Capa da Publicação

10 Franquias de games que sumiram!

Por Marie Bakhuizen

Os fãs pedem, fazem abaixo-assinados, enquetes, correntes, macumba e nada de sair mais uma sequência do jogo que tanto gostam. Confira alguns desses jogos que simplesmente sumiram do mapa!

Lembra de mais algum? Não deixe de comentar!

Imagem de capa do item

spyro

As aventuras de Spyro the Dragon e seu amigo Sparx the Dragonfly venderam mais de 20 milhões de cópias pelo mundo, mas o último game da série a ser lançado foi em 2005.

A activision afirmou em 2014 que gostaria de adaptar Skylanders para o cinema, mas não houve mais nenhuma atualização sobre os games do Spyro.

Imagem de capa do item

Crash

Essa franquia teve muito sucesso e é lembrada com carinho por vários gamers. Após os desenvolvedores abrirem mão dos direitos da franquia para focarem em games mais sérios, Crash nunca mais foi o mesmo.

O último jogo lançado foi em 2008 e os direitos estão nas mãos da Activision, apesar dos boatos de que a Sony os comprou de volta. Existem inúmeros pedidos de um reboot, até mesmo dos criadores originais.

Imagem de capa do item

Streets of Rage

Enquanto Street Fighter e Mortal Kombat entraram para a geração 3D, um dos mais populares jogos de luta do Mega Drive nunca passou do número 3. E apesar dos incansáveis pedidos dos fãs, que chegaram até a criar sequências fan-mades, nada foi confirmado.

Imagem de capa do item

space channel 5

Antes da gente ir no shopping ou no boliche comprar ficha pra máquina de dança ou comprar o tapetinho em casa e ficar igual doido pisando nas flechas no “ritmo” da música, o jeito era seguir os comando no controle mesmo, e era assim que funcionava o Space Channel 5.

Imagem de capa do item

shenmue

Ryo Hazuki está caçando os homens que assassinaram seu pai nesse jogo que teve somente uma continuação. O primeiro jogo terminou com muitos aspectos da história ainda em aberto, e alguns foram resolvidas em Shemue 2, mas esse também terminou sem concluir a história.

Apesar do sucesso na crítica, o jogo não rendeu economicamente, então a Sega não autorizou o desenvolvimento da terceira parte da trilogia e os fãs ficaram a ver navios.

Imagem de capa do item

ape escape

Um jogo engraçado, cheio de referências a cultura pop. Desde 2005 não foi lançado mais nenhum jogo da série original, somente spin-offs e party games, e mesmo entre esses o último foi lançado em 2010.

Imagem de capa do item

populous

O primeiro jogo onde o player podia brincar de ser deus, criando seu universo como quisesse. O jogo serviu como inspiração para outras série de sucesso como The Sims e Tycon, mas somente três jogos foram lançados, o último em 1997.

Imagem de capa do item

lemmings

Um jogo que foi muito popular na década de 90, provavelmente não seria bem recebido atualmente devido ao “passo lento”. O game serviu como percursor de muitos jogos atuais e várias sequências e spins-offs foram lançadas, mas desde 2007 mais nada foi lançado com o nome do jogo.

Imagem de capa do item

Leisure suit Larry

Um homem de meia idade que fica tentando cantar as mulheres na rua, esse game não tinha tudo para ser um sucesso? Um jogo mais adulto com premissas sexuais que foi muito popular nos meados da década de 80.

O game até teve algumas sequências laçadas, mas desde 2012 prometem o lançamento de um reboot em 3D. A última atualização foi que o projeto estaria no Kickstarter, mas isso foi em 2013 e até agora nada...

Imagem de capa do item

Chrono

Esse game da Square-Enix foi muito subestimado, era um jogo onde se mistura personagens medievais com cenários e batalhas no estilo de Final Fantasy e Dragon Quest, com robôs e aspectos místicos.

É preciso usar uma máquina do tempo para viajar até diferentes momentos da história para evitar o apocalipse. Uma sequência foi lançada em 1999, e os fãs clamam por mais, porém até agora nada.

Imagem de perfil
Marie Bakhuizen

Jornalista, correspondente internacional da Legião dos Heróis!