Capa da Publicação

Animais Fantásticos: Revelado motivo da saída de Johnny Depp

Por Leo Gravena

Recentemente os fãs de Harry Potter e da franquia Animais Fantásticos foram surpreendidos pela decisão da Warner em cortar relações com Johnny Depp e remover ele do terceiro filme da franquia. Mas porque isso aconteceu somente agora e não quando o ator foi anunciado no papel e várias pessoas pediram para ele ser removido do longa devido à todas as polêmicas em que ele estava envolvido? Aparentemente isso se deu devido as mudanças que ocorreram na Warner Bros. nos últimos anos.

De acordo com uma reportagem da Variety, desde Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald, houve uma fusão entre a Time Warner, que comanda a Warner Bros., e a AT&T. Essa fusão entre as empresas trouxe mudanças para a WarnerMedia, dentre elas, um novo CEO, Jason Kilar, e uma nova chefe de estúdio, Ann Sarnoff.

Segundo a reportagem, na Warner Bros., agora, existe uma falta de tolerância no geral para com “o tipo de controvérsia que todo grande estúdio tem que lidar uma vez ou outra quando interessados em talentos instáveis mas populares historicamente, como Depp”. Ainda assim, Johnny Depp ainda não é o único envolvido em polêmicas que ainda está ligado à franquia: Ezra Miller e J.K. Rowling ambos se envolveram em controvérsias recentemente, mas, ao que tudo indica, quando o ator perdeu seu processo por difamação, isso foi a “última gota” para a Warner, que permitiu que os laços fossem cortados.

Ainda assim, Depp vai receber um grande pagamento pelo papel, mesmo tendo gravado apenas uma cena no filme, já que ele possuía um contrato com a Warner dizendo que caso ele fosse removido do filme, ainda receberia o salário, de oito dígitos, completo.

Confira também:

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor-Chefe | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."