Capa da Publicação

Os 20 melhores momentos do final da temporada de Agents of S.H.I.E.L.D.

Por Leo Gravena

Confira a seguir, alguns dos melhores momentos, em ordem cronológica, escolhidos por mim e um pequeno grupo de fãs!

Obviamente, spoilers da final!

Não se esqueça de dizer o seu momento favorito nos comentários abaixo!

Imagem de capa do item

20 - Skye vs. May

Uma luta que muitos esperavam. Skye já havia provado durante esta temporada que May era uma mentora muito melhor que Ward, ensinando Skye a lutar e ter ótimas cenas de ação na série.

A luta entre elas, porém, serviu apenas para provar que, quando o quesito é corpo a corpo, não há quem bata a Cavalaria (talvez Bobbi, porém não vimos uma luta real entre elas) e para derrotá-la, Skye teve que recorrer a seus poderes!

Imagem de capa do item

19 - Fitz terminando frases de Hunter

A amizade entre Fitz e Mack foi uma das melhores coisas abordadas na temporada, porém desde que a “Real SHIELD” havia sido revelado, a coisa não era a mesma. Além disso, Fitz estava afastado de Simmons.

A necessidade de ter uma pessoa que o compreenda em um nível quase subatômico faz com que Fitz queira um “novo BFF”. A cena em que ele tenta finalizar as frases de Hunter, mostrando a “conexão” que eles possuem é hilária e triste, simultaneamente.

Imagem de capa do item

18 - Jiaying mata Raina

A revelação de que Jiaying era uma grande vilã que queria destruir a SHIELD e criar muitos inumanos utilizando seu terrigênio artificial, que é fatal para os humanos. Raina finalmente percebe seu motivo de estar ali, mostrar para Skye quem ela realmente era.

A morte de Raina nas mãos de Jiaying é uma grande pena, a personagem sempre foi muito interessante desde a primeira temporada e poderia acrescentar a série; contudo, se tratando de universo cinematográfico, é possível compreender como seu poder poderia ser perigoso de ser utilizado, sem falar que a maquiagem devia ser bem cara e demorada...

Imagem de capa do item

17 - Bobbi joga verdade na cara de Ward

Mesmo presa, sofrendo tortura e tendo apanhado, Bobbi Morse mostrou por que é esse serzinho maravilhoso e jogou umas boas verdades na cara de Ward, que novamente havia dado um de seus discursos com muitas desculpas.

“Você traiu toda sua equipe. Quantas pessoas que confiaram em você morreram? Eu vi o Grant Ward real, aquele escondido bem no fundo. Ele é um covarde que sempre tem uma desculpa ou alguém para culpar”.

Como não amar Bobbi?

Imagem de capa do item

16 - Bobbi vs. Ward e Agente 33

Mesmo após ter sido torturada, tanto física quanto mentalmente com o “mimimi” eterno de Ward e Kara, Bobbi ainda teve força para se libertar e dar uma boa surra em seus captores, no fim ela acabou sendo derrotada.

Contudo, a cena serviu para mostrar a superioridade de Bobbi, que conseguiu lidar com dois assassinos treinados enquanto estava bem acabada.

Imagem de capa do item

15 - Mr. Hyde

Desde que Calvin Zabo, chamado simplesmente de “Cal” na série, apareceu, queríamos ver o verdadeiro monstro. Infelizmente acabou sendo de forma mais cômica do que verdadeiramente assustadora.

Ainda assim, valeu à espera, a maquiagem estava até que boa, porém a conversa entre Coulson e Cal, mostrando que ambos se importam com Daisy/Skye foi muito boa, assim como sua recuperação ao final do episódio.

Imagem de capa do item

14 - Bobbi e Hunter

Sim, sim. Nos quadrinhos a Harpia já casou, se separou e tudo o mais com o Gavião Arqueiro. Isso, contudo, não teria como ser trazido para o Universo Cinematográfico. O romance entre Bobbi e Hunter é tão bom quanto.

Eles se amam, porém eles estão sempre brigando e discutindo, há sempre magoas e muitas coisas ruins entre eles. Bobbi e Hunter, contudo, não hesitam em se sacrificar um pelo outro.

Imagem de capa do item

13 - Ward mata Agente 33

Sim, teria sido muito melhor se Agente 33 tivesse matado Ward, porém nem sempre tudo é como queremos. O que aprendemos com a cena? Simples. Ward, novamente, faz algo errado e age sem pensar, isso para o que?

Exatamente, culpar outra pessoa por um erro dele! Pois mesmo tendo sido ele quem deu 50 tiros na moça, a culpa toda é da S.H.I.E.L.D.!

Imagem de capa do item

12 - "Talvez tenha..."

Uma importante evolução de Fitz e Simmons ocorreu durante esta temporada. Se na primeira eles eram, praticamente, um indivíduo único; nesta, eles cresceram separadamente. Ambos aprenderam muito sobre si mesmos e, principalmente, a crueldade do mundo e do trabalho que possuem.

Foi necessário tudo isso para Fitz ver que ele era muito mais do que apenas o carinha nerd e Simmons descobrir seus sentimentos em algo familiar. Fitz já havia perdido a esperança de um relacionamento e estava apenas feliz em ter sua amiga de volta, e a cena onde Simmons finalmente admite que talvez exista algo entre eles é nada além de fofa e lindinha!

