Capa da Publicação

[Teoria] Wandavision: Mephisto já apareceu na série?

Por Cristiano Rantin

Atenção: Alerta de Spoilers!

Desde que ouvimos sobre a premissa de WandaVision, imediatamente começaram a surgir teorias de que a série seria sobre a Dinastia M — o momento em que Wanda cria uma realidade perfeita, no meio de um estado de completa vulnerabilidade emocional e psicológica, e acaba dizimando a raça mutante com apenas três palavras. Mas e se o seriado utilizar uma outra obra (bem menos popular) para construir essa narrativa? E se Wanda e Visão estiverem sendo usados por Mephisto?

Em 1986, foi lançada a HQ “Visão e a Feiticeira Escarlate: Na Terra dos Mortos”. A trama é bem simples, os Vingadores são convidados por Glamor (heroína capaz de mudar a densidade do seu corpo para ficar intangível, atravessar paredes ou ficar mais forte e resistente) e Ilusão (capaz de manipular a matéria, levitar objetos e até mesmo transformar cinzas em um livro) para assistir um show de mágica. Parece familiar? De forma simplificada, a habilidade dos dois personagens é um tanto parecida com o que vemos Wanda e Visão fazerem. Mais do que isso, no segundo episódio da série, é esse o nome que os heróis usam durante o show de talentos de WestView

Mas essa história não é interessante apenas por causa da referência presente em WandaVision. Ainda nesta HQ, Wanda está grávida e, ao tentar entrar em contato com o espírito de Agatha Harkness, é puxada para o reino de Samhain. Lá, ela é assombrada pelos espíritos dos mortos que querem usar a vida que ela está gestando para abrir uma fenda entre os reinos e, assim, retornarem ao mundo dos vivos. 

E é ai que começa a minha teoria.

Ilusão e Glamour

Onde Wanda está?

Em WandaVision, temos várias pessoas vivendo suas vidas no subúrbio, acompanhando sem questionar as mudanças de realidade (e décadas) que acontecem na história de Wanda. Ninguém parece saber muito bem o que está acontecendo, mas rumores sobre a vida incomum do casal já começaram a surgir, o que faz com que os heróis se desdobrem para serem aceitos pela comunidade e reforçar a ilusão de normalidade. 

Minha teoria é que, tirando Wanda, Monica e Agnes, todos na cidade estão mortos, vagando sem muita motivação e “vivendo” como podem neste limbo. Eles sabem que estão presos ali e, vez ou outra, acabam mostrando sua verdadeira natureza ao serem ligeiramente hostis com Wanda, a invasora deste reino. Os personagens secundários também costumam e pressioná-la em busca de respostas, algo que sempre gera caos e acaba deixando a realidade mais instável — causando repetições de fala, confusão, interferência ou mudanças nas décadas. 

Em “Visão e a Feiticeira Escarlate: Na Terra dos Mortos” os espíritos são antagonistas, controlados pelo vilão Samhain, que tenta de todas as formas usar Wanda e seus filhos para completar o ritual e se libertar. Acredito que na série os personagens secundários não possuem nenhuma motivação nefasta por conta própria, mas acabam sendo controlados ou influenciados por uma força sombria que tenta se alimentar do caos produzido por Wanda

Wanda e Visão no show de mágica

O que está acontecendo? 

Acho que realmente estamos vendo Wanda em sua “Dinastia M”, mas que a história não seguirá nesta direção. Depois de perder tudo — os pais pela bomba do Stark, o irmão por Ultron, a liberdade após a Guerra Civil e o Visão por causa de Thanos — a heroína finalmente encontra um pouco de normalidade em sua vida. E se isso é apenas uma ilusão, porque ela gostaria de sair deste mundo ideal?

A Feiticeira Escarlate no MCU é extremamente trágica. Desde a infância ela tem perdido entes queridos, não conseguindo encontrar paz nem mesmo quando se juntou aos Vingadores.

Após ser obrigada a matar seu amado em Vingadores: Guerra Infinita, apenas para ver que isso não adiantou de nada e ter que assistir a morte dele mais uma vez. A Wanda que vemos em Vingadores: Ultimato está devastada. Ela chega extremamente furiosa, sendo a heroína que enfrenta o Titã Louco com mais violência. Naquele momento ela não busca salvar o mundo, mas sim vingança. Após o confronto, livre do seu ódio, Wanda parece triste, falando sobre o Visão e vivendo o luto. 

O que acontece entre Ultimato e WandaVision não fica claro nestes primeiros episódios do seriado. A série literalmente começa com Wanda e Visão sendo recém-casados e vivendo sua vida perfeita nos anos 50. Mas com os poderes cada vez mais fortes após o confronto contra Thanos, Wanda pode ter procurado uma forma de trazer o Visão de volta…

Wanda e Agatha Harkness na Estrada das Bruxas

No caminho de sua “Busca pelo Visão” ela pode ter encontrado essa “fenda” na realidade, acreditando ser um lugar inofensivo que respondia aos seus poderes, algo que permitia que ela moldasse a realidade e vivesse ao lado do seu amado. Isso explicaria o motivo pelo qual ela consegue manipular tudo na série, chegando até mesmo a controlar eventos e “rebobinar” aquilo que ela não gosta. 

