Capa da Publicação

David Lynch diz ter “zero interesse” na nova adaptação de Duna

Por Raphael Martins

A nova adaptação de Duna, clássico da literatura fantástica escrito por Frank Herbert, promete ser um dos maiores sucessos do cinema em 2020, cuja estreia deve acontecer em 18 de dezembro, caso não seja adiada.

Mas já houve uma adaptação para o cinema de Duna antes, lançada em 1984 e dirigida pelo premiadíssimo David Lynch. Apesar de hoje ser visto como cult, foi um fracasso de público e crítica na época, sofrendo com uma produção bastante conturbada. Agora, Lynch deixou claro que tem zero interesse para a nova adaptação do livro.

Veja também:

John Boyega faz piada comparando Duna e Star Wars

Nova imagem de Duna mostra ator de O Grande Mestre no filme

Zendaya aparece como Chani em imagem inédita de Duna

Lynch falou sobre sua versão de Duna em uma nova entrevista ao site The Hollywood Reporter. Magoado, ele confessou não ter interesse algum no novo filme, mas por um motivo bastante pessoal:

“Eu tenho zero interesse em Duna, porque foi uma dor no coração para mim. Foi um fracasso total e eu não fiz a versão final. Já contei essa história um bilhão de vezes. Não era um filme que eu queria fazer. Eu gosto muito de certas partes dele – mas foi uma total falha para mim.”

Duna conta a história da família Atreides, que se muda para o planeta Arrakis para comandar a produção do tempero Melange. Porém, um dos filhos da família, Paul, deixa a família após um ato de traição, e passa a ser tratado como um messias para os nativos do planeta. 

O novo Duna traz no elenco Oscar Isaac, Rebecca Ferguson, Zendaya, Josh Brolin, Jason Momoa, Timothee Chalamet, Dave Bautista, Stellen Skarsgard Charlotte Rampling. Denis Villeneuve dirige.

Confira nossa lista com os 10 melhores filmes de ficção científica da última década:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael