Capa da Publicação

Mulan tem sua classificação indicativa revelada

Por Gus Fiaux

Em pouco mais de um mês, os fãs da Disney vão poder conferir ao remake live-action de Mulan, uma das animações mais aclamadas da história. O filme vai contar a história de uma guerreira que precisa se disfarçar como homem para lutar em uma guerra que vai salvar ou condenar a China.

Agora, o MPAA – o órgão responsável pela classificação indicativa de filmes nos Estados Unidos – acaba de revelar a classificação oficial do longa-metragem. Sem surpreender ninguém, Mulan terá classificação PG-13, com aviso por “algumas sequências de violência”.

Veja mais notícias de Mulan:

Mulan ganha novo trailer cheio de ação, assista

Jet Li aparece em novos pôsteres do filme de Mulan

Diretora de Mulan explica porque o filme não terá músicas e Mushu

Sendo um filme da Disney – e ainda mais um remake de uma animação clássica -, a classificação já era esperada. No entanto, os fãs que esperavam por cenas de batalha mais viscerais e violentas vão ficar decepcionados, mesmo que a produção tenha sido toda voltada para um público mais infanto-juvenil.

O longa é dirigido por Niki Caro e trará Liu Yifey no papel da lendária guerreira. O filme promete ser um pouco mais fiel à história original de Mulan, e deve deixar de lado alguns elementos da animação. Por exemplo, o filme não trará as várias sequências musicais e nem terá a presença de Mushu. 

Na galeria abaixo, fique com imagens do filme:

Mulan chega aos cinemas no dia 26 de março.

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux