Capa da Publicação

[CRÍTICA] Thor: Ragnarok – A franquia pode até ter melhorado, mas não o suficiente!

Por Guilherme Souza

Com a direção nas mãos de Taika Waititi, o filme apresenta um claro contraste em relação às películas anteriores, mas infelizmente não é o suficiente para torná-lo um marco do Universo Cinematográfico Marvel.

 

Créditos: Marvel Studios
Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'