Os 10 pets mais icônicos das histórias em quadrinhos

Capa da Publicação

Os 10 pets mais icônicos das histórias em quadrinhos

Por Gus Fiaux

Os quadrinhos de super-heróis e de aventuras fantásticas sempre foram recheados com personagens incríveis e maravilhosos. Porém, pouco se discute sobre outro elemento bem curioso: os bichos de estimação desses heróis e vilões. Eles estão por toda parte, seja nas histórias da Ms. Marvel ou até mesmo no núcleo sombrio do Batman. E são exatamente os bichinhos super especiais que protagonizam o novo longa animado da DC Comics, DC Liga dos Superpets.

Pensando nisso, reunimos os dez pets mais icônicos dos quadrinhos. Selecionamos personagens que, além de animalescos, têm uma relação afetiva com algum “dono”, ainda que não “oficializada”. Então, não espere ver personagens como Rocket Racoon ou Gorila Grodd.

E como amor animal nunca é demais, também temos algumas menções honrosas, como Zabu; Dinossauro Demônio; Shiva; Hoppy, o coelho da Família MarvelRex, o Cão Maravilha e, fugindo do núcleo dos super-heróis, todos os animais de estimação dos quadrinhos da Turma da Mônica.

Imagem de capa do item

Ace, o Batcão

Vários elementos das histórias clássicas da Era de Ouro das HQs caem no esquecimento devido à tosquice. E infelizmente, um desses elementos populares da história do Batman era Ace, o Batcão. Inicialmente, ele era apenas um cachorro "detetive" que ocasionalmente ajudava o Cavaleiro das Trevas e o Robin em missões - por mais que seu dono sequer fosse Bruce Wayne.

O "herói" sumiu dos quadrinhos por um bom tempo, mas posteriormente foi revitalizado na série Krypto, o Supercão, onde ganhou um visual totalmente novo, bem inspirado pelo traje do próprio Cavaleiro das Trevas, com direito à máscara pontuda e à capa preta, além do símbolo do morcego. E é esta versão, mais carismática, que retorna com todo seu glamour em Liga dos Superpets.

Imagem de capa do item

Cosmo

Já que estamos falando de doguinhos, é difícil imaginar um que seja tão fofo - e ao mesmo tempo, corajoso e decidido - quanto Cosmo, o cão telepata que já integrou e serviu de mascote dos Guardiões da Galáxia. Enviado ao espaço em uma expedição soviética, ele acabou parando em Luganenhum, a gigantesca cabeça celestial que flutua no espaço.

Lá, ele começou a evoluir devido ao ambiente, e desenvolveu poderes telepáticos, sendo capaz de se comunicar com as pessoas ao seu redor. Ele lutou bravamente ao lado de várias equipes e heróis espaciais, como o Nova e até mesmo o Surfista Prateado. Nos cinemas, ele participou apenas como figurante, mas finalmente terá destaque em Guardiões da Galáxia Vol. 3, dublado por Maria Bakalova.

Imagem de capa do item

Dex-Starr

Saímos de cachorros e agora entramos em assuntos felinos. Dex-Starr pode ser seu próprio "dono", mas ele tem uma das relações mais peculiares e "fofas" dos quadrinhos da DC Comics: ele é amigo de Atrocitus, um dos membros mais barra-pesada da Tropa dos Lanternas Vermelhos, que é movida pelo ódio.

A história do gatinho é bem curiosa e triste. Ele foi abandonado quando filhote e, embora tenha sido resgatado por uma moça muito gentil, ele a viu morrendo em sua frente durante um assalto. Eventualmente, ele receberia o Anel do Poder vermelho, e partiria em uma grande carnificina para destruir seus inimigos. E mesmo diabólico, ele é muito fofo!

Imagem de capa do item

Lockheed

Kitty Pryde sempre teve a fama de ser a integrante mais jovial dos X-Men, e tudo melhorou depois que os criadores do título da equipe decidiram dar a ela um companheiro animal. Assim, surgiu Lockheed, um dragãozinho alienígena que a mutante intangível conheceu em uma missão. Eles logo se uniram e se tornaram muito próximos, compartilhando inclusive um elo psíquico.

O animalzinho se fez bastante presente na história da heroína e dos Filhos do Átomo, e até hoje está vivo e à solta, ocasionalmente se reunindo com Kitty e com outros heróis mutantes. Apesar do rosto emburrado, ele é muito dócil e se tornou grande amigo de vários outros heróis, como o Noturno e a Magia. Inclusive, Lockheed chegou a fazer uma pequena participação no filme Novos Mutantes como a pelúcia da mutante.

