Capa da Publicação

Marc Spector: Saiba tudo sobre a personalidade do Cavaleiro da Lua nas HQs

Por Gus Fiaux

Cavaleiro da Lua teve apenas dois episódios exibidos até agora, mas já está mostrando muito da mitologia e dos mistérios que envolvem o personagem nos quadrinhos. Se o primeiro capítulo nos apresentou a figura de Steven Grant e suas crescentes suspeitas de que seus ataques de sonambulismo signifiquem algo a mais, o segundo já nos introduz bem a Marc Spector, a identidade “original” do personagem nos quadrinhos.

Spector é o nome de batismo do Avatar de Khonshu, e foi a primeira personalidade desenvolvida pelo anti-herói. Ele tem uma história complexa nos quadrinhos, que envolve trabalho para as Forças Armadas norte-americanas e um pé no mercenarismo, que o levou diretamente aos braços de Khonshu. Aqui, selecionamos tudo o que você precisa saber sobre Marc Spector, para já ficar de olho nos próximos passos do personagem na série do Disney+.

Marc Spector nos quadrinhos da Marvel

Nas HQs, Marc Spector nasceu em Chicago, Illinois, e teve uma infância muito conturbada. Quando ainda era bem pequeno, seu transtorno dissociativo de identidade começou a se manifestar, de modo que ele tinha diversos “apagões” enquanto suas demais personalidades tomavam conta de seu corpo. Isso o levou a ser internado em asilos e clínicas psiquiátricas, até que começou a controlar melhor o distúrbio através de medicamentos e terapia.

Quando adulto, ele se alistou e trabalhou durante três anos para os Fuzileiros Navais. Contudo, devido ao custo emocional da profissão, ele relaxou em seus tratamentos e suas personalidades começaram a se manifestar de novo, o que o levou à exoneração. Depois, ele passou algum tempo na CIA e posteriormente se tornou um mercenário, em missões na América do Sul e na África, ao lado de conhecidos como o Francês e Raul Bushman.

Em uma missão no Egito, eles deviam roubar um sítio arqueológico. Bushman acabou matando o arqueólogo Peter Alraune, e queria machucar a filha dele, Marlene. Porém, Spector teve um momento de cavalheirismo e se voltou contra seu aliado. Revoltado, Bushman traiu e matou Spector, bem aos pés de uma estátua de Khonshu, divindade egípcia da lua e da vingança. E assim, a vida de Marc mudou.

Contatado por Khonshu, ele decidiu se tornar seu avatar, em troca da ressurreição e da possibilidade de vingança contra Bushman. Assim nasceu o Cavaleiro da Lua moderno (levando em conta que Khonshu já escolhera outros avatares ao longo dos milênios de sua existência). Spector participou de diversas missões, integrou equipes de heróis e fragmentou ainda mais sua mente. Em HQs mais recentes, foi revelado que Khonshu já havia escolhido Marc para ser seu avatar quando ele ainda era criança, muitos anos antes dele ter morrido aos pés de sua estátua.

Marc Spector na série do Cavaleiro da Lua

Na mais nova série do Universo Cinematográfico da Marvel, começamos testemunhando o mundo a partir do ponto de vista de Steven Grant, uma das personalidades de Marc Spector. Já falamos dele antes, mas ele trabalha na loja de presentes de um museu e acredita que está tendo episódios cada vez mais bizarros de sonambulismo, tanto que prepara planos para “se prender” em casa toda vez que está dormindo.

Ao longo do primeiro capítulo, Steven começa a descobrir itens associados a um homem chamado Marc Spector, tal qual um celular e uma chave para um depósito particular. Ao fim do piloto, descobrimos que Marc está, de certo modo, “na cabeça” de Steven, e ele passa a assumir o controle quando uma múmia de chacal aparece no museu onde Grant trabalha. Logo, Spector também assume sua persona mascarada: o Cavaleiro da Lua.

O segundo episódio já traz mais revelações importantes sobre Spector: ele parece ser a personalidade-base, enquanto Steven não passa de uma construção de sua própria psiquê. Ele também é o responsável pelo pacto com Khonshu, e fica claro que ele também morreu e foi ressuscitado pela identidade. Por enquanto, não sabemos muito além disso sobre as origens e o papel do personagem na série, mas algo sugere que isso será mais desenvolvido nos próximos capítulos.

Uma mudança interessante que a série já começou a tratar diz respeito às diferentes facetas do próprio Cavaleiro da Lua. Enquanto, nos quadrinhos, o herói e suas versões funcionam quase como personalidades alternativas de Marc, na série, cada uma dessas versões está atrelada às personagens já existentes – tanto que Spector assume o posto de Cavaleiro da Lua, enquanto Steven Grant se torna o Senhor da Lua.

Por ora, ainda há muitos mistérios a serem desenvolvidos e muitos enigmas precisam ser solucionados, mas toda a questão das identidades e personalidades de Marc parecem estar bem presentes no futuro da temporada. A nós, resta saber se Jake Lockley também aparecerá – a personalidade mais “suja” e sombria de Marc, que toma a forma de um taxista e coleta informações para o Cavaleiro da Lua nos quadrinhos.

Cavaleiro da Lua vai ao ar semanalmente no Disney+, todas as quartas-feiras.

Abaixo, confira também:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux