Capa da Publicação

Filha de Stan Lee entra com processo contra antigo Agente de Negócios do pai!

Por Guilherme Souza

Infelizmente, Stan Lee faleceu no ano passado, deixando milhares de fãs ao redor do mundo desolados, contudo, o roteirista deixou um legado maravilhoso para a humanidade, tendo criado alguns dos super-heróis mais famosos do mundo, além de suas icônicas participações nos filmes da Marvel.

Mesmo com a morte de Lee, sua filha, J.C. Lee, continua cuidando dos negócios deixados pelo pai, incluindo processar aqueles que se aproveitaram da idade avançada dele para tirar lucros com a imagem dele. Além da recente prisão de Keya Morgan, ex-empresário de Lee, sob a acusação de abuso contra idosos, J.C. também está movendo um processo contra Max Anderson, antigo agente de negócios do roteirista.

Em entrevista ao TMZ, Lee se mostrou decidida a mostrar o que Anderson realmente fez com seu pai:

“Qualquer um que amou meu pai e respeitou seu trabalho deve ver Max Anderson como nós vemos,” afirmou Lee. “Meu pai era um homem adorável e confiável. Ele era todo sobre o amor. Ele nunca deveria ter feito negócios com um homem como Max Anderson.”

Kirk E. Schenck, o promotor do caso, adiciona o seguinte:

“Abuso de idosos está se tornando comum demais, especialmente contra indivíduos famosos que exerceram profissões rentáveis ao longo de suas carreiras. Abusadores de idosos usam uma aplicação sistêmica de medo e alienação para mascarar suas mentiras e desvios financeiros.”

Lee está acusando Anderson e outros dois cuidadores de seu pai de terem manipulado Stan através de práticas abusivas para lucrarem com o negócio de itens de coleção. Em específico, ela notou que seu pai lucrou mais de US$ 800.000 em uma aparição na New York Comic-Con, mas Anderson recebeu quase US$ 700.000 apesar de estar limitado a receber apenas de 10 à 25 porcento dos lucros.  Por hora, ficaremos no aguardo de novas informações sobre o caso.

Fique com imagens de Homem-Aranha: Longe de Casa, próximo filme do UCM, em nossa galeria:

Fonte: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'