Capa da Publicação

Os 10 melhores Príncipes da Disney!

Por Gus Fiaux

Nos mundos encantados da Disney, conhecemos várias criaturas mágicas, reinos coloridos e princesas… contudo, uma parte importante das histórias que geralmente não é muito lembrada são os Príncipes, que estão lá seja como suporte romântico das heroínas ou como protagonistas de sua própria história. E aqui estão os melhores entre eles.

Para fazer parte da lista, selecionamos apenas príncipes que são atrelados a uma das Princesas da Disney oficiais – ou seja, as que fazem parte da contagem oficial do estúdio. Eles não necessariamente precisam fazer parte da realeza – apenas ter alguma conexão romântica ou afetiva com as princesas do Walt Disney Animation Studios.

Créditos: Disney

Imagem de capa do item

Príncipe Encantado

Começamos esta lista com um dos príncipes mais conhecidos dos reinos da Disney. O Príncipe Encantado, como é conhecido, é o grande interesse romântico da Cinderela, cujo pai propõe um baile para que ele finalmente encontre uma dama para se casar.

Apesar de sabermos pouco sobre sua história, Encantado é um homem charmoso e que, apesar de sua fortuna, não nega o desejo de seu coração em se casar com uma "plebeia". Em sua versão live-action, desvendamos um pouco mais de sua personalidade.

Imagem de capa do item

Príncipe Eric

Quem conhece a clássica história d'A Pequena Sereia já é bem familiarizado com o divertido e adorável Príncipe Eric, pelo qual a jovem Ariel se apaixona e decide deixar para trás seu lar, para que possa encontrar seu novo lugar no mundo.

Eric pode até ter a expressão de um príncipe clássico, mas conta com muito mais personalidade e traços marcantes. Além de ser fofo, ele adora cachorros e, apesar de ser da realeza, não deixa de ser trabalhador, sendo um marinheiro de primeira linha e tendo muito conhecimento sobre nativos.

Imagem de capa do item

Príncipe Felipe

Marcado para se casar com a Aurora desde cedo, o Príncipe Felipe é um grande herói dentro da história de A Bela Adormecida, por ser o rapaz que toma a coragem de enfrentar a tenebrosa Malévola, mesmo quando a vilã assume sua forma de dragão.

Ele faz de tudo para salvar sua amada e seu reino - e no fim, é o responsável pelo beijo de amor verdadeiro, que desperta a princesa de seu sonho amaldiçoado. É o típico príncipe clássico, que toma mais parte na história e realmente prova seu valor.

Imagem de capa do item

John Smith

Parte do grupo de colonizadores que tentam conquistar as terras norte-americanas, John Smith de início já se destaca de seus outros colegas. Ao conhecer a adorável Pocahontas, isso muda ainda mais de figura, já que ele descobre o valor da natureza e da cultura do povo nativo.

No fim das contas, Smith tenta de tudo para salvar sua amada e inclusive tenta impedir uma grande guerra entre os indígenas e os ingleses. É uma pena que o romance entre ele e Pocahontas seja finalizado de uma forma tão abrupta, com o herói tendo que retornar ao seu continente.

Imagem de capa do item

Kristoff

Frozen: Uma Aventura Congelante nos proporcionou vários personagens adoráveis e marcantes. Mas se você está esperando que essa lista contenha o vilão Hans, pode ir tirando o cavalinho da chuva, pois o verdadeiro príncipe aqui - por mais que não seja da realeza - é Kristoff.

Sempre aliado de seu parceiro Sven, o herói é fundamental na jornada de Anna para resgatar sua irmã, que se isolou do mundo graças aos seus poderes congelantes. Ele está disposto a lutar com sua vida, desenvolvendo um forte laço com a princesa - e tornando-se um herói honrado.

Imagem de capa do item

Fera/Príncipe Adam

Tudo bem que, ao começo de A Bela e a Fera, descobrimos que o Príncipe Adam não foi lá uma boa pessoa. Suas ações no passado o condenaram a viver em um corpo monstruoso, graças à maldição de uma feiticeira. No entanto, tudo muda quando ele conhece Bela.

Aos poucos, a Fera vai se tornando uma pessoa agradável e fofa, deixando de lado seu comportamento monstruoso para provar-se digno do amor da donzela. Ele inclusive quase sacrifica sua vida para enfrentar Gaston, provando que não devemos julgar um livro pela capa.

Imagem de capa do item

Flynn Rider/José Bezerra

O mais canastrão desta lista, Flynn Rider pode começar como um malandro despojado e estilo - até ser revelado como José Bezerra, um pé-rapado órfão que teve uma infância difícil e se tornou um aventureiro e ladrão para fugir dos problemas de sua juventude.

Ainda assim, ele prova todo o seu valor em Enrolados, ao ajudar a Rapunzel a fugir de seu cativeiro e se libertar da influência da malvada Mamãe Gothel. Aos poucos, ele vai deixando sua vida de ladrão para trás e se torna um príncipe honrado e gentil.

Imagem de capa do item

Príncipe Naveen

A Princesa e o Sapo é um dos filmes mais subestimados da Disney, assim como o Príncipe Naveen, que é uma das figuras centrais da história. Apesar dele ser o "donzelo em perigo", que é transformado em sapo pelo Dr. Facilier, ele faz parte da transformação de Tiana.

E isso não apenas por transformá-la em sapo, mas por colocá-la em uma jornada onde a heroína percebe que pode conciliar seu trabalho com um amor eterno. Naveen é divertido, engraçado e até um pouco folgado - mas logo se mostra um herói nato, além de extremamente amoroso.

Imagem de capa do item

Li Shang

Qualquer um que tenha assistido Mulan e não tenha admirado ou se apaixonado por Li Shang assistiu errado. O filme obviamente é focado na princesa se tornando uma guerreira para salvar a China, mas o general do exército é uma das pessoas mais importantes a ajudá-la com essa tarefa.

Shang respeita e desenvolve sentimentos pela guerreira quando ela ainda se passa por homem - e ainda se mantém ligado a ela quando ela finalmente se revela. Além de tudo isso, ele é um guerreiro sem igual, imprescindível na derrota dos hunos e de seu cruel líder, Shan Yu.

Imagem de capa do item

Aladdin

Em primeiríssimo lugar na lista, não teríamos outro se não fosse o Aladdin, o único príncipe que é protagonista de seu próprio filme. E o que mais torna ele um personagem genial é sua humildade, após perceber que não precisa de disfarçar como Príncipe Ali.

Ao lado de Jasmine e diversos outros companheiros - como o macaquinho Abu, o Gênio e o Tapete Voador -, o herói conseguiu salvar toda a Arábia da influência maléfica de Jafar. É um herói e tanto, que mesmo com todos os desejos ao seu favor, sabe que precisa ser honesto para ganhar.

Imagem de perfil
Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Demon to some... angel to others (ele/dele) || @gus_fiaux