamente

Battlefield V – Novo trailer com cenas de jogabilidade revela o mapa de Roterdã

De acordo com o site The Hollywood Reporter, Brothers in Arms será adaptado como uma série de TV, e sua primeira temporada será baseada em fatos reais. Nela, veremos o infame “Exercício Tiger”, um ensaio para a invasão das praias da Normandia que deu muito errado e resultou na morte de cerca de 800 soldados.

Scott Rosenbaum (Queen of the SouthChuck) será o showrunner da série, enquanto Randy Pitchford, co-fundador  e presidente da Gearbox Software, servirá como produtor executivo. Jean-Julien Baronnet (Assassin’s Creed), Richard Whelan (Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw), e Sean Haran serão os produtores da série.

Em um comunicado à imprensa, Randy Pitchford compartilhou sua empolgação com o projeto:

“Scott [Rosenbaum] é um talento incrível. Eu tenho um tremendo respeito por ele como roteirista e showrunner e estou empolgado por ele ser parte deste projeto. Scott vai criar mais que uma série de guerra – estaremos todos à beira de nossos assentos, pois esta série será uma jornada emocional e surpreendente e sincera que ressoa através de gerações, com a irmandade como o tema que reconcilia e conecta a humanidade.”

Scott Rosenbaum também se pronunciou sobre a série:

“Estou honrado por me unir à frente deste projeto e ansioso para criar uma experiência emocional em torno de um título que significa tanto para a comunidade da Gearbox. O que me atraiu para a série foi que, enquanto é efetivamente um show sobre guerra, é na verdade sobre histórias incríveis de homens e mulheres comuns, de soldados e grupos de resistência até civis locais que são confrontados e superam situações impossivelmente difíceis e extraordinárias. Além disso, é incrivelmente excitante ser capaz de trazer essas histórias, antes confidenciais e desconhecidas, a um público que vai ficar chocado por nunca ter ouvido sobre isso antes.”

E aí, empolgados para a série?

Fique com nossa lista sobre grandes filmes de guerra:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael