Capa da Publicação

Mulher-Maravilha 1984: Gal Gadot dá sua opinião sobre o lançamento do filme na HBO Max

Por Evandro Lira

A decisão da WarnerMedia de lançar Mulher-Maravilha 1984 e todos os seus filmes do próximo ano simultaneamente nos cinemas e em seu serviço de streaming gerou uma comoção na indústria cinematográfica.

Entre tantas críticas feitas por exibidores e cineastas consagrados, há quem tenha uma opinião mais comedida sobre o tema, e este é o caso da estrela de Mulher-Maravilha 1984, Gal Gadot.

A atriz conta em entrevista ao LA Times que, na verdade, ela detestaria que seu filme fosse privado de um lançamento tradicional nos cinemas caso estivéssemos em uma situação onde a pandemia não fosse uma realidade. Nas palavras de Gadot:

“Antes da pandemia eu teria pirado, tido um acesso de raiva e lutado arduamente por um lançamento tradicional nos cinemas. Mas em tempos de pandemia, você simplesmente não pode fazer isso. Mas eu espero que, uma vez que esse momento tiver passado, todos esses grandes filmes maravilhosos com grandes cineastas e estrelas cheguem aos cinemas. Não consigo ver os estúdios fazendo filmes que se sustentem apenas com o streaming porque é uma experiência única ir ao cinema e vivenciá-la. Espero que após a pandemia, as coisas voltem aos trilhos.”

No Brasil e em diversos países onde a HBO Max ainda não chegou, Mulher-Maravilha 1984 segue com seu lançamento nos cinemas. Nos Estados Unidos, o longa chega às salas e ao streaming no dia de natal, 25 de dezembro.

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Editor, bacharel em Cinema e Audiovisual, bruxo nascido trouxa, filho dos filhos do átomo, mestre dos quatro elementos, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira