Capa da Publicação

Mulher-Maravilha: Heroína aparece com nova armadura dourada em HQ

Por Raphael Martins

Uma das coisas mais legais de Mulher-Maravilha 1984 foi ver a heroína ostentando sua armadura dourada para lutar, algo que já havia acontecido anteriormente nos quadrinhos. Agora, esta armadura voltou a aparecer nas HQs, e na hora que ela e os outros heróis da Terra mais precisam de reforços para superarem o desespero e vencerem o mal uma vez mais.

Anteriormente, em Dark Nights: Death Metal…

A Mulher-Maravilha está sendo apresentada como uma das figuras centrais da saga Dark Nights: Death Metal, na qual o Batman Que Ri voltou mais poderoso do que nunca, conquistando a forma de um deus e mergulhando o multiverso em trevas mais uma vez. Em Dark Nights: Death Metal #6, com muito esforço e às custas do sacrifício de Lobo, a heroína conseguiu chegar até a Forja dos Mundos, onde um grande poder a aguardava, algo capaz de bater de frente com uma ameaça tão terrível quanto a que eles enfrentam atualmente.

Uma vez dentro da Forja, a amazona compreende o que precisa fazer: usando seu Laço da Verdade como uma chave, Diana o combina com a própria Forja, emergindo dela mais poderosa do que nunca, protegida por uma nova e poderosa armadura de ouro e pronta para enfrentar o Batman Que Ri cara a cara. Diana agora é a última esperança do multiverso.

Mulher-Maravilha lidera os heróis sobreviventes em Dark Nights Death Metal: ela é figura central na trama

Vislumbre do futuro

Agora, na HQ Dark Nights: Death Metal The Last 52: War of the Multiverses #1 (via ComicBook), que antecipa o final da saga Dark Nights: Death Metal, os leitores puderam ter um gostinho da batalha final entre a Mulher-Maravilha e o Batman Que Ri em sua forma divina. Em uma das páginas, a amazona e o cavaleiro sombrio são vistos com formas gigantescas, lutando um contra o outro, com a amazona usando sua nova armadura.

À primeira vista, este é o mesmo traje usado por ela durante toda a saga, mas na cor dourada. Entretanto, há vários pequenos detalhes que diferem uma indumentária da outra. O cabelo da heroína agora também tem tons de ouro nas pontas, e ela própria parece estar com uma tez mais “dourada”, isso sem mencionar seu tamanho gigante. Veja:

Mulher-Maravilha contra o Batman Que Ri: heroína é a última esperança do multiverso

A sinopse de Dark Nights: Death Metal The Last 52: War of the Multiverses #1 também revela algumas circunstâncias da batalha final:

“O que seria preciso para reunir todos os seres vivos restantes no multiverso para um confronto final e definitivo? A dizimação total e completa de toda a existência? O Batman Que Ri fez sua jogada final, trazendo a mais horrenda oposição ao campo de batalha, e agora cada herói e vilão vivo se unirão e lutarão juntos. Este livro épico detalha cada lado da última guerra através do multiverso. Mulher-Maravilha lidera os heróis, Superman lidera os vilões e Batman lidera os mortos – todos tem seu papel a cumprir. Tudo e todos estão em risco…”

E vocês, o que acham que acontecerá a seguir? Não esqueçam de comentar!

Veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael