The Mandalorian: Gina Carano fala sobre sua demissão da série

Capa da Publicação

The Mandalorian: Gina Carano fala sobre sua demissão da série

Por Raphael Martins

Os fãs de Star Wars foram surpreendidos durante a última semana quando a Lucasfilm anunciou que Gina Carano, que interpretou a mercenária Cara Dune em The Mandalorian, foi demitida pelo estúdio após uma série de publicações ofensivas postadas por ela em suas redes sociais. Agora, a própria atriz falou sobre a demissão, aproveitando para anunciar seu novo projeto.

Em uma declaração ao site Deadline, Gina Carano se dirigiu diretamente a seus detratores, prometendo se referir à cultura do cancelamento em seu mais novo trabalho, um filme feito em conjunto com o site conservador The Daily Wire. A atriz disse:

“O The Daily Wire está me ajudando a tornar um dos meus sonhos – desenvolver e produzir meu próprio filme – uma realidade. Eu gritei e minhas preces foram atendidas. Estou mandando uma mensagem direta de esperança para qualquer um vivendo com medo do cancelamento pela turba totalitária. Eu apenas comecei a usar minha voz, agora mais livre do que nunca, e espero que ela possa inspirar outros a fazerem o mesmo. Eles não podem nos cancelar se não permitirmos.”

Gina Carano como Cara Dune em The Mandalorian: Disney demitiu a atriz por postagens ofensivas na internet

Carano irá desenvolver, produzir e estrelar o futuro filme, que ainda não possui um título ou data de lançamento. O The Daily Wire confirmou que ele será lançado exclusivamente para seus assinantes. A produção é de Dallas Sonnier (Rastro de Maldade).

Por que Gina Carano foi demitida?

Há vários meses, Carano tem causado desconforto nas redes sociais, utilizando o Twitter e o Instagram para fazer comentários transfóbicos, criticar o uso de máscaras, diminuir o impacto da pandemia de covid-19, espalhar teorias de conspiração e criticar o movimento Vidas Negras Importam.

Na última quarta-feira (10), a atriz publicou um story antissemita (preconceito com judeus) no Instagram, onde comparava os eleitores republicanos com os judeus perseguidos e mortos durante o nazismo. Mesmo tendo apagado a publicação, os fãs da série iniciaram um movimento pelo Twitter, o #FireGinaCarano (Demita Gina Carano), que em poucas horas já havia se tornado um dos assuntos mais comentados da rede social.

Em um comunicado oficial feito esta semana, um porta-voz da Lucasfilm comunicou a demissão de Gina Carano de The Mandalorian:

“Gina Carano não é mais uma empregada da Lucasfilm e não há planos para que ela seja no futuro. Os posts dela nas redes sociais ofendendo pessoas por conta de suas culturas e identidades religiosas são abomináveis e inaceitáveis”

Gina Carano foi demitida pela Lucasfilm pelo conteúdo de suas postagens nas redes sociais

As duas temporadas de The Mandalorian estão disponíveis no catálogo do Disney+.

Veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael