Capa da Publicação

10 sagas dos quadrinhos que vão demorar ou nunca chegarão aos cinemas!

Por Márcio Jangarélli

Existem infinidades de histórias de super-herói para serem contadas nas telonas, mas têm aquelas épicas que todo fã quer ver e, em alguns casos, vai demorar até tal trama chegar aos cinemas, seja por dificuldades técnicas, de elenco, de efeitos ou brigas jurídicas. Aqui vão 10 sagas dos quadrinhos que vão demorar para chegar nos cinemas, em alguns casos, muito. Se a sua favorita não está aqui, deixa aí nos comentários pra nós chorarmos juntos.

Imagem de capa do item

Guerras Secretas

A trama do planeta Beyonder, reunindo inúmeros heróis e vilões da Marvel para lutar entre si, seria um passo bem complexo hoje nos cinemas por motivos bem simples: falta de heróis e contexto. Nos quadrinhos a saga vem e vai do nada, reúne todo o time A e B de heróis e anti-heróis da empresa e termina por si só.

No cinema, num futuro próximo podemos ter heróis e, principalmente, vilões o suficiente (a Marvel está em desfalque nesse quesito) e, talvez, a saga poderia ser encaixada de alguma forma, assim como Planeta Hulk pode aparecer em Thor: Ragnarok. As chances aumentam ainda mais com o Aranha no elenco da Casa das Ideias, visto que ele é um dos que recebe maior repercussão na história pós-Guerras Secretas, mas, ainda, é uma história difícil para um momento em que os heróis se levam tão a sério nas telonas.

Imagem de capa do item

Flashpoint

Pra falar a verdade, as histórias da DC têm mais chances de acontecer que as da Marvel, por ter todos os seus heróis consigo ainda. Flashpoint, como todas as outras, precisa de um universo compartilhado estabelecido e forte, afinal, são versões paralelas de outros personagens aparecendo ali, além, é claro de um Flash mais maduro nas telonas, com total consciência de seus poderes, sem esse lance de estar descobrindo as coisas ainda. É uma ideia para o futuro, se e quando o novo universo compartilhado decair e precisar de um reboot com continuidade de marca.

Imagem de capa do item

Avengers Vs X-Men

Outra que nunca veremos (nunca diga nunca, não é mesmo?) por conta dos problemas entre Marvel e Fox. Avengers Vs X-Men talvez seria mais icônico que o vindouro Batman Vs Superman, pela origem da história, pegando raízes lá atrás, na saga da Fênix Negra e na Dinastia M, e as proporções que a coisa toda toma. Poxa, ver a luta de Emma Frost contra o Thor nas telonas seria icônico.

Mas, além dos problemas contratuais, ainda temos a falta de exploração de outros mutantes no cinema. Ou a Rainha Branca de vidro, de X-Men Primeira Classe, o Colossus coadjuvante sem Magik e o Ciclope perdido dos filmes contam como alguma coisa?

Imagem de capa do item

Crise nas Infinitas Terras

A grande crise da DC pode até render alguns frutos no filme e na série do Flash, mas pra ser realmente adaptada, precisa de muito ainda. Precisa de personagens, precisa de embasamento para os multiversos, precisa de trabalho bem feito pra não confundir as pessoas. Pinceladas dessa saga já temos, quem sabe um dia vemos a obra completa?

Imagem de capa do item

Dinastia M

Dinastia M, uma das histórias mais icônicas dos X-Men, mostrando todo o poder da Feiticeira Escarlate, é praticamente impossível de acontecer no cinema pelo fato da briga entre Fox e Marvel pelo direito dos mutantes. Pietro está com a Fox, Wanda está na Marvel, mas ainda existem inúmeros problemas contratuais que impedem a Feiticeira de atingir seu potencial total.

Ainda, mesmo que Wanda estivesse certa de um lado, faltaria estabelecer a personagem, não tão conhecida assim longe dos quadrinhos, sua família, que está com a Fox, porque o nome da história não é Dinastia M a toa, e ter público afetado na saga, certo? Afinal, você pode até criar um “No More Inhumans”, mas não vai ser a mesma coisa.

Imagem de capa do item

A Noite Mais Densa

Uma que seria interessantíssima em adaptação, mas, ainda nem temos um Lanterna Verde, imagine a Tropa e toda a mitologia dos anéis e das outras tropas? Além disso, temos a falta de heróis, nesse caso, mortos. Claro, existem várias possibilidades de adaptação para esse problema, porém, o principal fica: E o Lanterna, cadê? Quem sabe, quando a Tropa chegar aos cinemas, em 2020.

Imagem de capa do item

Invasão Skrull

Se a Marvel gosta de alguma coisa, é do segredo nos nomes de saga, no caso, Secret Invasion. Outro arco que não vai chegar ao MCU é o dos Skrulls se disfarçando de super-heróis para invadir a Terra. O problema? O de sempre, além dos X-Men e do Quarteto Fantástico, grupos fundamentais na história, estarem com a Fox, a empresa também detém o direito dos alienígenas.

Imagem de capa do item

A Piada Mortal

Essa, talvez, seja a mais simples de se adaptar, no quesito elenco e narrativa, porém, a saga clássica de Alan Moore para o Batman esbarra no peso da história, mostrando um Coringa completamente insano e cruel, com direito a muita morte e tortura. Algumas pistas indicam para um pouco dessa saga ser incorporada no passado do novo Batman, mas a trama, no total, é dificílima de acontecer.

Imagem de capa do item

Reino do Amanhã

A história de Alex Ross e Mark Waid, com o mundo sendo vigiado por heróis errados seria uma forma incrível de encerrar uma fase do novo universo da DC nos quadrinhos, como falamos aqui. Porém, hoje, e por mais um tempinho ainda, a história é inviável pelo universo recém-nascido da DC, além de englobar os heróis bem mais velhos. Nos quadrinhos, a trama se passa em 2020, ganhando um tom futurista, então a questão temporal teria que ser revista também.

Imagem de capa do item

Guerra Civil

Calma lá. A ideia da guerra entre os super-heróis pode estar sendo adaptada, dos dois lados, nos cinemas, mas a saga Guerra Civil é bem mais complexa do que o que vai ser exibido. Pra começar, a velha questão da quantidade de heróis e da falta de alguns chave para se ter a história completa.

Também, identidades secretas e super-poderes não são tão comuns (pelo menos por enquanto, vide Agents of S.H.I.E.L.D.) no cinema quanto são nos quadrinhos, fazendo a ideia do registro parecer bem fraca, tanto que está sendo adaptada para fazer mais sentido. Temos uma lista completinha sobre o assunto aqui, pra quem quiser saber mais.

Imagem de perfil
Márcio Jangarélli

Assessor, redator e jornalista. Madonna de Jakku.