Capa da Publicação

Por que Wong e Abominável estão lutando no trailer de Shang-Chi?

Por Gus Fiaux

Marvel Studios finalmente está voltando com força total para os cinemas após um ano sem filmes novos por conta da pandemia. Nós temos Viúva Negra já despontando no radar, mas o próximo lançamento também está atraindo bastante atenção – Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, filme de artes marciais que vai pegar o herói menos conhecido da Casa das Ideias e colocá-lo diretamente contra um dos vilões mais poderosos das HQs, o Mandarim.

No entanto, o segundo trailer do filme deu o que falar por conta de uma cena muito breve que acontece no final. Ali vemos uma espécie de torneio de luta do Abominável contra Wong. Esse encontro improvável é um dos elementos mais peculiares do filme e, com sorte, deve servir para apresentar uma competição importante das HQs. Por isso, aqui reunimos algumas informações e teorizamos sobre a luta do vilão monstruoso contra o mago!

Por onde andava o Abominável?

Para refrescar um pouco a sua memória, é importante voltarmos até 2008, em que vimos a primeira (e única, até agora) aparição do Abominável nos cinemas. O personagem foi introduzido em O Incrível Hulk, o único filme solo do Gigante Esmeralda inserido no contexto do Universo Cinematográfico da Marvel. No longa, ele é interpretado por Tim Roth.

Emil Blonsky é um capitão das Forças Armadas Britânicas contratado pelos militares americanos para caçar Bruce Banner. Ele é enviado para o Rio de Janeiro, onde acaba fazendo com que o cientista perca o controle e se transforme no Hulk. Fascinado por isso, ele começa a perseguir Banner para prendê-lo, até que em um confronto com o Gigante Esmeralda, acaba sofrendo ferimentos graves.

Contudo, Thaddeus Ross, o general responsável por incentivar a caça ao Hulk, usa sangue retirado de Banner para ajudá-lo a se recuperar. Ensandecido pelo poder, Blonsky acaba invadindo a base de Samuel Stern e recebe novas aplicações desse sangue contaminado, transformando-se em um monstro assustador, o Abominável. Ele confronta o Hulk nas ruas do Harlem, causando uma grande devastação.

Eventualmente, o Hulk consegue derrotá-lo e, desde então, ele não apareceu no Universo Cinematográfico da Marvel – ao menos, não nos filmes. Nos quadrinhos que servem como prequel para Os Vingadores, sabemos que ele foi considerado pelo governo norte-americano como um candidato para a Iniciativa Vingadores. E se vocês consideram Agentes da S.H.I.E.L.D. uma série canônica ao MCU, lá é dito que ele estava preso em uma base no Alasca.

Por onde andava Wong?

Por outro lado, Wong foi apresentado há pouco tempo para os fãs do Universo Cinematográfico da Marvel. O mago apareceu pela primeira vez em Doutor Estranho, de 2016 e, desde então, fez algumas participações importantes na Saga do Infinito. O personagem é interpretado por Benedict Wong desde sua primeira aparição e possui traços bem diferentes em relação à sua contraparte das HQs.

Em Doutor Estranho, Wong é um fiel aliado da Anciã. Ele estuda e pratica magia em Kamar-Taj, mas logo cria uma forte conexão com Stephen Strange e o ajuda a se iniciar nas técnicas das Artes Místicas. Originalmente, o personagem é bem sério e sisudo, mas aos poucos vai ficando mais descontraído conforme descobre uma miríade de referências da cultura pop de massa graças a Strange.

Quando Strange se torna o defensor do Sanctum Sanctorum de Nova York, Wong vai ajudá-lo – e inclusive, é uma peça crucial na batalha contra Dormammu. O personagem retornou em Vingadores: Guerra Infinita, em que ajuda Strange, o Homem de Ferro Bruce Banner a enfrentarem dois membros da Ordem Negra de Thanos.

Não sabemos se ele chegou ou não a ser pulverizado como metade da população do universo após os eventos da Guerra Infinita. Ele retornou em Vingadores: Ultimato, reunindo vários aliados, entre super-heróis e magos, para tentar enfrentar as forças do Titã Louco. Aqui, ele batalhou ferrenhamente e ajudou os Vingadores a salvarem o dia.

O que eles estão fazendo no trailer?

Contudo, o que chama atenção à primeira vista é que ambos os personagens já foram confirmados em Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, através do último trailer lançado do filme. E para começo de conversa, podemos notar que ambos passaram por mudanças visuais bem significativas.

