Série teve produção paralisada após Miles Teller recusar vacina e testar positivo para a COVID, diz site

Capa da Publicação

Série teve produção paralisada após Miles Teller recusar vacina e testar positivo para a COVID, diz site

Por Evandro Lira

A produção da série do Paramount+, The Offer, que pretende narrar a história dos bastidores de O Poderoso Chefão, foi paralisada em julho depois que um membro da equipe testou positivo para a COVID. Agora, o portal Daily Mail revela que a pessoa que contraiu o vírus foi, na verdade, a estrela do programa, Miles Teller.

Segundo a fonte ouvida pelo portal, Teller se recusou a receber uma vacina (e até mesmo a fazer um teste mais cedo) antes de receber o resultado positivo para a COVID no set da série em Los Angeles.

“Miles Teller não foi vacinado. Ele nem mesmo fez o teste”, disse a fonte ao DailyMail.com. “Agora ele trouxe o vírus para o set e toda produção teve que ser desligada.”

A trama de ‘The Offer’ será contada pela visão de Al Ruddy, produtor que trabalhou ao lado de Francis Ford Coppola em ‘O Poderoso Chefão’

A assessora de imprensa do astro, Lauren Hozempa, disse ao DailyMail.com: “Seus fatos estão incorretos”, mas se recusou a dar mais detalhes ou ao menos apontar quais fatos eram falsos.

Miles Teller é conhecido por filmes como Whiplash: Em Busca da Perfeição e pelo fatídico Quarteto Fantástico de 2015, onde interpretou o Sr. Fantástico.

A série que teve suas filmagens paralisadas, The Offer, inicialmente teria Armie Hammer no papel principal de Albert S. Ruddy. No entanto, devido às polêmicas envolvendo o nome de Hammer, ele foi substituído por Miles Teller.

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Editor, bacharel em Cinema e Audiovisual, bruxo nascido trouxa, filho dos filhos do átomo, mestre dos quatro elementos, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira