Capa da Publicação

Após morte no set de filmagem, produtora do filme Rust é multada no valor máximo

Por Jaqueline Sousa

A morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins no set de filmagens do filme Rust chocou o mundo há seis meses atrás. O trágico evento aconteceu após o disparo de um tiro acidental feito pela arma que estava sob posse do ator Alec Baldwin, o que gerou uma grande leva de investigações acerca do ocorrido. Agora, a produtora do longa foi oficialmente multada em um valor máximo por negligência de segurança no ambiente de trabalho.

Segundo informações do The Guardian, a decisão foi tomada nesta quarta-feira (20) pelo órgão regulador do Novo México (EUA), onde a justiça norte-americana decidiu aplicar uma multa máxima no valor de US$ 139,793 à Rust Movie Productions, a produtora responsável pelo filme.

Além disso, o Departamento de Saúde e Segurança no Trabalho do estado também divulgou um relatório que reporta diversas falhas de segurança no set de filmagens e violações de protocolos. A declaração também aponta reclamações de funcionários a respeito da ausência de medidas protetórias com o uso de armas.

Uma parte do relatório diz:

“O coordenador de segurança estava presente no set de filmagens e não realizou nenhuma ação direta para resolver as preocupações de segurança. A administração teve múltiplas oportunidades de seguir com as medidas corretas, mas não o fez. Como resultado dessas falhas, o diretor Joel Souza e a diretora de fotografia Halyna Hutchins foram severamente feridos. Halyna Hutchins sucumbiu aos seus ferimentos.”

Halyna Hutchins em um set de filmagens.

A produtora responsável pelo filme Rust foi multada pela morte de Halyna Hutchins no set de filmagens.

Ainda de acordo com as investigações, a arma, que estava carregada, foi entregue ao ator Alec Baldwin pelo assistente de direção David Halls, sem uma consulta prévia com os especialistas no local.

Também há outros processos envolvendo o caso, como o realizado pela família de Hutchins contra Baldwin e os demais envolvidos com o filme. Os familiares da diretora de fotografia alegam que o “comportamento imprudente” custou a vida de uma pessoa.

Aproveite também:

Imagem de perfil
sobre o autor Jaqueline Sousa

Jornalista. Apaixonada por cinema, música e literatura. | @jqlnsss