Capa da Publicação

Mudanças causadas pela Crise nas Infinitas Terras serão trabalhadas nas séries

Por Guilherme Souza

Nos quadrinhos, a Crise nas Infinitas Terras serviu para apagar todas as Terras dos Multiverso e condensá-las em uma única Terra, porém o propósito do evento nas séries da CW foi diferente, servindo como uma forma de recomeçar as Terras do Multiverso para dar andamento nas narrativas.

Em uma recente entrevista com a Entertainment Weekly, Marc Guggenheim, produtor das séries, falou um pouco sobre o evento e o que acontecerá no futuro do Multiverso.

“Basicamente, eu prometi à DC e ao Todo Poderoso que se eles me deixassem destruir diversas séries na primeira hora do crossover, eu traria eles de volta no final. Eu prometi que eu colocaria todos os brinquedos no lugar depois de brincar. Para nós, a mudança mais importante, certamente, foi combinar todas as séries da CW em uma única Terra. Eu gosto de pensar que eu não irei destruir as séries que pertencem a outros showrunners.” 

O crossover também serviu para nos mostrar que a série da Stargirl se passará na Terra-2 do novo multiverso. Ao ser questionado sobre os personagens que vieram da antiga Terra-2, incluindo Laurel, o produtor tem o seguinte a dizer:

“Essa questão de como a Laurel continua existindo após a Terra-2 ser reiniciada, será respondida pela própria Laurel durante o episódio final de Arrow, em uma cena entre ela e Quentin Lance. O interessante sobre recomeçar essa Terra é que ela cria um novo mistério central, que nos faz questionar o que esperar dela.”

Mesmo com o fim do Crossover, os encerramentos das temporadas atuais das séries serão de grande ajuda para entender o que acontecerá no futuro.

Veja também:

Último episódio de Crise nas Infinitas Terras teve participação de personagem dos filmes da DC

Saiba o que mudou no Arrowverso após Crise nas Infinitas Terras

Stargirl tem um novo trailer divulgado

Fique com algumas imagens do capítulo final da Crise em nossa galeria:

Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'