Em Wong, isso é menos evidente porque o personagem aparece de costas e é visto de relance. Contudo, ele usa vestes mais esvoaçantes e que puxam inteiramente para o roxo, diferenciando de seus trajes em filmes anteriores que, além do roxo, possuíam alguns detalhes marrons.

Se formos nos guiar por isso, ele está mais parecido com o visual que foi divulgado em uma arte promocional de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura. E embora não dê para afirmar com cem por cento de certeza, esse pode ser um indício de que o filme (Shang-Chi) se passará após os eventos de Ultimato.

Quanto ao Abominável, as mudanças estão bem óbvias e devem agradar os fãs do personagem nas HQs. Ele passou por uma grande transformação e agora possui “barbatanas” em suas orelhas, além de ter uma pele mais escamosa e cheia de placas. Esse visual está muito fiel aos quadrinhos – e provavelmente, será o mesmo visual que ele terá na série da Mulher-Hulk.

Torneio em Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis

Muitos rumores liberados previamente sobre Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis dizem que o herói vai ter que disputar sua honra em uma espécie de torneio, embora não se saiba ao certo qual é a utilidade disso. Alguns rumores dizem que o torneio é para disputar o título do Mandarim, enquanto outros falam que essa é uma oportunidade para que os lutadores possam ter um encontro com ele.

Na cena do trailer, podemos ver nitidamente que o Abominável e Wong estão batalhando em uma arena e que Shang-Chi também está se preparando para enfrentar algum adversário. Isso fica bem nítido em um diálogo de Katy, a amiga do herói que será interpretada por Awkwafina, quando ela diz: “Você consegue!”, dando a entender que ela está incentivando Shang-Chi a lutar.

Se for o caso, há inúmeras razões pelas quais o Abominável e Wong podem ter sido atraídos por essa luta. O vilão de O Incrível Hulk pode estar em busca de mais poder – o que combina com o personagem, como pudemos ver no seu filme introdutório – enquanto Wong, que sempre foi tido como uma figura mais pacífica, pode estar procurando um modo de conseguir algum favor ou ferramenta mística.

É importante dizer que ainda não sabemos se Shang-Chi enfrentará algum dos dois personagens, mas pelo trailer, é possível que ele dispute contra o Abominável. De um jeito ou de outro, é importante frisar que Benedict Wong apareceu em algumas fotos com o elenco durante as gravações, o que sugere que ele terá um papel um pouco maior do que o esperado.

E se…?

Contudo, ainda falando da ideia de um torneio místico, há uma outra possibilidade que tem surgido com muita força nos fóruns de teorias e especulações (e não, o torneio não é o Mortal Kombat). Alguns fãs acreditam que essa possa ser uma adaptação do Torneio das Sete Cidades Celestiais, um conceito apresentado nas HQs do Punho de Ferro, na qual várias cidades míticas são tragadas para um confronto por dominância.

Essa ideia já foi apresentada na série do Punho de Ferro da Netflix – que, diga-se de passagem, aparentemente foi descartada do cânone oficial do Universo Cinematográfico da Marvel. Ainda assim, é possível que esse Torneio seja adaptado em Shang-Chi, ainda que de uma forma bem diferente dos quadrinhos. Pode ser uma espécie de campeonato para que o vencedor tenha acesso a um desses reinos ou precise lutar para defendê-los.

Se esse for o caso, faz ainda mais sentido. O Abominável pode ter sido contratado como um mercenário para defender algum local especial, enquanto Wong pode estar lutando por Kamar-Taj ou pelos domínios do Sanctum Sanctorum. E talvez, Shang-Chi seja arrastado para a competição para proteger sua cidade natal ou o reino comandado por seu próprio pai, o Mandarim.

Caso seja isso mesmo, há uma outra possibilidade que não pode ser descartada e circula nos burburinhos dos fãs há muitos meses: a de que o filme vai apresentar uma nova versão do Punho de Ferro, descartando de vez o herói apresentado na série da Netflix. Talvez, Shang-Chi precise enfrentar esse campeão de K’un-Lun, como já aconteceu nas HQs. Mas isso é algo que só saberemos quando o filme for lançado.

Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis está previsto para chegar aos cinemas brasileiros no dia 2 de setembro.

Abaixo, veja tudo o que você precisa notar no segundo trailer de Shang-Chi:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux