[CRÍTICA] Vingadores: Guerra Infinita – É assim que se faz um filme de super-heróis!

Capa da Publicação

[CRÍTICA] Vingadores: Guerra Infinita – É assim que se faz um filme de super-heróis!

Por Gus Fiaux

Com a pressão de ser o início da conclusão de dez anos do Universo Cinematográfico da Marvel, Vingadores: Guerra Infinita é o mais recente lançamento da Casa das Ideias até o momento, e um dos filmes mais ambiciosos da história.

Mas será que o longa conseguiu vencer a opressiva expectativa em torno de seu lançamento e é realmente o filme pelo qual todos os fãs esperavam? O longa consegue concluir a jornada iniciada em 2008, pelo primeiro Homem de Ferro? Será que o maior filme de super-heróis de todos os tempos é também o melhor?

Eis aqui a crítica sem spoilers do filme, para que vocês saibam o que nós achamos da superprodução que vai definir uma geração inteira para o cinema blockbuster.

Créditos: Divulgação

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux