Capa da Publicação

Arquivos Legionários: Guia Básico da Elektra!

Por Gus Fiaux
Imagem de capa do item

Histórico

Elektra foi criada na 168º edição de Daredevil, lançada em janeiro de 1981. A personagem é uma criação do mestre Frank Miller, tanto na arte quanto na própria história.

Imagem de capa do item

Origem

Elektra era filha de um grande diplomata grego. O assassinato de seu pai a forçou a sumir do mundo e a deixou a escolha de recomeçar a vida no Japão.

Lá, ela tentou se infiltrar na organização de ninjas conhecida como Virtuosos. Ela acabou se tornando amiga do líder da organização, Stick, que acabou lhe ensinando bastante sobre artes marciais.

Porém, Stick viu que o ódio pelo mundo estava consumindo Elektra e pediu que ela deixasse de vez os Virtuosos. Determinada a se provar, ela entrou para o Tentáculo, inicialmente tentando destruir internamente o clã, mas sendo corrompida cada vez mais por seus métodos...

Imagem de capa do item

Personalidade

Elektra é um forte ícone feminino nos quadrinhos.

Letal, determinada, cheia de ódio e à procura de vingança, ela sempre foi altamente serena - ou, por vezes, louca até demais, como em O Homem Sem Medo - e pronta para atacar ao menor sinal de fraqueza.

Imagem de capa do item

Poderes

Além de expert em artes marciais, quer sejam armadas ou não, Elektra também possui uma série de habilidades que aprendeu durante seu treinamento ninja.

Ela pode hipnotizar seus inimigos e até mesmo trocar de corpo com eles. Além disso, ela possui leves poderes telecinéticos devido à manipulação do seu próprio Chi.

Outra de suas habilidades provém de uma técnica conhecida como "Grito Silencioso", que como o próprio nome indica, é um grito inaudível que pode deixar pessoas em coma ou até mesmo matá-las.

Imagem de capa do item

Fraquezas

Elektra possui condições normais de qualquer ser humano altamente treinado. Isso significa que, mesmo sendo expert no ataque, ela não é invulnerável, por exemplo, a ataques nem doenças.

Além disso, seus dons psíquicos não são de nascença. Isso é algo que ela aprendeu com longos anos de treinamento no Tentáculo, o que significa que, graças aos seus dons, ela possui uma ligação especial com a Besta-Fera, a entidade demoníaca que serve como divindade do Tentáculo.

Imagem de capa do item

Equipes

Além dos já mencionados Virtuosos e do Tentáculo, Elektra já fez parte dos Thunderbolts, dos Heróis de Aluguel, da própria SHIELD e do Código Vermelho.

Imagem de capa do item

Inimigos

Uma ninja com uma carreira tão brilhante não deixaria de ter alguns adversários cruéis.

Alguns breves exemplos são o Mercenário, que já inclusive matou a personagem, e Gorgon, um dos líderes do Tentáculo.

Imagem de capa do item

Trajes

Apesar de algumas variações aqui e ali, o traje padrão de Elektra é uma roupa leve de ninja, com bandana, luvas e botas. Geralmente, a cor de seu uniforme é vermelha, mas ela já usou trajes brancos.

Vale mencionar também que a arma favorita de Elektra é o Sai.

Imagem de capa do item

Grande Momento

Tendo sido substituída por uma Skrull durante a Invasão Secreta, Elektra é capturada em meio ao Reinado Sombrio, e aprisionada pela organização de Norman Osborn, o MARTELO, que faz experiências em seu corpo.

Mesmo assim, Elektra consegue fugir e inclusive pular de um aeroporta-aviões e continuar viva. Ela logo é caçada pelo Mercenário, mas consegue se salvar e se junta aos Heróis de Aluguel.

Imagem de capa do item

Fora das HQs

Elektra é figura constante fora dos quadrinhos ainda mais se relacionada com um certo advogado cego... Grande destaque para sua participação no filme do Demolidor e seu próprio filme spin-off, que apesar de ser uma bomba de tão ruim, inovou na época por ser um dos poucos filmes de super-heróis protagonizados por uma mulher.

Além disso, ela é bastante presente em jogos eletrônicos, com destaque para Marvel Ultimate Alliance, Marvel Nemesis e Marvel: Avengers Alliance.

Imagem de perfil
Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Demon to some... angel to others (ele/dele) || @gus_fiaux