Imagem de capa do item

Bubastis

Ozymandias é o homem mais inteligente do universo de Watchmen. Ele conseguiu enganar um deus, e arquitetar um plano tão intrincado que todo o planeta pôde interromper a Guerra Fria para se voltar contra um inimigo em comum. Assim sendo, ele precisaria de um bicho de estimação à altura, e Bubastis mais que cumpre esse papel.

O que a diferencia de quase todos os pets conhecidos das HQs é sua singularidade. Ela é um lince geneticamente modificado, que acompanhou Adrian Veidt durante boa parte de sua vida. O que a torna tão única é seu pelo vermelho e preto (ou azul e preto, no filme). Infelizmente, seu final não é lá muito feliz...

Imagem de capa do item

Asa Vermelha

Embora os filmes tenham "perdido" esse personagem da forma como é nos quadrinhos, o Asa Vermelha é um excelente animal de estimação, ao mesmo tempo que também ajuda nas missões heroicas do Capitão América. Trata-se de um falcão adquirido por Sam Wilson em uma de suas viagens ao Rio de Janeiro.

A criatura, que é muito amigável, auxilia o herói durante o combate, já que o Falcão tem um elo telepático com aves, devido a experimentos com o Cubo Cósmico. Assim sendo, ele consegue ver através dos olhos de Asa Vermelha, e ser alertado de perigo nas redondezas. Como se não bastasse, o pássaro também obedece aos seus comandos, e pode ser um aliado formidável na hora do elemento surpresa. No MCU, a ave foi substituída por um drone.

Imagem de capa do item

Salém

"Alguém vai acabar chorando. Provavelmente eu." Você pode até achar que Salém surgiu apenas através da série de Sabrina, Aprendiz de Feiticeira - ou pior, que ele é apenas uma figura comum em memes e gifs no Twitter -, mas a verdade é que esse adorável (e sarcástico) gato preto e falante existe há muito mais tempo, e sempre esteve ao lado da bruxinha Sabrina.

O personagem surgiu pela primeira vez em 1962, em um quadrinho da Archie Comics. Desde então, é o gato mágico favorito de todo mundo. Curiosamente, em suas primeiras aparições ele era laranja, e só passou a ser preto com o sucesso da série de TV. Na versão da Netflix, O Mundo Sombrio de Sabrina, tem uma participação bem menor.

Imagem de capa do item

Alfazema

Cachorros e gatos são muito mainstream. Alguns podem até ter pássaros e aves. Mas o que dizer quando seu animal de estimação é um dinossauro com piercing no nariz que foi geneticamente modificado e trazido do Século 87? Pois esse é o caso de Alfazema, a criatura que acompanha Gert em suas aventuras junto com os Fugitivos.

Apesar de muitos acharem que se trata de um Velociraptor, ela é um Deinonico, e através de uma série de melhorias experimentais, compartilha um elo telepático com sua dona. Quando Gert "morre", esse elo é passado para Chase Stein, e ela continua fielmente ao lado dos heróis adolescentes. Apareceu também na versão live-action da série Fugitivos.

Imagem de capa do item

Krypto

Nenhuma lista de animais de estimações icônicos dos quadrinhos estaria completa sem a presença de Krypto, o Supercão, o fiel aliado do Superman. Originalmente, ele nada mais era que o pet da Casa de El - a família do Homem de Aço -, no planeta de Krypton. Enquanto fazia os testes para mandar seu filho à Terra, Jor-El acabou lançando o cão a esmo no espaço.

Contudo, ele posteriormente reencontrou Kal-El (ou Clark Kent), quando o jornalista já era o herói mais importante da Terra. Sua popularidade foi tão grande que ele chegou a liderar a Legião dos Super-Pets, e ganhou sua própria série animada de TV, que durou duas temporadas entre 2005 e 2006. Agora, ele retorna para protagonizar o filme DC Liga dos Superpets, com a voz de Dwayne Johnson - o The Rock.

Imagem de capa do item

Dentinho

Por fim, temos uma criaturinha que de "inha" não tem nada. Trata-se de Dentinho, o cão-mascote da Família Real dos Inumanos. E, assim como os membros de sua raça, ele também tem habilidades especiais, uma vez que consegue teletransportar a si próprio e/ou as pessoas ao seu redor, para qualquer localização imaginável.

Porém, o verdadeiro super-poder do bichinho é sua fofura colossal. Sério, ele é um buldogue gigante, que nunca deixa de demonstrar carinho e lealdade aos seus donos. Ele inclusive passou um bom tempo ao lado de Kamala Khan, a Miss Marvel, e a ajudou em várias de suas missões. Quem é um bom garoto?

Imagem de perfil
Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Demon to some... angel to others (ele/dele) || @gus_fiaux