Assim como nos quadrinhos, a Feiticeira Escarlate pode ter ido parar neste plano ente mundos por conta de uma feitiço que deu errado, como na HQ “Na Terra dos Mortos“, ou até mesmo atraída pela magia do local, como a “Estrada das Bruxas“, que ganha destaque no quadrinho da personagem de 2016.

O que quer que a leve até este ambiente peculiar, Wanda fica encantada com este lugar, podendo criar sua realidade ideal para que finalmente ser feliz. Mas o controle que ela tem neste plano é uma ilusão. Suas memórias foram modificadas para que ela não tente escapar deste reino, e acredito que Wanda está sendo usada para alimentar o vilão da história, que utiliza o caos criado pela personagem para ficar mais forte e ir destruindo o que o aprisiona. 

Quem é o vilão da história? 

Não vou tentar reinventar a roda ou criar uma teoria muito exuberante, pelo menos não este começo. Ainda que o Alto Evolucionário ou Immortus pudessem ser encaixados como os vilões dessa história, acredito que a Marvel vai introduzir Mephisto como o grande antagonista. A imagem que apareceu no trailer de Loki parece reforçar a ideia de que o Diabo pode ganhar destaque nesta nova fase do MCU e ele seria uma ameaça mística excelente para ser desenvolvida em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura

Vitral presente no trailer de Loki indica presença de Mephisto no MCU

Vale lembrar que história da Feiticeira Escarlate está entrelaçada com Mephisto. Na conclusão do arco “A Busca pelo Visão” descobrimos que Wanda Maximoff havia criado seus filhos usando fragmentos da alma do demônio. As crianças nunca foram de verdade, apenas uma mistura do poder da heroína com a alma do vilão. Posteriormente, o perigoso Pandemônio surge para “reclamar” esses fragmentos, que acabam sendo absorvidos pelo próprio Mephisto. O choque da descoberta é demais para Wanda, que tem a memória apagada por Agatha Harkness, o que resulta na queda dos Vingadores

Minha teoria é que esta realidade em que WandaVision se passa é uma prisão para ele, enquanto Agnes (que acredito ser Agatha Harkness) é a carcereira de Mephisto. A maior feiticeira dos quadrinhos da Marvel e a grande mentora e amiga de Wanda, pode ser a única coisa que mantem o demônio trancafiado e o multiverso em segurança.

Contudo, após três estalar de dedos com todas Joias do infinito, a morte da Anciã que era a protetora da Terra contra ameaças mágicas, e da chegada da Feiticeira Escarlate neste plano, o vilão pode estar conseguindo se libertar aos poucos. Eu acredito que, ainda que esteja preso, o vilão consegue afetar alguns acontecimentos ao seu redor. Mephisto pode estar criando momentos em que Wanda tenha que usar seus poderes e mergulhar mais fundo no caos, e pode estar usado isso para tentar romper suas correntes.

E é agora que a teoria fica extremamente bizarra: Eu acredito que já vimos Mephisto na série e que ele é o coelho de Agnes, o Sr. Scratch. 

O que é o coelho de WandaVision? 

O grande vilão Mephisto

Nos quadrinhos, Mephisto já utilizou inúmeros nomes, com um deles sendo Nick Scratch. Isso porque Sr. Scratch, de acordo com o livro The American Heritage Dictionary of the English Language, é um apelido para o Diabo bíblico. O nome deriva de Skrat, termo usado para descrever criaturas folclóricas que assumiam várias formas, espalhavam o caos e enganação. 

Há também há outro personagem da Marvel chamado Nicholas Scratch, e ele é filho de Agatha Harkness. Líder da comunidade Nova Salem, lugar dedicado aos usuários de magia, Nicholas tenta matar a própria mãe ao acusá-la como traidora das bruxas. Em uma história que envolve até o Quarteto Fantástico, ele é banido para uma dimensão conhecida como Reino Sombrio e Harkness luta para mantê-lo preso neste lugar, onde ele é incapaz de machucar pessoas.

Minha teoria é que a série misturou essas duas coisas, tanto Nick Scratch quanto Nicholas Scratch. Como sabemos das fotos dos bastidores, ainda veremos Agnes realizando um grande ritual com outras feiticeiras. Acredito que Agatha confrontou Mephisto no passado e foi forte o bastante para prendê-lo em uma outra dimensão. Além de transformá-lo em algo praticamente inofensivo, como um coelho.

Com a necessidade de ter alguém vigiando a entidade de imenso poder, Agnes/Agatha teria abandonado o “mundo real” para viver nesta dimensão, vigiando e atormentando o Diabo eternamente. A grande quantidade de magia neste plano poderia acabar atraindo espíritos, ou a prisão de Mephisto acontece no próprio Mundo dos Mortos, o que explicaria os personagens secundários. 

