Capa da Publicação

Lançamento de novos filmes da Warner no HBO Max foi recebido com resistência na própria empresa

Por Raphael Martins

Pegando à todos de surpresa, principalmente a própria indústria do cinema, a WarnerMedia anunciou na semana passada que irá disponibilizar todo seu calendário de filmes para 2021 no HBO Max junto com seu lançamento no cinema. Essa ideia, é claro, teria sido recebida com muita resistência dentro da própria companhia, mas acabou superando a desconfiança original e vendo a luz do dia.

Segundo o site Bloomberg, o plano sem precedentes teria deixado estarrecidos não só os executivos da própria companhia como também os chefes da AT&T, conglomerado de mídia dono da empresa, preocupados, mas que eles teriam sido convencidos a aceitar a empreitada por Jason Kilar, presidente da WarnerMedia. Na reportagem, ele diz:

“Nós acordamos todos os dias pensando, ‘Como podemos aumentar o valor do HBO Max?’ Então, quando pensamos no calendário de filme como parte do HBO Max sem nenhum custo adicional, achamos que isso ajudaria muito na proposta de valor.”

Várias redes de cinema americanas, como a AMC, não teria sido receptivas à ideia, embora Kilar tenha garantido que a Warner Bros. não abandonará as salas de cinema. Ele teria dito que “A única coisa com a qual podemos contar é a mudança.”, o que significa que tanto a WarnerMedia quanto a AT&T estão abertas a qualquer opção viável diante de uma situação tão inédita na indústria e no mundo.

Este movimento ousado da Warner já começa no próximo dia 25 de dezembro, quando Mulher-Maravilha 1984 chegar tanto aos cinemas do país quanto ao HBO Max, que segue sem data para chegar ao Brasil. E vocês, o que acham de toda essa questão? Não esqueçam de comentar!

Veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael