Os 10 piores casais da Marvel!

Capa da Publicação

Os 10 piores casais da Marvel!

Por Fernando Maidana

Nem sempre isso dá certo. E aqui estão 10 vezes em que a Marvel não conseguiu fazer com que torcêssemos para que o casal ficasse junto no final.

A lista contém SPOILERS dos quadrinhos!

Imagem de capa do item

Jean Grey e Scott Summers

Já começamos com polêmica!

Vocês devem estar achando um absurdo o casal Jean e Scott ser considerado ruim, mas o fato é que eles estagnaram com o passar dos anos. O romance entre eles e até o triângulo - breve e forçado - com Wolverine foi interessante no começo, mas eles jamais pareceram se importar um com o outro depois que estavam juntos.

Qualquer um que acompanhe os personagens nos quadrinhos, e seja um verdadeiro fã de ambos, prefere vê-los separados, já que eles simplesmente não funcionam.

Ciclope combina muito mais com Emma Frost que o instiga a ser um líder cada vez melhor. Enquanto Jean ganhou mais destaque depois que o casal se separou em Novos X-Men, se tornando uma personagem com personalidade e força de vontade jamais vistos.

Imagem de capa do item

Kitty Pryde e Bobby Drake

O triângulo amoroso entre Vampira, Kitty Pryde e Homem de Gelo surgiu no Universo Ultimate e logo foi adaptado para o Universo Principal da Marvel.

Mas a química entre Bobby Drake e Kitty Pryde não funcionava de maneira algum no Universo 616.

Kitty havia acabado de terminar seu relacionamento com Colossus e Bobby lutava contra uma profunda depressão. A decisão de unir o casal pareceu ter sido tomada às pressas e foi muito mal executada. O romance entre os dois não era natural, pareciam duas pessoas forçadas a se beijar na boca entre suas missões.

A situação melhorou quando Brian Michael Bendis escreveu a saga Batalha do Átomo e separou o casal depois de um discurso em que Kitty joga na cara de Wolverine, Tempestade e Homem de Gelo tudo o que eles estavam fazendo de errado.

Imagem de capa do item

Estrela Polar e Kyle Jinadu

Jean Paul Beaubier não agradou os fãs quando surgiu nas aventuras dos X-Men.

Parecia que, realmente, o personagem só havia sido inserido na trama para causar polêmicas sobre um personagem gay ter se unido à equipe. Com o tempo, a personalidade de Estrela Polar foi sendo mais explorada e ele se tornou um dos favoritos dos leitores.

Tudo foi por água abaixo quando o personagem começou a namorar, e logo em seguida se casou, com Kyle Jinadu. O casal não tinha química e Kyle era um péssimo namorado.

Ele não confiava em seu parceiro além de ser completamente irrelevante para a trama. O casamento pareceu muito mais uma decisão editorial do que criativa e nem mesmo sob o roteiro da brilhante Marjorie Liu a trama conseguiu se salvar.

Imagem de capa do item

Demolidor e Mary Tyfoid

Na primeira aparição de Mary Tyfoid, a personagem era uma prostituta que Matt Murdock jogou pela janela.

Só pela primeira impressão já dava pra imaginar que o casal não daria certo! Pra piorar a situação, a personagem se transformou em uma mercenária que trabalhava para o Rei do Crime e desenvolveu uma relação de amor e ódio com o Demolidor.

Ela possui três personalidades. Mary, uma mulher normal. Typhoid, uma sociopata em busca de aventura e emoção. Bloody Mary, uma psicopata assassina.

Enquanto Matt e Mary namoram, o Demolidor enfrenta Bloody Mary. Sem falar que a personalidade de Mary não se lembra de nada que as outras personalidades fizeram.

Imagem de capa do item

Psylocke e Cluster

Cluster é a parte feminina de Fantomex que ganhou seu próprio corpo depois de um experimento mal sucedido.

A nova personagem passa a ter um romance com Psylocke, que pareceu muito mais um fan-service para que os leitores vissem duas garotas se pegando!

Tudo era terrivelmente forçado, mal desenvolvido, mal escrito e até mesmo mal desenhado. O segundo volume da Fabulosa X-Force é um episódio a ser apagado da memória dos fãs.

Imagem de capa do item

Reed Richards e Sue Storm

Sempre que pensamos em casais disfuncionais dos quadrinhos, um dos primeiros exemplos que vem à cabeça é Hank Pym e sua agressão à Janet Van Dyne. Acontece que o herói sempre foi mentalmente instável e o fato aconteceu durante uma crise bipolar, mesmo que nada justifique a violência contra sua mulher.

Apesar de muitos acreditarem que Reed e Sue são um casal perfeito, a realidade é bem diferente. O Senhor Fantástico possui uma série de frases memoráveis como "Esposas devem ser beijadas e não ouvidas".

Além disso, ele já agrediu a Mulher Invisível e não estava passando por nenhuma crise. Sem contar da vez em que Richards testou uma nova arma em seu próprio filho e o deixou em coma.

É disso que a família tradicional brasileira gosta!

Imagem de capa do item

Vampira e Gambit

Todo mundo ama Gambit e Vampira.

Por quê?

Gambit é um personagem divertido, trapaceiro, canastrão e sensual. Vampira é uma mulher com personalidade forte e poderes incríveis.

Então qual é o problema?

Simplesmente, as principais características dos personagens são alteradas quando eles estão juntos. Remy deixa de ser o Gambit que amamos e passa a ser apenas o namorado da Vampira.

Do mesmo jeito que Vampira perde sua importância quando está ao lado de Gambit. Não existe um grande momento do casal que possa se destacar, embora separados eles possuam histórias memoráveis.

Imagem de capa do item

Tempestade e Wolverine

Tempestade sempre teve péssimos relacionamentos ao longo de sua história e provavelmente os fãs não conseguem mais ver outra pessoa ao lado da personagem senão o Pantera Negra.

Mas nas páginas de Wolverine & The X-Men, Jason Aaron decidiu transformar a amizade de anos de Ororo e Logan em um romance.

Mais uma vez, tudo pareceu extremamente forçado e sem química. Com Wolverine prestes a morrer, parecia que a equipe executiva queria apenas mostrar ao público como a viúva ficaria depois que seu grande amor partisse.

Imagem de capa do item

Feiticeira Escarlate e Visão

A inesperada união entre uma mulher e um androide aconteceu nos Anos 60.

Os roteiristas pretendiam quebrar tabus. Visão era uma alegoria para representar as minorias, particularmente negros, e Wanda seria uma representação do casamento inter-racial.

Mas Wanda já é Romani e Judia, sendo assim uma união com qualquer outro personagem já seria um casamento inter-racial! Além disso, ela só se casou com Visão, pois estava sendo manipulada pelo vilão Immortus.

Imagem de capa do item

Wolverine e Jean Grey

Wolverine e Jean Grey nunca foram um casal de verdade no Universo 616.

O Carcaju até chegou a nutrir alguns sentimentos pela ruiva, mas decidiu tirar seu cavalinho da chuva quando Scott e Jean se casaram. No entanto, o amor platônico dos quadrinhos foi passado para os desenhos e isso acabou levando o público a acreditar que o casal deveria ficar junto.

No Universo Ultimate, Wolverine, com 90 anos, tirou a virgindade de Jean, com 17, mas apenas para irritar Ciclope. A cena pode ser considerada tudo, menos romântica ou bonitinha.

Imagem de perfil
Fernando Maidana

Boa piada. Todos riem. Rufam os tambores. Cortinas se fecham.