Capa da Publicação

10 Melhores Jogos Independentes!

Por Lucas Rafael

A indústria independente de jogos eletrônicos é mais prolífica que a AAA: na janela de tempo de um mês, diversos novos jogos indies inundam a Steam e outras plataformas de venda digital, geralmente feitos por desenvolvedores movidos à paixão, entregando um produto melhor que muito jogo grande por aí.

Nesta lista, separamos 10 jogos independentes incríveis para você que quer botar o pezinho na água deste nicho. Vale ressaltar: são MUITOS jogos independentes lançados com certa regularidade, então se você é um entusiasta do gênero, provavelmente vão faltar alguns joguinho que você ama. Nesta lista, cobrimos o básico para quem quer começar a se aventurar neste território.

Imagem de capa do item

Fez

Criado pelo excêntrico Phil Fish, Fez é um fenômeno da cena indie, vendendo milhões de unidades e apresentando uma proposta simples e bem executada, que brinca com o gênero de plataforma na perspectiva 2D e 3D.

É um dos games que iniciou o boom da cena independente, junto de títulos como Super Meat Boy e Braid, também dignos de sua atenção.

Imagem de capa do item

The Binding of Isaac

Falando em jogos importantes da cena indie, temos também The Binding of Isaac, perturbado jogo em flash feito por Edmund McMiller, um dos criadores de outro clássico da cena, Super Meat Boy.

Binding of Isaac apresenta uma jogabilidade procedural, na qual você controla o protagonista através de calabouços, enfrentando chefes horrendos, coletando itens que aumentam seu poder e facilitam a jornada, tudo para derrotar sua própria mãe, uma fanática religiosa no final. Óbvio que as coisas acabam indo mais fundo, com até satanás entrando na jogada. Um game divertido, perturbado e excelente, que encapsula a potência da criativade injetada nestes títulos.

Imagem de capa do item

Undertale

Não poderíamos ter uma lista dessa sem o recém-clássico desenvolvido por Toby Fox, que encantou todo mundo no ano de seu lançamento.

Undertale apresenta uma jornada diferenciada, com um sistema de combate único, personagens extremamente cativantes e um senso de humor incomparável.

É possível afirmar que este RPG simples em aparência e gigante de coração já seja um clássico moderno.

Imagem de capa do item

Terraria

Continuando a lista, vamos falar deste outro clássico recente. Terraria, título que oferece muita diversão multiplayer em um universo que mistura RPG e aventura com construções e gerenciamento de materiais.

Imagem de capa do item

Transistor

A Supergiant Games já produziu diversos games notórios da cena independente, como Bastion e Pyre. Acredite, todos eles merecem sua atenção.

Para a lista, vamos com Transistor, uma aventura estilizada embalada por uma trilha-sonora hipnótica que vai prender o jogador do começo ao fim. Batalhas por turno, um universo denso e visuais belíssimos te aguardam no mundo de Transistor.

Imagem de capa do item

Journey

Este exclusivo do Playstation é um ótimo ponto de iniciação para quem quer descobrir o apelo deste nicho de jogos. Journey faz o jogador passar por uma experiência memorável que não será esquecida tão cedo, combinando gameplay com trilha sonora e visuais para causar um impacto profundo.

Imagem de capa do item

PUBG

É importante constar, na lista, um dos fenômenos de jogos multiplayer que surgiram da cena independente: PlayerUnknkown's Battlegrounds, que difundiu o gênero battle royale, tão popular no momento.

Você pode até preferir Fortnite, Freefire, ou outro título do gênero, mas importância e influência de PUBG é indiscutível.

Imagem de capa do item

Limbo

Outro game que ajudou na consolidação da cena independente foi Limbo, um game sombrio e etéreo de plataforma que assusta no mesmo nível em que prende o jogador.

Uma experiência aterradora e recompensadora. Outro jogo digno de menção que veio dos mesmos desenvolvedores é Inside, que compartilha de traços semelhantes aos de Limbo, embora conte com uma carga maior de crítica social.

Imagem de capa do item

Hollow Knight

Se você curte Dark Souls, vai amar a proposta de Hollow Knight, jogo recente que praticamente adapta a experiência Souls para o 2D com muito primor.

Mais do que algo derivativo, Hollow Knight é um jogo animado à mão, com toda aquela beleza artesanal transparecendo na movimentação de personagens.

Um universo melancólico e incrível que você não encontra em qualquer jogo AAA está ao seu alcance em Hollow Knight.

Imagem de capa do item

Cuphead

Para fechar a lista, vamos com o maravilhoso Cuphead, jogo feito por duas pessoas que traz uma jornada inesquecível, brutal e recompensadora completamente estilizada com gráficos que emulam animações clássicas.

Estiloso, difícil e incrível, embalada por uma trilha-sonora dançante, Cuphead vai te frustrar no mesmo proporção em que vai fazer você se apaixonar pelo game.

Imagem de perfil
Lucas Rafael

Redator. Entusiasta de coisas demais