11 Melhores carros de Mad Max: Estrada da Fúria!

Capa da Publicação

11 Melhores carros de Mad Max: Estrada da Fúria!

Por Marie Bakhuizen

Fonte: CD

Imagem de capa do item

Plymouth Rock

Carro usado para caçar “restos” pelo deserto, parece ser o esqueleto de um Plymouth sedan 1937.

Os espetos que dão personalidade ao carro são usados como arma e também são uma característica dos Buzzards.

Imagem de capa do item

Big Foot

A carcaça de uma caminhonete Fargo 1939 ou 1940 virou um monster truck. Fargo é o nome dado às caminhonetes Dodge que eram feitas para exportação. Com pneus de 1.67m e 1.20m de suspensão, um motor V-8 e transmissão automática Turbo 400. Os eixos são de um tanque militar.

Imagem de capa do item

Buggy #9

O Corvette não foi exportado para a Austrália, então o país criou sua resposta: o Perentti; uma cópia de fibra de vidro do Corvette C3 em cima de um Holden de meia tonelada. O Corvette é mais comprido e tem uma base maior para a roda, no entanto o resultado dessa mistura ficou perfeito para o filme.

Imagem de capa do item

Mack

Esse Mack série R é uma homenagem ao trator/tanque série R de 'Mad Max 2 - A Caçada Continua'.

Sua função é juntar o que pode dos restos pelo campo de batalha para ser reutilizado.

Imagem de capa do item

Peacemaker

Peacemaker é o nome desse Chrysler Valiant Charger esticado sob o chassi de um tanque de guerra americano Ripsaw.

Uma das criações mais incríveis do filme.

Imagem de capa do item

FDK

FDK é o que restou de um Fusca com um motor V-8. Ele tem um poderoso lança chamas embutido na sua estrutura.

Imagem de capa do item

War Rig

Um Tatra de seis rodas com dois motores V-8s, todo decorado com caveiras.

Dá pra ver a traseira de um Chevrolet sedan 1940 atrás da cabine.

O meio de transporte da Furiosa não poderia deixar a desejar.

Imagem de capa do item

Nux

Esse Chevrolet de 1934 tem um motor V-8 super potente e um chassi com suspensão independente. O sistema exaustor fica na porta, no entanto, a única entrada é pelo teto.

Imagem de capa do item

Gigahorse

Dois pedaços de um Cadillac Coupe DeVille 1959 interligados, com dois motores V-8 super potentes, um ao lado do outro.

Um dos carros mais fascinantes do filme.

Imagem de capa do item

Interceptor

Não poderia faltar o Ford XB Falcon 1974 para Max, batido, gasto, enferrujado e apodrecendo, mas estava lá, como em todos os outros filmes.

O designer Colin Gibson explicou “Uma lenda encontrada no esgoto, enferrujada, com muitos consertos e poucas peças originais.".

Imagem de capa do item

Doof Wagon

Um carregador de mísseis 8x8 M.A.N. reformado para abrigar os "músicos" da batalha.

O personagem Comma the Doof Warrior com certeza é um dos grandes destaques do filme.

Pendurado por uma corda de bungee jump, ele toca sua guitarra/lança chamas diante de uma parede de amplificadores para motivar os guerreiros.

“O George Miller - infelizmente - não gosta de coisas que não funcionam. Eu já construi adereços para ele no passado que eu achei que eram só para figuração, e ele disse 'Ok, agora ligue na tomada’. Então a guitarra, o lança chamas e os amplificadores funcionavam,” explica o designer de produção Collin Gibson.

O músico australiano iOTA, que interpretou Doof Warrior, passou grande parte do filme vendado. Ele precisou de seis semanas para conseguir se acostumar a tocar pendurado nesse carro.

Imagem de perfil
Marie Bakhuizen

Jornalista, correspondente internacional da Legião dos Heróis!