Capa da Publicação

Ray Fisher, de Liga da Justiça, acusa Warner Bros. de “criar mentiras” sobre ele

Por Leo Gravena

A luta de Ray Fisher contra a Warner Bros. Pictures continua. Agora, o ator acusou a empresa de “espalhar mentiras” sobre ele, dizendo que a companhia estava sendo a fonte de sites de noticia, criando histórias falsas sobre o ator.

As acusações vieram logo após uma recente reportagem do The Hollywood Reporter ter sido divulgada, dizendo que Fisher teria uma participação em The Flash (o filme), porém ela estava em perigo devido a tudo o que está acontecendo entre o ator e a Warner.

O ator do Ciborgue disse que a Warner Bros. estava tentando usar a participação contra ele, para que eles parasse com a investigação contra Joss Whedon e Geoff Johns. No twitter, ele disse:

“Parece que a Warner Bros. Pictures passou de dar declarações difamatórias para um certo meio de comunicação, para se tornar a ‘fonte’ de informações falsas para outro. As pessoas estão vendo isso. A investigação está chegando. Criar mentiras sobre mim não vai mudar isso.”

Outros membros do elenco, como Jason Momoa, se declararam publicamente a favor de Ray Fisher, e pediram para que a Warner leve as investigações contra o estúdio à sério.

Liga da Justiça, a versão de Zack Snyder, chega em algum momento de 2021.

Confira nossa lista apontando os principais momentos do primeiro trailer do Snyder Cut:

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor-Chefe | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."