Capa da Publicação

Riot Games, de League of Legends, paga quantia milionária após processo de discriminação!

- – O bicho pegou!

Por Raphael Martins League of Legends é um dos jogos mais populares do mundo, com milhões de jogadores registrados e um dos responsáveis pela popularização dos esports. Mas na Riot Games, empresa que produz o título, nem tudo são rosas.

Recentemente, duas ex-funcionárias processaram a companhia, alegando que sofriam discriminação de gênero e que o ambiente de trabalho era extremamente tóxico e sexista. Agora, o resultado do processo foi divulgado ao público.

De acordo com o jornal Los Angeles Times, a Riot foi condenada a pagar uma quantia de $10 milhões para resolver o processo, algo com o qual a companhia concordou. Todas aquelas que trabalharam na empresa de novembro de 2014 ao fim da disputa judicial, incluindo pessoas que também se identificam como mulheres – cerca de mil empregados – receberão uma parte da quantia de $10 milhões, a ser decidida baseada em seu tempo de serviço e se eram funcionários contratados ou em regime de tempo integral.

As partes concordaram com este acerto ainda em agosto deste ano, mas os detalhes dos trâmites judiciais anda estão sendo divulgados aos poucos pela internet.

Confira também:

Fonte: Vg247

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Já fui um pouco de tudo: apresentador de TV, repórter, roteirista e hoje sou redator nesse noblário site. Gosto de longas caminhadas na praia, HQs, games, tokusatsu, cinema e filé com fritas. Você pode trocar uma ideia comigo e me ver reclamar da vida no Twitter @aqueleraphael