Imagem de capa do item

11 - Skye vs. Alishas

Sem suas habilidades, Skye luta contra uma inumana com a habilidade de se replicar. Mesmo os efeitos não tendo sido lá essas coisas, novamente Skye - e Chloe Bennet - mostra que sabe sim fazer uma boa luta coreografada e principalmente, que não precisa de seus poderes para lutar derrotar cinco clones malucos.

Imagem de capa do item

10 - “Science, biAtch!”

Fitz + Referência a Breaking Bad.

Precisa de mais?

Imagem de capa do item

9 - Coulson perde o Braço

Perda de braços parece ser um easter egg recorrente no universo cinematográfico. Após a morte de Gordon com um cristal de terrigênio na mão, Coulson pega o cristal salvando a vida de Fitz e Mack.

Mack, não hesita em ajudar Coulson ao cortar seu braço, impedindo que Coulson morra devido ao metal do Divinador, que é impossível separar do terrigênio quando feito artificialmente.

Imagem de capa do item

8 - A Morte de Jiaying

Skye e Jiaying finalmente ficam face a face ao final do episódio, quando a líder inumana está pronta para fugir com diversos cristais e espalhá-los pelo mundo. Jiaying começa a sugar a energia vital de sua filha, que consegue derrubar o avião, e uma tenta destruir a outra.

Cal chega e diz que Skye não precisa viver com aquela dor, de matar sua própria mãe, então Cal o faz, e mata o amor de sua vida, para salvar a sua filha. Uma bela e emocionante cena que mostrou muito bem o quanto Chloe Bennet evoluiu desde sua entrada na série.

Imagem de capa do item

7 - A Redenção de Cal

Cal já vinha se tornando um personagem mais interessante e simpático desde que apareceu no Afterlife. Cal sempre foi apenas um homem que queria ver sua família reunida e fez de tudo o necessário para isso.

A revelação de que “o verdadeiro monstro” era Jiaying não foi uma grande surpresa, porém serviu para torna-lo mais gostável. Além disso, é muito bela sua despedida de Skye, onde ele diz que ela é muito melhor do que ele havia imaginado, e ele havia a imaginado perfeita.

Imagem de capa do item

6 - Um lugar Mágico!

Cal passa pelo programa T.A.H.I.T.I. e perde sua memória, passando a ser o feliz dono de uma clinica veterinária.

É que quebrar o coração ver Skye finalmente tomando o nome de Daisy, sabendo que pelo menos um de seus pais realmente a amava.

Imagem de capa do item

5 - Guerreiros Secretos!

Coulson pede a Skye que ela crie e seja a líder de uma equipe especial da SHIELD apenas de pessoas com poderes. Além de ser uma clara referencia aos Guerreiros Secretos, podemos ver o nome “Centopeias/Catterpillars” na pasta que ele entrega a ela.

Nos quadrinhos, as Centopeias são três diferentes grupos criados por Nick Fury. As “Centopeias Brancas”, comandadas por Daisy Johnson, serviam como o “martelo pessoal” de Fury. Provavelmente estaremos vendo Skye indo atrás de alguns inumanos conhecidos - Lincoln, e talvez Alisha - para lutar, assim como os novos inumanos que devem aparecer.

Imagem de capa do item

4 - Skye dirige Lola!

As pessoas sequer podem tocar na Lola, porém, agora sem braço, Coulson não deve ter tido outra escolha a não ser oferecer o carro para que Skye o dirija.

Sem dúvida a maior das honras.

Imagem de capa do item

3 - Terrigênio no mar!

Ao mostrar as caixas de terrigênio que Skye havia jogado no mar abertas e com os cristais se evaporando, muitos fãs passaram a se perguntar se o metal do Divinador também estaria presente.

Isso apenas o futuro pode responder, porém já está quase certo de que apenas o terrigênio foi espalhado na agua, e não a parte metálica do Divinador.

Imagem de capa do item

2 - Inumanos!

Com o terrigênio nos mares, é fácil imaginar que teremos muitos, MUITOS inumanos no futuro. Agents of SHIELD aprendeu nesta temporada que deve sim apostar no futuro da Marvel e ter suas tramas próprias, ao invés de ficar apenas orbitando os filmes.

Além disso, o recurso narrativo permite que inumanos apareçam com o tempo, e não todos de uma vez - como uma nuvem faria. Isso também faz com que vários elementos abordados nos X-Men possam ser abordados com os seres.

Imagem de capa do item

1 - Simmons é sugada pelo artefato!

FitzSimmons pode ser feliz? Sim, por cinco minutos, ai algo ruim acontece. Se no ultimo ano terminamos com Fitz tendo um futuro incerto, esta é a vez de Simmons. A moça foi sugada por um misterioso artefato Kree logo após concordar ir a um encontro com Leo Fitz.

Se isso não é má sorte, não há como saber o que é.

De bom, contudo, é que temos a possibilidade de que o artefato também altere a fisionomia de Simmons, fazendo com que ela ganhe poderes Kree - e não Inumanos -.

Imagem de capa do item

Pior Momento

Sim, Agents of SHIELD teve uma ótima temporada e um episódio final tão bom quanto. Porém, tivemos um péssimo momento:

Acaba a temporada e Ward ainda está vivo.

Não apenas isso, ele se tornará o novo chefão da Hydra.

Porque realmente precisamos de um sociopata delirante que culpa a SHIELD por todos os seus próprios erros comandando uma organização que já deu o que tinha que dar...

Ward já pode morrer; sim ou com certeza?

Imagem de perfil
Leo Gravena

Editor | Ele/Dele | @LeoGravena
Escrevo sobre cultura geek na internet desde 2012
"Don't look back -- the past is exactly where it belongs."