Capa da Publicação

Logo do Justiceiro ganha releitura em apoio ao movimento antirracista

Por Evandro Lira

O co-criador do Justiceiro, Gerry Conway, lançou uma campanha de angariação de fundos para a causa Black Lives Matter usando nada menos que o marcante símbolo de Frank Castle. Símbolo esse que, recentemente, esteve atrelado à polícia durante os protestos nos EUA.

Na última semana, Conway usou o Twitter para convocar jovens artistas negros a fim de revindicar o emblema do Justiceiro como um símbolo de justiça e não da atuação dos policiais.

Agora, Conway vem trabalhando com vários artistas para criar uma linha de camisetas com leituras do logotipo do Justiceiro. Por enquanto, três estão disponíveis para a compra. Confira um dos exemplos abaixo:

“Por muito tempo, os símbolos associados a um personagem que eu co-criei foram cooptados por forças de opressão para intimidar americanos negros”, disse Conway. “Esse personagem e símbolo nunca foi concebido como um símbolo de opressão. Este é um símbolo de um fracasso sistemático da justiça igualitária. É hora de reivindicar esse símbolo pela causa da justiça e pela causa das vidas negras.”

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Editor, bacharel em Cinema e Audiovisual, bruxo nascido trouxa, filho dos filhos do átomo, mestre dos quatro elementos, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira