Capa da Publicação

Gotham – Pontos fortes e fracos de “Mommy’s Little Monster”!

Por Mike Sant'Anna
Imagem de capa do item

Ponto Forte - Adeus mãezinha

Olha, não é que eu tenha gostado do fato da mãe do Oswald ter morrido, era uma senhora muito gentil, meio louca, mas muito gentil. Mas o quanto esse acontecimento foi importante na continuação da construção do personagem do Pinguim. Fora que a cena em si foi bastante emocionante e muito corajosa, eu realmente não imaginava que eles fosse de fato matar a mãe do Oswald.

Imagem de capa do item

Ponto Forte - Galavan

Apesar daquelas orelhas que tiram minha atenção do personagem de vez em quando (sério, tem algo errado com aquelas orelhas), Galavan cada episódio tem mostrado mais suas garras, e nesse episódio ele mostrou que pode ser extremamente frio e calculista em alguns momentos, e o diabo que fica no seu ombro em outros. Está sendo um ótimo vilão (que acaba sendo uma marca registrada de Gotham ter excelentes vilões).

Imagem de capa do item

Ponto forte - O pinguim voltou

Vocês já viram eu dizendo nas listas passadas o quanto o pinguim estava me decepcionando nesta temporada. O quanto eu achei ele chorão e acomodado se comparado com a 1ª temporada. Esquece tudo isso. Nesse episódio nós vimos Oswald Cobblepot de volta em todo seu esplendor. Voltou a ser o vilão que você torce por ele assim como na 1ª temporada e com um adicional de vingança nas costas. Como ele mesmo disse "Segurar sua mãe no colo enquanto ela morre, isso muda uma pessoa". Estou ansioso pra ver as consequências desse acontecimento nas atitudes do Pinguim. E um dos pontos altos do personagem foi...

Imagem de capa do item

Ponto forte - A tropa pinguim

Eu cresci vendo o coringa ter uma gangue de palhaços, entre outros diversos vilões do Batman terem suas gangues caracterizadas à partir do vilão principal. O tamanho da referência quando uma gangue de pinguins veio descendo pelas ruas de Gotham foi digno de aplauso, e o melhor foi que ainda por cima, isso não foi por pura teatralidade apenas, tinha um motivo e uma estratégia (muito inteligente por sinal) por trás de todos saqueles clones do pinguim.

Imagem de capa do item

Ponto forte - Charadas pra si mesmo

A primeira vítima do Charada já foi feita, e não foi a Srta Kringle.A Senhorita Kringle foi vítima de Edward Nygma. A primeira vítima do Charada, foi Edward Nygma. Quem teve que seguir uma trilha de charadas por causa de um plano maléfico, foi o pobre nerd da GCPD que estava à mercê do seu lado maligno. Todos os diálogos entre o lado bom e o lado mau de Nygma eram muito bons, e às vezes você até esquecia que eles eram a mesma pessoa, e Nygma só estava louco.

Imagem de capa do item

Ponto forte - Isso é guerra!

A cena em que Victor Zass vai numa caçada atrás de Butch enquanto Gordon e Bullock estão interrogando o ex-capanga resultou em uma das melhores cenas desse episódio. Gordon e Bullock armados até os dentes com duas metralhadoras enormes, revidando fogo contra fogo. Essa cena não tem um motivo artístico, nem uma construção de personagem, nem acrescenta quase nada ao roteiro. Ela só está aqui porque ela foi muito legal de se ver. E mostrou que Gordon e Bullock estão preparados para uma guerra em Gotham.

Imagem de capa do item

Ponto fraco - Mini Femme Fatale

Alguém consegue me dizer qual motivo dessa fixação tão grande do Bruce pela Silver a ponto dele ficar do lado dela contra Selina, e que seja um motivo além de "Ela é uma loirinha bonitinha e ele está chegando na puberdade". Uma garota de 12 anos agindo como uma Femme Fatale, quase uma miniatura de Barbara Keane. Essa relação do controle de Silver sobre Bruce está muito forçada, era de se esperar um desenrolar melhor pra isso. Nada contra o fato de Silver acabar manipulando Bruce através do "amor", mas que isso fosse melhor desenvolvido

Imagem de capa do item

Ponto forte - Gordon Balls of Steel

Tanto na já citada cena das metralhadoras, quanto ao confrontar face a face o atual prefeito Theo Galavan, Gordon mostrou nesse episódio uma coisa que vinha fazendo falta no personagem na segunda temporada, o peito e a coragem de Jim Gordon, principalmente na cena em que ele está de costas para Theo, apontando uma arma para o pinguim, que diz "Jim, ele matou minha mãe", e sem medo das consequências Jim responde "eu sei..." Convenhamos, é preciso um certo tanto de coragem pra fazer isso.

Imagem de capa do item

Ponto fraco - Quem elegeu esse cara?

O episódio pecou em apressar algo que seria muito importante pro desenrolar da história, as eleições de Theo Galavan. Eu sei, ele era o único concorrendo, não tinha como perder. Mas o processo eleitoral iria dar uma cara pra Gotham, mostrar os sentimentos da população. Eu lembro de ter chegado em certo momento e ter ficado confuso dizendo "Ué, ele já tá eleito?"

Imagem de capa do item

Ponto forte - Nascimento de um vilão

Agora sim! Completo, sem mais dupla personalidade, sem mais dúvidas, sem mais ninguém pra segurá-lo. Edward Nygma finalmente se tornou o charada, quando ele e seu lado maligno entraram num consenso na melhor cena do episódio. Nygma está sendo de longe o melhor personagem dessa temporada.

--

O que você achou do episódio?

Imagem de perfil
Mike Sant'Anna

Eu sou o melhor no que eu faço, mas o que eu faço... É bem retardado.