Sr. Scratch e Wanda

Quando Wanda invade essa dimensão (ou é atraída para esta dimensão por Mephisto ou pela magia), seu caos começa a enfraquecer o controle da velha feiticeira e o vilão vai conseguindo se libertar. Por esse motivo, ele tem influenciado eventos para que a heroína use cada vez mais os seus poderes.

Neste momento, se você já parou de rir da minha teoria sobre o coelho demoníaco, você deve estar se perguntando se eu escrevi todo esse artigo me baseando apenas no nome Sr. Scratch. E a resposta é, bom… mais ou menos.

Mas no segundo episódio, temos alguns momentos que me fazem pensar que a teoria do coelho faz sentido. Agnes aparece atormentando o bicho, dizendo que ele interpretou o bebê Jesus em um evento do ano anterior. Ela insiste que Sr. Scratch gosta do palco e que é uma estrela — ainda que vejamos o coelho tentando fugir quando encontra uma oportunidade.

No mesmo episódio, quando Dottie diz que o Diabo está nos detalhes, Agnes vira pra Wanda e diz de forma sarcástica que “esse não é o único lugar em que ele está”. Claro, no contexto Agnes pode estar se referindo a própria Dottie, mas e se for uma piada interna sobre Mephisto? E se a maior bruxa da Marvel transformou o Diabo em seu bichinho de estimação?

O que acontece com as crianças? 

Você reparou que durante todo o segundo episódio os personagens repetem que estão fazendo tudo “pelas crianças”? Reparou também que não existe nenhuma criança na série? Tanto na abertura que apresenta os personagens, quando no próprio evento, não vemos os filhos de nenhum dos vizinhos de Wanda e Visão. Mas, mesmo assim, todo show de talentos é feito em prol delas. 

Ao final do episódio, depois de ouvir que tudo era “pelas crianças” o dia todo e ler essa mensagem em frases e cartazes, a Feiticeira Escarlate aparece grávida. Não parece que Wanda escolheu isso, como uma decisão consciente, mas sim algo que simplesmente aconteceu em uma velocidade assombrosa. É quase como se fosse algo influenciado ou induzido pela magia do caos, depois de todas as sugestões e mensagens subliminares. E gerar duas vidas do nada, usando apenas os seus poderes, deve fragmentar ainda mais a realidade. Exatamente o que Mephisto quer. 

Como mencionei anteriormente, em “Visão e a Feiticeira Escarlate: Na Terra dos Mortos”, Samhain e os espectros desejam usar os filhos de Wanda em um ritual para poder abrir uma passagem para o mundo dos vivos. A única coisa que impede isso de dar certo é Agatha Harkness, que redireciona essa energia como um ataque contra os espíritos. Mas independente disso, os filhos da Wanda possuem um destino trágico, e diretamente relacionado com Mephisto, sendo absorvidos pelo vilão e apagados da existência – ao menos até retornarem nos Jovens Vingadores.  

Acredito que em WandaVision, veremos Mephisto conseguindo se libertar ao usar os filhos de Wanda e toda a energia caótica que está surgindo, finalmente conseguindo escapar de Agatha e romper a realidade na qual ele está aprisionado. 

Feiticeira Escarlate será uma anti-heroína?

O que vem depois?  

Eu não acho que veremos Wanda surtando e criando algo como o final de Dinastia M, também não acredito que ela será uma vilã depois dos eventos de WandaVision. Acredito que é Mephisto quem vai ameaçar o multiverso, agora ainda mais poderoso do que antes. Isso, no entanto, não significa que veremos a personagem de uma forma muito equilibrada… 

Acredito que, desesperada e furiosa, a Feiticeira Escarlate vai caçar o demônio e tentar destruí-lo, buscando uma forma de recuperar Billy e Tommy das garras do vilão. Sua dor, junto do seu objetivo de resgatar ou vingar seus filhos, pode transformar a personagem em uma anti-heroína que fará o que for preciso para conseguir o que deseja. 

Em outras palavras, acho que após WandaVision, a Feiticeira Escarlate estará mais poderosa, mais violenta e com a mesma vibe que vimos durante sua luta contra Thanos. Só que dessa vez ela vai agir dessa maneira contra qualquer um que cruzar seu caminho, até mesmo os heróis como o Doutor Estranho, que podem ficar preocupados ou tentar intervir na caçada de Wanda.

Enquanto Mephisto espalha o caos e afeta todo o multiverso, veremos a Feiticeira Escarlate em seu rastro, o que a levará diretamente para Doutor Estranho: No Multiverso da Loucura. E eu acho que Wanda não vai pensar duas vezes antes de usar da violência e da magia para destruir o demônio de uma vez por todas. 

E ai, acham que eu viajei demais ou até que faz sentido Mephisto ser o coelho de Agnes? Comentem!

Confira aqui como se preparar para WandaVision:

Os dois primeiros episódios de WandaVision já estão disponíveis no Disney+

Imagem de perfil
sobre o autor Cristiano Rantin

Jornalista • Editor • Mestrando em Comunicação Social pela UEL • Twitter e Instagram: @Chris_Rantin • "Eu sou o fogo e a vida encarnados. Agora e para sempre eu sou a Fênix!"