Capa da Publicação

Mulher-Maravilha – Gal Gadot fala sobre a sexualidade da heroína!

Por Leo Gravena

Na entrevista de Rucka, ele deixa claro que em Themyscira, a ilha em que Diana vive, não existe o conceito de homossexualidade. A questão também foi abordada em uma revista deste ano na DC Comics, onde a icônica heroína diz que em sua ilha não existe “‘casamento gay’, é apenas casamento”.

Agora, em uma entrevista com a VarietyGal Gadot, a protagonista do futuro filme da Mulher-Maravilha falou sobre este aspecto da personagem.  “Não é algo que exploramos [no filme]. Isso nunca foi discutido, mas quando você fala teoricamente sobre todas as mulheres em Themyscira e por quantos anos ela esteve lá, então o que [Greg Rucka] disse faz sentido. Nesse filme, ela não experimenta nenhum relacionamento bissexual. Mas não é sobre isso. Ela é uma mulher que ama as pessoas por quem ela são. Ela pode ser bissexual. Ela ama as pessoas por seus corações”. 

A atriz também falou sobre o filme, afirmando que ele terá uma trama simples, “Nos importamos mais em simplificar as motivações da Mulher-Maravilha. É sobre o seu coração que nos importamos, não ela sendo uma guerreira. Quando você conta uma história sobre o coração, todos nós podemos nos relacionar, porque todos nós queremos vivem em um mundo seguro, quieto e pacífico”. 

Ansiosos pelo filme? Mulher-Maravilha, dirigido por Parry Jenkins, estreia em junho de 2017.

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor-Chefe | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."